Arquivo diário: sexta-feira, abril 12, 2024

Netinho França manifestou sua opinião contra a contratação de uma organização social para saúde do município de Macaíba. A fala de Netinho é mais uma contra o que a Prefeitura de Macaíba quer fazer, terceirizar os serviços da saúde para uma entidade. De acordo com o edital de chamada pública, a prefeitura poderá gastar até 26 milhões de reais em um contrato com uma Organização da Sociedade Civil (OSC).

Em contato com o Macaíba no Ar, Netinho afirmou “Sou totalmente contra uma organização social a frente da saúde do nosso município, a terceirização que eles querem fazer, prejudicará os serviços de saúde, vai contra nossos servidores públicos e ainda pior, querem gastar 26 milhões de reais em um contrato desse, estou do lado do povo Macaíba, diga não a esse absurdo!” finalizou.

Ruas em Ipanguaçu estão alagadas — Foto: Amanda Melo/Inter TV Costa Branca

Foto: Amanda Melo/Inter TV Costa Branca

Bairros e comunidade de Ipanguaçu, município na Região Oeste do Rio Grande do Norte, permanecem com as ruas e casas alagadas mais de 10 dias após as fortes chuvas e transbordamento de açudes que atingiram a região, no dia 1º de abril.

No dia 2 de abril, o município decretou estado de calamidade com validade de 90 dias.

Segundo levantamento da prefeitura, cerca de 2 mil famílias moram em áreas atingidas pelas enchentes – elas foram cadastradas pela Secretaria de Assistência Social para receberem cestas básicas e assistência médica.

O cenário atual é de barcos passando pelas ruas de pelo menos três bairros: Maria Romana, Pinheirão e Ubarana. A prefeitura de Ipanguaçu alugou 10 barcos para o transporte de moradores na zona urbana da cidade. O serviço é feito por pescadores e canoeiros da região.

“A gente dispõe de oito tratores para a população, que chega com leite, para agricultores que têm suas mercadorias para fazer a travessia. Estamos dando toda a assistência”, explicou o coordenador da Defesa Civil, André Cortez.

Na zona rural, pelo menos 16 comunidades estão isoladas, segundo a Defesa Civil, com o acesso sendo auxiliado pelo uso de barcos e canoas. Além de casas e ruas, áreas de plantio, como de produção de bananas, foram destruídas pelos alagamentos.

O alagamento na cidade aconteceu após a sangria do Açude Pataxó. A lâmina da sangria chegou a ser de 1,1 metro, mas nesta quinta-feira (11) estava com 38 centímetros.

G1 RN

 

Foto: Reprodução

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse nesta sexta-feira, 12, que, se pudesse, faria um decreto para que as pessoas que mentissem fossem presas. “Eu se pudesse ia fazer um decreto: é proibido mentir. Quem mentir, vai ser preso. Porque a gente não pode viver subordinado à mentira, a gente não pode viver subordinado à maldade, à intriga”, disse o presidente.

De acordo com Lula, as pessoas, por viverem conectadas demais aos celulares, estão se desconectando entre si. “Nós nascemos para viver com muita solidariedade entre nós. Quando isso desaparece, a mentira ganha destaque”, concluiu.

Lula fez a declaração em evento do setor agropecuário em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Acompanhado dos ministros Carlos Fávaro, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e Simone Tebet, do Planejamento, o presidente visitou novas plantas frigoríficas da JBS e participou do ato simbólico do envio das primeiras carnes produzidas nas instalações para a China. Também estiveram presentes o governador Eduardo Riedel (PSDB), deputados federais do Estado e o embaixador chinês no Brasil, Zhu Qingqiao.

Portal 98 FM

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Macaíba no Ar (@macaibanoar)

 

O empresário Janssen Motos através das redes sociais, fez um alerta para terceirização da saúde do município de Macaíba. O alerta de Janssen é sobre a contratação que a Prefeitura de Macaíba quer fazer através de chamamento público para contratar uma Organização da Sociedade Civil (OSC) para ficar a frente de diversos serviços de saúde.

Confira a opinião de Janssen sobre o assunto: