“Muitos vão ceder, mas não serei eu”, diz Ciro sobre corrida presidencial

Ciro afirmou que manterá pré-candidatura a presidente, após começarem a circular notícias de que João Doria (PSDB) ameaçou desistir da corrida presidencial | Foto: Divulgação/PDT

Foto: Divulgação/PDT

O ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT), afirmou nesta 5ª feira (31.mar) que manterá sua pré-candidatura a presidente da República.

Ciro afirmou que manterá pré-candidatura a presidente, após começarem a circular notícias de que João Doria (PSDB) ameaçou desistir da corrida presidencial | Foto: Divulgação/PDT

O ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT), afirmou nesta 5ª feira (31.mar) que manterá sua pré-candidatura a presidente da República.

+ Leia as últimas notícias no portal SBT News

“Muito vão ceder, mas não serei eu”, publicou o pedetista no Twitter, pela manhã, após começarem a circular notícias de que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), ameaçou desistir de ser pré-candidato a presidente e que o ex-juiz Sergio Moro (Podemos) pode abandonar a corrida presidencial.

Pesquisa PoderData divulgada na 4ª feira (30.mar) mostra que Ciro é o terceiro colocado em intenções de voto para o primeiro turno, com 7%. Ele perde para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o atual chefe do Executivo, Jair Bolsonaro (PL), mas supera, entre outros, Sergio Moro (6%), João Doria (3%), André Janones (2%) — do Avante –, Eduardo Leite (1%) — do PSDB — e Simone Tebet (1%) – do MDB.

SBT News

Administrador