Secretaria Estadual de Educação vai investigar professores que pagam para terceiros darem aula

A imagem pode conter: 1 pessoa, área interna

Em uma publicação no Facebook, a Secretária Estadual de Educação do Rio Grande do Norte, Claúdia Santa Rosa,  afirmou que autorizou abertura de dezenas de processos contra professores que não estaria indo trabalhar e pagando a terceiros para cumprir o expediente.

Veja o que escreveu Claúdia Santa Rosa.

Hoje tive de autorizar o prosseguimento e/ou a abertura de dezenas de processos que, infelizmente, há quase 100% de chances de resultarem em demissões de professores, alguns em estágio probatório. Explico: com a conivência de gestores (também responderão com as mesmas chances de demissão) e dos que trabalham nas respectivas escolas, esses professores pagam entre R$ 800,00 e 1.000,00 por um mês de trabalho para pessoas os substituírem, por meses e anos. Grave, gravíssimo! Não preciso dizer o enquadramento legal e moral em um país imerso em investigações de corrupção e lesão dos bens públicos. A legislação é severa. Lamento!
Estou divulgando para que a população tome conhecimento e, se há outros casos, os envolvidos corrijam em tempo. Todos precisamos abraçar a escola 

Administrador