Bolsonaro Arquivo

Leo Cabral/ Divulgação

A ex-senadora Marina Silva voltou a criticar o presidente Bolsonaro sobre o vídeo que o mesmo compartilhadou através do whatsap, onde o conteúdo do vídeo convoca a população para protestar contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal.

No Facebook, a ex-senadora escreveu “A postura do Presidente é a mesma de quando foi deputado federal durante 28 anos: autoritária e sem nenhum cultivo para o exercício de funções públicas de cunho republicano.

Ver a apreensão de setores da sociedade, principalmente agentes do mercado, em relação a instalação de um cenário de incerteza sobre a melhoria da economia do país, em função da aposta constante do Presidente Bolsonaro e seus asseclas no esgarçamento das relações entre os poderes e no completo desapreço pela Constituição, é vergonhoso.

Uma coisa é o efeito do coronavírus, a outra é a aposta na tosquice política, que a toda hora tensiona o país rumo ao caos. Que o vírus não se torne a desculpa esfarrapada pelo insucesso econômico protagonizado pela política nonsense desse governo”

A polarização Bolsonaro versus Lula tem tomado de conta das discussões nas redes sociais e nos últimos dias ganhou um capítulo bem humorado. Em um vídeo editado, o criador de conteúdo Bruno Sarttori editou uma das cenas da novela mexicana “A Usurpadora” e colocou o rosto do presidente Bolsonaro e do ex-presidente Lula  nas personagens Paola Bracho e Paulina Martins.

Na cena editada, o ex-presidente Lula diz que voltará e o presidente Bolsonaro diz que ainda não terminou seu mandato.

Assista!