UFRN: PET de Ciências Sociais abre vagas para bolsistas

O Programa de Educação Tutorial do Curso de Ciências Sociais (PET-CS) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abre inscrições para o processo seletivo de bolsistas. São duas vagas destinadas a estudantes regulares da graduação, bacharelado ou licenciatura, devidamente matriculados em disciplinas no período letivo em curso. As inscrições devem ser realizadas entre 2 e 16 de maio por este e-mail.

O estudante deve se dedicar com compromisso e responsabilidade às diferentes atividades promovidas pelo grupo; demonstrar desempenho acadêmico igual ou superior à média, sendo capaz de encarar tanto desafios específicos da atividade em ciências sociais quanto gerais, relativos a conhecimentos diversos requeridos na organização, execução e avaliação, conforme prevê o edital. Além disso, o interessado precisa assumir compromissos e empenhar-se em cumpri-los de maneira construtiva, independentemente de suas preferências pessoais, religiosas, políticas e morais.

Como requisito para integrar o PET, o selecionado deve ter disponibilidade para dedicar 20 horas semanais às atividades do programa; não ser bolsista de nenhum outro programa, seja de iniciação científica, iniciação à docência, monitoria ou apoio técnico e não possuir vínculo empregatício.

O processo seletivo consistirá nas etapas que correspondem aos três instrumentos avaliativos exigidos pelas normas que regem as seleções para os PETs: prova presencial, entrevista e análise do desempenho acadêmico. “Serão selecionados aqueles que obtiverem as maiores notas finais, em ordem decrescente, e os aprovados receberão a remuneração de R$ 400,00”, afirma o professor João Bosco Araújo da Costa, tutor do PET de Ciências Sociais.

Programa de Educação Tutorial

Segundo o Portal do Ministério da Educação, o PET é desenvolvido por grupos de estudantes, com tutoria de um docente, organizados a partir de formações em nível de graduação nas Instituições de Ensino Superior do País orientados pelo princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão e da educação tutorial. Atualmente, a UFRN mantém PETs em diversos cursos, sejam de licenciatura ou bacharelado.

De acordo com José Victor, integrante do PET de Ciências Sociais, no programa é possível desenvolver atividades de pesquisa, ensino, extensão e aprofundar-se dentro das leituras, o que, sem dúvidas, é essencial no nível de graduação. “Recomendo para todos esta experiência. É uma etapa fundamental na formação de qualquer licenciando ou bacharelando, independente da área de atuação”, completa o discente.

Para mais informações, consultar o edital.

Administrador