Cotidiano Arquivo

Residência no bairro Campo das Mangueiras sofre incêndio e o projeto Amigos do Bem iniciaram uma campanha de arrecadação para ajudar a moradora Paula Priscila, residente na Travessa Edilson Albuquerque. A senhora Paula perdeu todos os seus eletrodomésticos.

Quem puder ajudar, deve entrar em contato com os números acima.

 

A primeira noite do São João de Macaíba no centro da cidade mesmo sob forte chuva foi um sucesso na noite dessa sexta-feira (01). Grande público compareceu para curtir os shows de Josymar SIlva, Giannini Alencar e Edyr Vaqueiro. A programação segue neste sábado (02) com o festival de quadrilhas Quatrocentão, no ginásio Edilson Albuquerque.

O evento foi prestigiado por diversas autoridades políticas, como o prefeito Emídio Júnior, o vice-prefeito Netinho França, vereadores, secretários municipais e autoridades de outras cidades.

Foto: Elisa Elsie / Governo do RN

O litro da gasolina comum deve ficar R$ 1 mais barato no Rio Grande do Norte por causa da redução da cobrança do ICMS sobre os combustíveis anunciada nesta sexta-feira (1º) pelo governo do Estado.

Com isso, o valor médio que hoje está em R$ 7,89 deve cair para R$ 6,89. Na Grande Natal, é esperado que o litro da gasolina passe a ser vendido por R$ 6,39. O cálculo é do secretário estadual de Tributação, Carlos Eduardo Xavier.

Atualmente, o Estado cobra 29% de ICMS sobre a gasolina, mas o preço médio considerado para o cálculo está congelado em R$ 6,62. Com isso, o Estado arrecada R$ 1,92 de ICMS a cada litro comercializado, independentemente do preço na bomba.

Com a entrada em vigor da Lei Complementar 194/2022 e por força de uma decisão do ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF), a alíquota será reduzida a 18% e o preço médio para cálculo cairá para R$ 4,96 (média dos preços da gasolina nos últimos 60 meses). Com isso, o Estado passará a recolher R$ 0,89 de ICMS a cada litro comercializado. Uma redução exata de R$ 1,03 por litro.

No caso do diesel, a estimativa é que haja redução de R$ 0,20 por litro.

Em entrevista nesta sexta-feira ao programa 12 em Ponto 98, da 98 FM Natal, Carlos Eduardo Xavier disse que o Estado vai fiscalizar os postos para que a redução chegue ao consumidor. “É isso que a gente espera que aconteça. Não sei se vai acontecer. O Procon é um órgão de defesa do consumidor. Está entre os papéis dele o de fiscalização de possíveis práticas abusivas. O Procon vai fiscalizar. Agora, o mercado é livre. A gente espera que isso chegue na bomba efetivamente”, afirmou o secretário de Tributação.

O secretário complementou que considera a lei um equívoco. Ele registrou que, desde novembro, a cobrança do ICMS está congelada nos estados e que, mesmo assim, não houve redução na bomba. Ele disse que não há garantia de que o preço do combustível caia, mas há certeza de que os cofres dos estados e municípios serão prejudicados.

“Eu acho um equívoco. A gente está atacando um problema com a solução equivocada. Agora é que vai se dar a prova, se vai chegar ao consumidor. Que a redução vai chegar nos cofres dos estados e municípios, é inegável. O valor arrecadado de imposto vai ser menor. A gente está estimando algo em torno de R$ 90 milhões por mês, o que dá mais de R$ 1 bilhão por ano”, encerrou Carlos Eduardo Xavier.

Ainda na entrevista, o secretário disse que, apesar de o Estado anunciar a redução do ICMS, vai insistir com uma ação no STF para que a lei que reduziu o imposto seja declarada inconstitucional.

98 FM
Governo reduz IPI de eletrodomésticos da linha branca

Foto:Arquivo/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

A partir de hoje (1º), todos os refrigeradores que chegarem ao comércio brasileiro, fabricados nacionalmente ou importados, devem exibir a nova Etiqueta de Conservação de Energia Elétrica (Ence) do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). A nova etiqueta traz três subclasses, indicando diferença de consumo de até 30% entre os produtos mais eficientes. Além disso, introduz um QR Code que, no primeiro momento, vai remeter o consumidor ao status do registro do refrigerador, “se ele está ativo, inativo, suspenso ou cancelado”.

Segundo o chefe da Divisão de Verificação e Estudos Técnicos Científicos (Divet) do instituto, Hércules Souza, “na verdade, tem que estar sempre ativo. Significa dizer que aquele refrigerador atende os requisitos estabelecidos no regulamento e tem liberação aprovada pelo Inmetro para ser comercializado no mercado nacional”.

Hércules Sousa esclareceu que inicialmente, o QR Code vai fazer apenas o link com a página de registro, e o próprio consumidor poderá conferir o status do registro daquele refrigerador. Essa é a novidade que o Inmetro está implementando agora com a nova etiqueta. O chefe da Divet adiantou, entretanto, que existe um projeto em paralelo para dar robustez maior a esse QR Code.

Neste mês, o Inmetro vai contratar empresa que criará uma plataforma, em que não será gerada somente informação do status do registro da geladeira, mas também associará vídeos informativos para a utilização inteligente de refrigeradores, com dicas para o consumidor ficar atento e obter utilização eficiente do produto. Souza informou que o consumidor, a partir do QR Code, vai ser capaz também de acessar uma espécie de calculadora de gastos, para ter ideia do consumo e do valor monetário que terá na sua conta de energia pelo uso de um refrigerador mais econômico, em comparação a um aparelho menos eficiente.

Comparação

“Vai ser possível, usando os valores de cobrança de energia elétrica da região, definir de maneira mais qualificada financeiramente essa informação. E ele (o consumidor) poderá fazer outra coisa, que é comparar refrigeradores da mesma categoria em termos de volume. Ele poderá ainda dizer qual deles é o mais econômico, tem maior eficiência em termos energéticos e também monetários”. Segundo o técnico do Inmetro, a ideia é criar uma ferramenta a fim de promover ainda mais subsídios para a tomada de decisões do consumidor, usando a etiqueta de eficiência nacional de conservação de energia. A previsão é que a plataforma-piloto esteja pronta para ser testada até o fim deste ano. Os condicionadores de ar serão o segundo produto a ganhar QR Code na etiqueta.

A nova etiqueta para geladeiras introduz as subclasses A+++, A++ e A+ para classificar os modelos que consomem, respectivamente, menos 30%, 20% e 10% de energia do que o tradicional “A”. Com isso, o Inmetro pretende destacar para o consumidor qual o produto que realmente gasta menos energia e incentivar que a indústria adote novas tecnologias em seus produtos, para que se tornem mais eficientes. O comércio varejista tem prazo até 30 de junho de 2023 para continuar vendendo os produtos com a etiqueta antiga. “A gente espera, inclusive, que isso aconteça muito antes da data limite”.

Sousa disse ainda que muitos produtos foram etiquetados na lógica antiga e têm que continuar sendo fornecidos para o consumidor. Ele admitiu, porém, que já podem ser encontrados no mercado produtos com a nova etiqueta. “Muitos produtos já foram etiquetados. Ficou muito a cargo do próprio fabricante ou importador fazer essa mudança. Alguns já se anteciparam à data de 30 de junho de 2022 porque, a partir de 1º de julho, todos os refrigeradores têm que estar etiquetados na nova formatação, mas você poderá ainda encontrar essa convivência da etiqueta antiga com a nova porque, de fato, ele já pode ter escoado a produção para o comércio e não tem como trazer de volta para etiquetar de novo. Seria um duplo trabalho, e a gente não pode impor ao ente regulado”.

O consumidor deve estar atento para conviver com a etiqueta antiga, que fornece apenas a informação de categoria A. As subclasses inseridas agora qualificam melhor esse grupo de geladeiras que se encontra na categoria A. Caberá ao consumidor entrar em contato com o fabricante para tentar entender em que categoria, nessa nova etiquetagem, o refrigerador pode ser considerado. “A gente espera que 100% já estejam com a nova etiqueta, bem antes da data limite de 30 de junho de 2023’. O Inmetro estima que sejam poucos os fabricantes e importadores que ainda não tenham feito a mudança. “Porque interessa também a eles mostrar que o produto dele está em categoria de maior eficiência do que o A, que acabava englobando tudo, sem fazer diferenciação”.

Corrida

Souza reconheceu que haverá uma “guerra” entre os fabricantes para mostrar que o produto deles está no subgrupo A+++ e, portanto, supera os demais. “A etiqueta tem esse papel também de promover a busca por uma eficiência maior. Aí, os fabricantes acabam fazendo essa corrida para oferecer um produto de maior eficiência e, com isso, menor gasto energético, incentivado por uma indústria que adote novas tecnologias em seus produtos para tornar, nesse caso, refrigeradores, de fato mais eficientes. Essa é a ideia mesmo. A gente está provocando essa corrida contra o tempo, para o mercado oferecer refrigerador mais eficiente para o consumidor na ponta”.

O chefe da Divet destacou que o Inmetro conta com a ajuda do consumidor para agir contra fabricantes e importadores que não cumpram o prazo e mantenham geladeiras com etiqueta antiga após 30 de junho de 2023. “A gente pede ao consumidor que, iao dentificar esse problema, entre nos canais do Inmetro. A Ouvidoria é o caminho para fazer denúncias. Se ele encontrou no ponto de venda um produto que não está dentro da nova etiquetagem, a gente vai lá fiscalizar e autuar a empresa responsável por isso”. Souza assegurou que essa é uma prática irregular e mostra que o fabricante ou importador não está cumprindo as regras do regulamento. A parceria com o consumidor ajuda o Inmetro a coibir essa prática. A empresa pode ser autuada, ter o produto recolhido do mercado, além de sofrer multa, cujo valor é determinado de acordo com graus de dosimetria internos aplicados pelo Inmetro.

O Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE) para refrigeradores foi atualizado em 2021, por meio da Portaria nº 332, que estabeleceu novas regras para a classificação da eficiência energética dos produtos, por meio da adoção de subclasses para que o consumidor possa identificar quais os modelos de fato mais eficientes dentro da classe A. Foram determinadas mais duas reclassificações, uma em 2025 e outra em 2030, em que o rigor para a classificação da eficiência energética vai aumentando gradativamente.

Rodovia: Governo estuda privatizar a BR 304 ligando o RN ao CE - Guamare  News

Foto: Reprodução

Motoristas que residem no bairro Campinas, Loteamento Esperança, Avenida Enock Garcia (Lagoa Grande) e Residencial Campinas estão tendo dificuldade de visibilidade para cruzar a BR-304 em Macaíba. São inúmeras reclamações sobre o matagal que cresceu no acostamento da rodovia e impede que os motoristas vejam quando vai cruzar a BR os carros que estão vindo sentido Vilar ao centro.

“A gente não consegue ver quando os carros estão descendo a BR e o risco de acidente tá grande” nos relatou João Maria, morador do bairro Campinas. Recebemos outros relatos, no mesmo sentido. A limpeza do acostamento da rodovia federal é de responsabilidade do DNIT, mas isso não isenta que órgão do município tome providência para cobrar ou buscar resolver o problema.

A Prefeitura de Macaíba está planejando a recuperação imediata da região que abrange o terminal rodoviário, onde irá recuperar e asfaltar as ruas do entorno. A área necessita de diversos serviços de perfilamento e recapeamento em virtude do desgaste causado pela intensa temporada de chuvas.

Desde que assumiu, a nova gestão municipal percebeu a demanda dessa região e organizou todo o processo licitatório para realizar os serviços necessários. A obra trará melhorias significativas para milhares de motoristas e pedestres que transitam diariamente no trecho.

Com o objetivo de conferir de perto a situação, o secretário municipal de Infraestrutura, Vitor Aguiar, visitou o local na manhã desta quinta-feira (30/06), acompanhado por representantes da empresa que será responsável pela obra. De acordo com ele, a Prefeitura vai realizar a reestruturação dessas vias e, em seguida, haverá a pavimentação asfáltica.

O valor dessa relevante obra para a região central da cidade é de mais de 175 mil reais. O serviço está previsto para começar nesta sexta-feira (01/07). O prazo para conclusão é de cerca de 30 dias, a depender do fluxo das chuvas que ocorrer nos próximos dias.

Wesley Safadão recebe R$ 600 mil por show; veja os cachês dos sertanejos ·  Notícias da TV

Reprodução

Por meio de um comunicado oficial no perfil das redes sociais de Wesley Safadão, a assessoria de imprensa, anunciou na última quarta-feira (29), que o cantor irá se afastar dos palcos temporariamente.

O motivo desse afastamento, foi uma orientação médica após o cantor sentir dores na coluna, dormência nas pernas e ter sido diagnosticado com hérnia de disco.

O artista teve seus shows cancelados até 06/07 e permanecerá em repouso até uma nova avaliação médica.

Band

Foto: Gláucio Dettmar/CNJ

Uma advogada foi conduzido à delegacia após ter sido flagrada se comunicando através de um bilhete com dois presos, nesta nesta quinta-feira (30).

O flagrante aconteceu na Penitenciária Rogério Coutinho Madruga, mais conhecido como Pavilhão 5 de Alcaçuz, em Nísia Floresta. A advogada e os dois apenados foram conduzidos para a sede da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), em Felipe Camarão.

Portal da Tropical

Nesta sexta-feira (01), terá início o São João do Povo promovido pela gestão Emídio e Netinho. O macaibense Josymar Silva, vai ser a primeira atração da programação na zona urbana da cidade. Josymar sobe ao palco às 19h e promete surpresa para o público, logo em seguida canta Edyr Vaqueiro e Giannini Alencar.

Na sequência, entre o sábado (2) e a terça (5), vem o Arraiá Quatrocentão, maior festival de quadrilhas do Rio Grande do Norte, que acontecerá pela primeira vez em Macaíba, em parceria com a TV Ponta Negra. O festival será realizado no Ginásio Edílson Albuquerque.

Na quarta-feira (6), a programação retorna à Praça Paulo Holanda Paz e se estende até o sábado (9), com shows de Daysinha e Circuito Musical. Na quinta-feira (7), é a vez dos grupos Forro Meirão e Brasas do Forró. Na sexta-feira (8), quem protagoniza o São João do Povo de Macaíba é a cantora Solange Almeida, sendo precedida pela apresentação do Forró dos 3. O encerramento será na noite do sábado, com os shows de Segundo Sanfoneiro e de Taty Girl.

 

Um acidente foi registrado na manhã desta quarta-feira (29), no centro de Macaíba, e deixou uma mulher com escoriações leves pelo corpo.

De acordo com informações publicadas pelo blog Macaibei, a motociclista trafegava em sua motocicleta quando caiu dentro de um buraco na rua Joanete Ribeiro de Moura, próximo a ponte do conjunto Tavares de Lira.

“A mulher foi socorrida por populares e levada até a sua residência, ela seguia para o trabalho. A moto também ficou danificada”, publicou o blog.

A praça da juventude que encontra-se em construção no bairro Alfredo Mesquita, avançou mais uma etapa. Desde 21 deste mês, a praça está iluminada. No mês passado, os moradores fizeram uma reunião e solicitaram que a iluminação não deveria ser ligada somente com a conclusão da obra, pois ao terem os postes iluminados, passa uma melhor sensação de segurança.

A praça da juventude é uma obra que vinha se arrastando há muito tempo em governos passados, mas a atual gestão tem avançado para concluir a obra. Semana passada, o prefeito Emídio e o vice-prefeito Netinho França estiveram no local para acompanhar o acender das luzes, inclusive, Netinho França tem um histórico de luta desde quando era vereador para que a praça fosse concluída, o que deve acontecer na atual gestão.

 

 

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) iniciou na manhã desta terça-feira (28) o tapa buraco na BR-304 em Macaíba, no trecho próximo ao cruzamento com a avenida Jundiaí (RN-160). Os motoristas que estão saindo da RN-160 devem redobrar atenção, visto que a pista lateral encontra-se com trabalhadores fazendo o serviço.

 

O influencer Carlinhos Maia parece, cada vez mais, que está disposto a tudo mesmo para aparecer. Depois do roubo ao apartamento dele, onde bandidos teriam levado mais de R$ 5 milhões em condições ainda misteriosas, o produtor de conteudo digital agora apareceu pelado nas redes sociais, em “nude” vazado, justamente, pelo marido dele, Lucas Guimarães.

A foto, segundo Lucas, foi postada “sem querer” nesta segunda-feira (27). Por isso, logo surgiram as ironias nas redes sociais de que seria mais uma jogada para que Carlinhos volte ao destaque.

Apesar da foto ter sido deletada rapidamente, não demorou muito para que a imagem começasse a circular nas redes sociais. Vale destacar, que essa não é a primeira vez que um nude do influenciador digital cai na web.

Portal 96 FM

Após uma vasta programação junina na zona rural do município promovida, de forma inédita, pela Prefeitura, gestão Emídio Jr. e Netinho França, durante todos os finais de semana do mês de junho, o São João do Povo de Macaíba desembarca na zona urbana com intensa programação a ser realizada durante nove dias consecutivos. Os cenários serão a Praça Paulo Holanda Paz (Pista Nova) e o Ginásio Edílson Albuquerque.

A programação da zona urbana terá início já na próxima sexta-feira, 1º de julho, na Praça Paulo Holanda Paz, com shows de Edyr Vaqueiro e Giannini Alencar. Na sequência, entre o sábado (2) e a terça (5), vem o Arraiá Quatrocentão, maior festival de quadrilhas do Rio Grande do Norte, que acontecerá pela primeira vez em Macaíba, em parceria com a TV Ponta Negra. O festival será realizado no Ginásio Edílson Albuquerque.

Na quarta-feira (6), a programação retorna à Praça Paulo Holanda Paz e se estende até o sábado (9), com shows de Daysinha e Circuito Musical. Na quinta-feira (7), é a vez dos grupos Forro Meirão e Brasas do Forró. Na sexta-feira (8), quem protagoniza o São João do Povo de Macaíba é a cantora Solange Almeida, sendo precedida pela apresentação do Forró dos 3. O encerramento será na noite do sábado, com os shows de Segundo Sanfoneiro e de Taty Girl. Os eventos estão previstos para começar a partir das 20h.

O São João do Povo de 2022 é o maior festejo junino já realizado em Macaíba. Mais do que celebração, festejar o São João e os outros santos juninos após o período de pandemia significa estimular a economia local, aquecer vendas em diversos setores do comércio macaibense, como vestuário, calçados e acessórios, além de serviços como táxis, mototáxis e corridas por aplicativos, gerando renda extra e vários empregos temporários.

 

Mais uma vez o Governo Fátima Bezerra (PT) se “esqueceu” de citar uma informação básica sobre as obras da Barragem de Oiticica. Na véspera de inaugurar as casas da Nova Barra de Santana, para onde serão relocadas as famílias da região que será inundada pelo projeto, a gestão da petista simplesmente decidiu ignorar a informação de que a iniciativa só está saindo do papel graças aos recursos federais. À administração potiguar coube apenas a execução da obra.

Nas redes sociais, o perfil oficial do Governo potiguar publicou recentemente um vídeo publicitário divulgando a inauguração das casas para esta quinta-feira (30). O material é totalmente dedicado apenas a atuação do Executivo estadual, sem nenhuma citação aos recursos federais que permitiram o projeto.

Apenas na gestão do presidente Jair Bolsonaro, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional, as obras para a Barragem de Oiticica receberam mais de R$ 300 milhões.

Portal Grande Ponto