Área Policial Arquivo

Foto: Reprodução

Um jovem, identificado como Andriel Ferreira do Nascimento, de 20 anos, foi morto a facadas na cidade de Macaíba, Grande Natal, na tarde de segunda-feira (24). O padrasto Márcio Fernandes, de 43 anos,  é o principal suspeito do crime. Segundo a polícia, uma discussão entre eles teria motivado a morte da vítima.

De acordo com a mãe, Robervânia, há alguns anos o marido agrediu Andriel e a partir daí a convivência ficou bastante difícil. A vítima não se conformava com o modo como o padrasto tratava sua mãe. De acordo com os familiares, após assassinar o enteado, o suspeito pegou dinheiro, celular, outros objetos e em seguida fugiu. Ele teria ameaçado quem tentasse prendê-lo.

Andriel Ferreira trabalhava como servente de pedreiro e fazia frete na feira. Robevânia, de 40 anos, afirma que conheceu o companheiro Márcio, padrasto de Andriel, trabalhando com reciclagem. Além da vítima, ela tem outros 5 filhos.

A polícia segue pistas para encontrar o fugitivo.

Informações do Portal Ponta Negra News

Viatura da PRF capotou na BR-304. Foto: Reprodução.

Foto: Reprodução

Uma viatura da Polícia Rodoviária Federal (PRF), lotada na Superintendência do Rio Grande do Norte, capotou no km 272 da BR-304, no município de Ielmo Marinho, neste domingo 23.

Os policiais estavam retornando para Natal após cumprir serviço em Mossoró. O veículo envolvido no acidente era um GM – Chevrolet/Trailblazer LT D4A 2.8.

Segundo relatos, a viatura aquaplanou na pista e capotou. Todos os ocupantes estavam usando cinto de segurança. Dois policiais ficaram feridos, porém foram socorridos e não correm risco de vida.

Agora RN

 

Ataques no Ceará deixaram 12 mortos e 8 feridos nos últimos dois dias.

Na periferia de Fortaleza, uma mulher de 48 anos e um menino de 10 anos morreram baleados depois que criminosos chegaram atirando em um campo de futebol.

Oito crianças e adolescentes também foram atingidos e levados para um hospital. A polícia prendeu um homem e apreendeu um adolescente.

Na mesma noite, em outra região da capital, seis homens dispararam contra um entregador de uma pizzaria. Um cliente que estava na calçada também foi atingido. Ele e o entregador morreram. A polícia investiga os motivos dos dois ataques.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Macaíba no Ar (@macaibanoar)

Polícia Civil defragra operação e prende dois suspeitos por tráfico de drogas | Foto: Divulgação

Foto: Reprodução

Um homem, de 30 anos, foi preso nesta sexta-feira (21) pelo crime de estupro de vulnerável. A prisão foi feita por Policiais civis da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher de São Gonçalo do Amarante (DEAM/SGA) e ocorreu na cidade de Parnamirim, região Metropolitana de Natal.

As investigações da Polícia Civil apontam que o homem é suspeito de estuprar a própria filha, uma criança. A prisão contou com o apoio da Delegacia Especializada de Proteção à Pessoa Idosa e à Pessoa com Deficiência de Natal (DEPID/Parnamirim) e da Delegacia Especializada na Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA/Parnamirim).

O preso foi encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Tribuna do Norte

Operação 'Responsa Sagrada' cumpriu mandados no RN e MS, nesta semana — Foto: PF/Divulgação

Foto: PF/Divulgação

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Rio Grande do Norte, coordenada pela Polícia Federal, investiga um grupo responsável pela administração financeira e cadastros dos membros de uma organização criminosa que atua no Rio Grande do Norte.

Os investigados também seriam responsáveis por pagar uma espécie de auxílio às esposas e companheiras de chefes da facção recolhidos nas unidades prisionais federais.

Na última terça-feira (18), os investigadores deflagraram a operação “Responsa Sagrada”, para cumprir cinco mandados de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão nas cidades de Nísia Floresta, na Grande Natal, e Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

Dois investigados não foram localizados durante as diligências e seguem foragidos.

Investigação

A investigação revelou que o grupo criminoso era responsável pela cobrança e recebimento de uma contribuição mensal paga pelos membros da organização criminosa, bem como pela destinação dos valores arrecadados, pagando uma espécie de auxílio às esposas e companheiras dos chefes da facção recolhidos nas unidades prisionais federais.

Além disso, o bando atualizava e mantinha um cadastro detalhado contendo os dados de todos os seus integrantes.

A partir da representação em Inquérito Policial, a Unidade Judiciária de Delitos de Organizações Criminosas do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte expediu os mandados.

A Ficco é composta pela Polícia Federal, Secretaria Nacional de Políticas Penais, Polícia Rodoviária FederalPolícia CivilPolícia Militar e Polícia Penal.

G1 RN

Foto: G1 RN

Policiais civis da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher Macaíba (DEAM/Macaíba) prenderam em flagrante um homem, de 41 anos, pelo crime de descumprimento de medida protetiva de urgência. A prisão aconteceu nesta terça-feira (18), na cidade de Macaíba, Região Metropolitana de Natal.

De acordo com informações dos investigadores, a prisão ocorreu após o suspeito violar uma medida protetiva que havia sido deferida pela 2ª Vara de Macaíba. A vítima, ao perceber o descumprimento da medida, dirigiu-se imediatamente à delegacia de polícia para relatar o ocorrido.

O suspeito foi preso e encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta, na Grande Natal — Foto: Pedro Trindade/Inter TV Cabugi

Foto: Pedro Trindade/Inter TV Cabugi

Uma operação deflagrada nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (18) cumpriu mandados de busca e apreensão contra dois policiais penais do Rio Grande do Norte, além de um advogado. Os servidores públicos são suspeitos de facilitar a entrada de celulares em um presídio estadual.

O advogado ficou preso, após ser encaminhado à delegacia.

As informações foram confirmadas pela Secretaria de Administração Penitenciária do RN (Seap), que realiza a operação em conjunto com a Delegacia Especializada no Combate ao Crime Organizado (Deiccor).

Ainda de acordo com o órgão, os policiais penais teriam facilitado a entrada de dois aparelhos celulares na Penitenciária Rogério Coutinho Madruga, que fica no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Grande Natal.

Os equipamentos foram apreendidos durante uma operação da Seap no final do mês de março, na unidade prisional.

Nesta terça, os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão contra os suspeitos.

Até a última atualização desta reportagem, a Seap não informou qual seria a participação do advogado no crime investigado.

G1 RN

Foto: Senadinho

Policiais civis da 20ª Delegacia de Macaíba (20ªDP) deram cumprimento, nesta sexta-feira (14), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem, de 21 anos, suspeito de praticar assaltos no município de Macaíba, Região Metropolitana de Natal.

O suspeito foi preso em flagrante por policiais militares do Batalhão de Choque no dia 23 de maio de 2024. Na ocasião, ele foi encontrado portando sete munições de calibre. 38, mas foi liberado em audiência de custódia. As investigações avançaram no sentido de demonstrar a efetiva periculosidade do indivíduo que também é suspeito de praticar uma série de roubos recentes ocorridos no município de Macaíba/RN.

Dessa forma, houve representação pela Autoridade Policial relativa à expedição de mandado de prisão preventiva, cumprida nesta sexta-feira (14).

O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil do RN (SECOMS)

Foto: Polícia Civil/Reprodução

Na manhã desta sexta-feira (14), policiais civis da 20ª Delegacia de Macaíba e da 13ª Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Macaíba (DHPP/Macaíba), prenderam um homem, de 41 anos, suspeito de envolvimento em um duplo homicídio ocorrido no dia 21 de maio de 2024. O suspeito foi capturado na cidade de Lagoa Salgada/RN.

De acordo com informações obtidas durante as investigações, o suspeito havia se envolvido em uma briga com vizinhos na localidade conhecida como Curralinho, Zona Rural de Macaíba, no dia 12 de maio de 2024. Na ocasião, o suspeito teria efetuado diversos disparos de arma de fogo, agredido moradores e incendiado uma motocicleta, além de proferir ameaças.

Após nove dias do incidente, em 21 de maio de 2024, uma das testemunhas da briga foi brutalmente assassinada quando sua residência foi invadida. No mesmo ato de violência, também foram vitimados José David Sobrinho, de 66 anos, e o enteado dele, Carlos Eduardo de Lima, de 18 anos. O duplo homicídio gerou comoção na comunidade do Curralinho, onde tanto as vítimas quanto o suspeito residiam.

Os mandados de prisão foram emitidos após minuciosas investigações conduzidas pelas autoridades, resultando na captura do indivíduo em Lagoa Salgada/RN, onde ele se escondia.

O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil do RN (SECOMS

O que não fazer em um assalto: dicas para proteger sua vida

Foto: Reprodução

Macaíba vivenciou neste domingo (09), mais um capítulo da insegurança que assola a cidade, são muitos os questionamentos e poucas respostas. Em plena luz do dia, uma granja localizada no Alfredo Mesquita, bairro localizado praticamente no centro da cidade, foi alvo de três criminosos encapuzados, armados, renderam a vítima que chegou ao local por volta de 9h25m. Objetivo dos criminosos era adentrar a residência, a primeira pergunta que fizeram a vítima foi “Netinho está em casa”, o Netinho citado tratar-se sobre o atual vice-prefeito da cidade.

Sem obter sucesso, levaram o assessor do vice-prefeito, seu veículo e um aparelho de celular. Logo após roubar o veículo, um posto de combustivel as margens da RN-160 sofreu um arrastão, quem estava no local teve seus celulares roubados.

O que as autoridades locais e estaduais estão fazendo para atuar contra essa onda de crimes em Macaíba?. Viverá a cidade sob o medo? A violência voltará a colocar medo nas pessoas e as ruas ficarão vazias? o comércio já sente os prejuízos da violência? São muitos os questionamentos e poucas respostas.

Este e outros casos têm sido noticiado com frequência na mídia do estado, sendo Macaíba uma das cidades com maior espaço na grade dos programas policiais. A cidade que enfrenta uma onda de crimes, como arrastões, assaltos, roubos, tentativas de homicídios e assassinatos, enfrenta também a inoperência da administração pública, uma Central de Videomonitoramento que não funciona, uma cidade que a guarda-municipal só tem o comandante, o porque das ferramentas que serviriam para combater o crime não estão em pleno funcionamento?

Enquanto isso, Macaíba segue sendo destaque nas páginas policiais.

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, através da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), deflagrou nas primeiras horas desta terça-feira (11) a “Operação Ares”, que resultou nas prisões de três integrantes de uma facção criminosa local no município de Macaíba, na Grande Natal.

A investigação iniciou em maio deste ano quando duas facções criminosas rivais entraram em conflito no bairro do Vilar, na cidade de Macaíba. No bairro, existia um grupo de uma facção interestadual, razão pela qual a facção local atacou. As provas do inquérito demonstram que ocorreram diversos tiroteios na comunidade, casas pichadas e até mesmo incendiadas pelas facções, tendo as testemunhas narrado que houve uma verdadeira guerra entre as duas organizações.

A ação da Polícia Civil resultou no cumprimento de três mandados de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão. Foram presos três homens, um de 25 anos, o segundo de 26 anos, e o terceiro, de 37 anos. Os nove mandados judiciais foram deferidos pela Unidade Judiciária de crimes de organização criminosa da capital e cerca de 60 policiais participaram da operação.

A ação contou com o apoio do Departamento de Inteligência da Polícia Civil (DIP), através do Núcleo de Investigação Qualificada (NIQ), da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da 20ª Delegacia de Polícia de Macaíba (20ª DP), da Delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (DEPROV/Natal), da Polícia Penal e da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado do Rio Grande do Norte (FICCORN/Mossoró).

O nome da operação Ares é relacionado ao Deus da Guerra na mitologia grega.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Foto: PCRN

Policiais civis da 20ª Delegacia de Macaíba (20ªDP), em ação conjunta com a Central de Monitoramento da Polícia Penal (CEME), realizaram o cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão, na tarde de segunda-feira (10), resultando na captura de uma dupla envolvida em um roubo a uma barbearia. O crime ocorreu no dia 20 de março de 2024, no bairro de Auta de Souza, no município de Macaíba, na Grande Natal. Uma das prisões ocorreu no bairro Tirol, Zona Leste de Natal, enquanto a outra foi efetuada em um unidade prisional de Ceará-Mirim.

Conforme as investigações, os dois investigados, juntamente com outros indivíduos, utilizaram armas de fogo para ameaçar as vítimas e subtrair seus pertences, dinheiro e veículos. A equipe da 20ª DP continua com as investigações para identificar e capturar os demais envolvidos no crime.

Dois homens e um adolescente são mortos a tiros em Severiano Melo — Foto: Reprodução/Focoelho

Foto: Reprodução/Focoelho

Dois homens e um adolescente foram mortos a tiros na madrugada deste sábado (8), na zona rural do município de Severiano Melo, na região Oeste do Rio Grande do Norte. O crime ocorreu na Sítio Gitirana.

A Polícia Militar foi acionada por volta da 0h40 e constatou que havia marcas de disparos de arma de fogo nas vítimas. Também foram encontrados cartuchos de espingarda calibre 12 próximo ao local do crime.

As vítimas foram identificadas como:

  • Antônio Gerson da Silva Fernandes, 57 anos
  • Anderson Kenedy Raiva Nunes, 14 anos
  • Fagner Lima Fernandes, 32 anos

Fagner Lima Fernandes era filho de Antônio Gerson da Silva Fernandes.

Os suspeitos fugiram. Ainda não se sabe a motivação do triplo homicídio.

G1 RN

 

Foto: Ilustrativa

Um estabelecimento comercial localizado em Macaíba, foi alvo de assalto durante o início da noite desta sexta-feira (07).

O assalto ocorreu por volta das 18h40m, na rua São Francisco, no loteamento Bosque Brasil.

A CONECTTV foi informada que dois criminosos portando armas de fogo, entraram no mercadinho e anunciaram o assalto rendendo funcionários e clientes.

Um funcionário do estabelecimento ainda informou a nossa equipe, que o dinheiro do caixa foi levado, como também quatro parelhos celulares e um carro HB20, de cor preta, (Carro esse pertencente a um cliente).

A dupla de assaltantes que entraram no estabelecimento, contaram com um apoio de outro suspeito que estava do lado de fora.

Informações da Conecttv Potiguar