Polícia Militar emite nota sobre ocorrência em frente ao prédio do Detran com grevistas

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte em face da ocorrência registrada, na manhã desta segunda-feira  (27), no portão principal do Departamento Estadual de Trânsito, esclarece que:

1. A PMRN foi acionada por funcionários terceirizados do Detran que informavam que manifestantes impediam o acesso de pessoas as dependências do órgão;
2. A PMRN ao chegar no local foi hostilizada pelos manifestantes. Os policiais solicitaram que fosse respeitado o direito de   ir e vir de pessoas que necessitavam entrar no estabelecimento público;
3. Um policial militar que estava negociando foi agredido fisicamente por um dos manifestantes; o agente de segurança imediatamente deu voz de prisão ao agressor. Uma segunda pessoa foi detida em decorrência de obstrução à atividade policial;
4. A PMRN utilizou de força proporcional as ofensas e agressões perpetradas pelo grupo de manifestantes, e lamenta profundamente o ocorrido;
5. A Polícia Militar tem por dever constitucional a garantia da ordem pública e a defesa da vida. Neste caso, as ações tiveram por objetivo garantir o direito de locomoção inerente a todos;
6. Reafirmamos o nosso compromisso em defesa da vida, dos direitos e da ordem pública.

SOMOS A PMRN: PATRIMÔNIO DO POVO POTIGUAR

Administrador