O presidente do STF, Joaquim Barbosa, decidiu nesta quarta-feira (30) que o ex-presidente do PT José Genoino terá que se apresentar em 24 horas no presídio da Papuda, em Brasília. Caso o petista não se apresente, será expedido um mandado de prisão.

Condenado a 4 anos e 8 meses no processo do mensalão pelo crime de corrupção, Genoino está desde o ano passado em prisão domiciliar por ter passado mal nos primeiros dias de detenção devido a problemas cardíacos e a uma cirurgia que fez para implantar uma prótese na aorta. Com isso, o petista cumprirá sua pena em regime semiaberto.

A decisão de Barbosa foi baseada em laudo feito por médicos da UnB (Universidade de Brasília), que diz que o ex-parlamentar apresenta um quadro “clínico plenamente estabilizado” e “aparente ótimo estado geral”. O resultado dos exames, feitos no dia 12 de abril, foi enviado ao STF na última segunda-feira (28).

O advogado de Genoino, Luiz Pacheco, afirma que apresentará um agravo para plenário do tribunal. “Vamos dizer que ele na verdade tem uma cardiopatia de risco. Ele está estabilizado porque está com os cuidados necessários no regime de prisão domiciliar. O nosso receio é que o quadro dele regrida.”

Em novembro passado a junta médica da UnB havia concluído que Genoino não apresentava cardiopatia grave. No novo laudo, a condição é reafirmada e diz que, apesar de o ex-presidente precisar de avaliações médicas periódicas, não se apresenta um quadro de saúde que justifique medidas excepcionais para seu tratamento.

Em fevereiro o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, num parecer enviado ao Supremo, foi contrário à manutenção definitiva de prisão domiciliar para Genoino. De acordo com ele, novos exames deveriam ser feitos para avaliar se o quadro de saúde havia se estabilizado, o que permitiria o envio do condenado à prisão.

Além do laudo da UnB, no dia 4 de abril a Câmara dos Deputados negou um pedido de aposentadoria por invalidez para Genoino por entender que ele não possui cardiopatia grave.

Folha de SP

                          No novo álbum, Multishow ao Vivo - Ivete Sangalo 20 Anos, a cantora assumiu o comando geral do espetáculo. No entanto, acredita que não pode dirigir outro artista ou algo na TV. — Eu tinha profissionais me dando apoio. Eu me dirijo, mas cercada por pessoas muito competentes e que estão devidamente creditadas no DVD 

No fim do ano passado, Ivete Sangalo gravou o DVD que marca os 20 anos de carreira. O palco escolhido foi o estádio Arena Fonte Nova, na Bahia. E não foi à toa. Ivete Sangalo escolheu seu Estado para registrar um dos álbuns mais especiais de sua trajetória.

— A intenção era voltar e dizer “eu consegui”. Igual quando você sai de casa e vai pro mundo e depois volta pra casa da mãe, formado e realizado. Essa é a sensação.

O álbum só chega às lojas no dia 6 de maio, mas Ivete já desembarcou em São Paulo para falar sobre o novo filho, Multishow ao Vivo – Ivete Sangalo 20 Anos.

A cantora assumiu o comando geral do show, que é um verdadeiro espetáculo com muitas cores, dança e mistura musical.

Ivete vai da alegria de seu axé, ao batidão do funk, do reggae e passa também pelo funk. No meio desta musicalidade toda, se arrisca no inglês em três músicas, entre eles Could You Be Loved e Crusin’. Dois duetos muito bons, com Alexandre Carlo e Saulo Fernandes, respectivamente.

Até a baiana se surpreende com a resposta do público, no dia do registro. A cantora aparece assustada já na primeira música tamanha a emoção ao se deparar com um mar de gente.

— Se tem uma coisa que me deixa louca é gente com a mão pra cima. Quando eu estou no show é mais forte do que eu. Sou uma pessoa do groove. Não me bote no estúdio, me bote no palco com tudo ligado.

Brincalhona durante toda a entrevista, Ivete tira onda quando perguntada sobre qual conselho ela se daria há 20 anos.

— Eu diria ‘coma um ovo de Páscoa sim, outro ano não. Porque eu acumulei dez Pascoas este ano.

Quando fala sério, ela diz que diria a si mesmo para se manter natural.

— Seja você mesmo que acaba dando certo. Isso que eu diria. Dei muita sorte de não ter conseguido criar um personagem para minha carreira. Seria difícil manter um personagem com tantos compromissos e coisas para decidir.

Com a trajetória reconhecida até internacionalmente, a cantora baiana não se esconde atrás da modéstia e assume que também se acha uma grande mulher.

— Eu me acho uma mulher incrível, de verdade. Eu gosto de mim, gosto da mulher que me tornei, da mãe e da cantora, mesmo sabendo que tenho algo para melhorar.

Em determinado momento do DVD, na participação com Stomp, Ivete Sangalo aparece de macacão, que lembra aqueles usados em borracharia. A cantora diz que a ideia era criar uma lembrança urbana, apesar do modelo não ter valorizado as curvas dela. Ivete diz que ficou parecendo o Pereirão (personagem de Lilian Cabral em Fina Estampa) e que ficou com o bumbum gigante. Mas, a cantora que sempre foi boazuda, está feliz com o corpão.

— Nunca fotografei nua, mas quando estou sozinha digo ‘p***’. É porque eu não tenho foto nua, senão, colocaria na parede.

Ivete está totalmente à vontade com o corpão. Aparece grande parte do DVD como as pernas de fora, usando maiôs. Porém, com muita elegância, tapando o bumbum com minicapas. Durante a coletiva de imprensa em São Paulo, com toda sua irreverência, ela comentou o fato das cantoras serem perseguidas por padrões de beleza.

— Quando falaram que eu estava com barriga, eu realmente estava. Quando começaram a falar que eu estava grávida, falei “vou ter que assumir a pochete”. Vou falar o quê? Estava mesmo. Se criticam, é porque está isso mesmo. Só vão parar de falar quando eu gastar o dinheiro da pochete [risos].

No meio desses 20 anos, comemorados no álbum, também tem a fase da saída do Eva para a carreira solo. A cantora conta que não teve desafios em assumir a carreira sozinha, pois estava muito consciente do passo que estava dando.

— Sabia que era um desafio, sim. Mas não era um sofrimento. Trato toda dificuldade como um aliado. Era muito comentário e eu ficava aliviada porque tinha convicção do que estava fazendo. 

R7

                            Foto: Elaine Souara

Um carro adquirido com verba do SUS pela prefeitura de Pedro Velho foi flagrado na zona norte sendo utilizado em proveito próprio de um funcionário público em pleno domingo, (27).

A caçamba da caminhonete estava com colchonetes e bebidas transitando nas vias de Natal.

O carro oficial voltava do litoral norte pelo complexo viário do Igapó.

Via Certa Natal

                           enem2013

O Ministério da Educação (MEC) criou  por meio de portaria, o Comitê Gestor de Tecnologia da Informação dos processos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O grupo será responsável por aprimorar a gestão das atividades do Enem relacionadas à tecnologia da informação. Ficará responsável pelo sistema de inscrição, feita online, pela vista pegagógica das redações, entre outros procedimentos.

O comitê será presidido pelo secretário executivo do MEC, Luiz Cláudio Costa. O objetivo será orientar as ações de segurança da informação e comunicações no âmbito do Enem; definir os recursos necessários de tecnologia da informação para o cumprimento do cronograma previsto para o exame; definir formatos das bases de dados; e acompanhar e propor melhorias e evoluções do sistema integrado de monitoramento dos processos do Enem.

No ano passado, mais de 5 milhões de candidatos fizeram o exame. Em 2014, as provas ainda não têm data definida. Uma possibilidade é que ocorram nos dias 8 e 9 de novembro.

A nota do exame pode ser usada para a participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que disponibiliza vagas no ensino superior público; o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas em instituições privadas; e o Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional (Sisutec), que destina a estudantes vagas gratuitas em cursos técnicos.

O Enem é também pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e para obter bolsas de intercâmbio pelo Programa Ciência sem Fronteiras.

Agência Brasil

Foto retirada do Senadinho Macaíba
                           PREFEITURA RECEBE REPRESENTANTES DO MST
     
Na manhã desta terça-feira (29), representantes da Prefeitura de Macaíba se reuniram com representantes do Movimento de Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), para discutir trabalhos que podem ser realizados nos acampamentos e assentamentos do município.
A reunião foi pautada pela tranquilidade e pela busca do diálogo. Participaram da reunião os secretários de Agricultura, Pecuária e da Pesca, Francisco Maia; de Administração e Finanças, Valdério Barbosa Vieira; de Assuntos de Governo, Lindoarte Alves Lima; de Infraestrutura, Rawplácido Saraiva Maia; o chefe de gabinete, Tales D’Oliveira e o procurador geral do município, Adauto Evangelista Neto.
Representantes do MST de Eldorado dos Carajás e dos municípios de Vera Cruz, Ceará-Mirim e Mossoró também estiveram presentes. Vários pontos foram discutidos baseados na pauta entregue pelos manifestantes.
Alguns deles foram considerados viáveis como, por exemplo, a perfuração de um poço no assentamento Eldorado dos Carajás. Outros, no entanto foram considerados inviáveis como, por exemplo, a entrega de bonés, camisetas e bandeiras e a realização da festa de 25 anos do movimento, tanto por representantes da Prefeitura como do MST.
Todos os envolvidos ficaram satisfeitos com o resultado final da reunião e entre os dias 9 e 14 de maio, a Prefeitura tomará uma posição sobre o quê efetivamente pode ser desenvolvido, de acordo com os pontos viáveis da pauta.
Assecom-PMM
Nota
As Secretarias de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan) e da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) comunicam que o pagamento dos salários dos servidores estaduais relativo ao mês abril será escalonado da seguinte forma:  nesta quarta-feira (30), às 14h, será creditado o pagamento de todos os servidores da Segurança, Saúde, Educação, UERN (independente do valor do salário) e de todos os demais servidores das outras áreas que recebem até R$ 5 mil líquidos (99.514 servidores, equivalente a 97% da folha).  
No dia 09 de maio, sexta-feira, recebem os 3.078 servidores que ganham acima de R$ 5 mil líquidos. 
                      
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) rejeitou o recurso impetrado pela coligação de Cláudia Regina e manteve a candidatura de Francisco Silveira Júnior nas eleições para prefeito que acontecem domingo (4) em Mossoró. A decisão foi tomada pelo pleno do TRE em sessão na tarde desta terça-feira (29).
De acordo com a ação da coligação, Silveira Júnior, que assumiu interinamente a gestão municipal após o afastamento de Cláudia Regina, deveria se desligar da função para poder concorrer.

                 r4y45wy45y45y

Em pouco mais de um dia, a comissão especial da Polícia Civil conseguiu prender quatro homens e apreender um menor suspeitos de da morte do policial civil Ilfran Tavares, de 51 anos, assassinado no último domingo (27) em uma tentativa de assalto na Panificadora no bairro de Petrópolis, em Natal.

Os presos foram identificados como sendo Marcelo Pegado Correia, 18, Gláucio Herculano Fonseca, 19, Thiago Jerônimo Pinheiro, 18, vulgo “Thiago Coxinha”, Alessandro Wallace de Freitas Procópio, vulgo “Sandrinho”, 20, além de um adolescente de 17 anos. As prisões aconteceram na Zona Norte de Natal, Parnamirim e Macaíba. Durante depoimento, todos assumiram a participação no crime.

De acordo com a polícia, a quadrilha informou que a Panificadora não era o primeiro alvo. “Eles foram roubar um depósito de bebida em Santo Antônio (Distrito de São Gonçalo). Porém, esse depósito estava fechado. Então eles voltaram para Natal e ficaram rodando pela cidade. Quando passaram pela panificadora, eles perceberam que a região estava escura e deserta, então resolveram assaltar”, afirmou Herlânio Cruz, delegado titular da Delegacia Especializada de Furtos e Roubos (Defur) e que fez parte da comissão especial. O bando estava em duas motocicletas pretas e um Celta branco (as motos e o carro foram apreendidos). Ao decidirem assaltar o local, eles foram para a Praça Cívica e lá Gláucio e o menor pegaram as armas que estavam dentro do veículo e partiram para a Panificadora.

Nas imagens do sistema de segurança, o menor é o de camisa listrada, que entra em confronto com o policial morto, que reagiu ao perceber que o menor estava ameaçando sua irmã com uma arma, e Gláucio é o de capacete. Nesse momento, Gláucio veio por trás e disparou. “Em depoimento, o menor e Gláucio acusaram um ao outro quando questionados quem teria atirado no policial. Mas temos quase certeza que o tiro partiu de Gláucio. Mas ainda estamos fazendo alguns exames para confirmar. Eles confirmaram que o policial reagiu ao assalto”, afirmou Herlânio. Thiago e Marcelo ficaram do lado de fora dando apoio nas motos, enquanto Marcelo ficou no carro.

A situação que mais chamou a atenção dos policiais envolvidos nas prisões foi o fato de que todos do bando tinham uma condição financeira boa. “A família deles tinha condições de dar uma boa vida para todos. Eles escolheram o mundo do crime por querer mesmo. Eles queriam ostentar. O pai do Gláucio, por exemplo, falou que não entendia como o filho conseguia ir para tantas festas. O carro utilizado no assalto era do irmão de Thiago”, destacou o delegado Frank Albuquerque. O adolescente, inclusive, estudava em uma escola particular. “Esse adolescente era do time da escola. Era uma pessoa muito conhecida e não precisava roubar para ter uma boa vida. Teve todas as oportunidades para seguir a vida do bem, mas escolheu o outro lado”, completou Frank.

O jornal de hoje

A menos de seis meses das eleições, a presidente Dilma Rousseff (PT) se mantém na liderança da disputa pelo Palácio do Planalto, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira (29) pela CNT (Confederação Nacional do Transporte), realizada pelo instituto MDA.
No cenário com oito candidatos disputando o pleito, Dilma lidera as intenções de voto, com 36,4%; e é seguida pelo senador Aécio Neves (PSDB), com 21,2% e pelo ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), que tem com 11,1%. Os outros candidatos seriam Magno Malta (PR), com 0,6% dos votos; Pastor Everaldo (PSC) com 0,4%; Randolfe Rodrigues (PSOL) com 0,4%; José Maria Eymael (PSDC) com 0,4% e Levy Fidelix (PRTB) com 0,3%. Nesta situação, brancos e nulos somam 19,0% e o percentual dos que não sabem ou não responderam é de 10,2%.
No cenário com apenas três candidatos (Dilma, Aécio e Campos), Dilma caiu 6,7 pontos percentuais em relação à pesquisa anterior e tem agora 37,0% das intenções de votos (ante 43,7% em fevereiro).
Tanto Aécio quanto Campos registraram aumento nas intenções de voto neste cenário. Se o pleito fosse hoje, o senador tucano receberia 21,6% (contra 17% na pesquisa anterior), e o ex-governador de Pernambuco, 11,8% (9,9% em fevereiro).
O número de brancos e nulos chegou a 20,0% nesse cenário, e 9,6% dos eleitores não souberam ou não responderam. Neste cenário, nenhum candidato pequeno foi incluído na sondagem.
UOL
Foto Senadinho

Foi realizada nesta amanhã de terça-feira (29), um protesto em frente a prefeitura municipal de Macaíba, o movimento realizado pelo MST conhecido pelo país todo em que eles sempre reivindicam terra, após os ânimos se agitarem os protestantes revolveram entrar dentro da prefeitura pedindo a presença do prefeito Fernando Cunha, a polícia esteve no local para manter a ordem e resguardar os funcionários da prefeitura.

                      
O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa, divulgou uma nota na noite desta segunda-feira rebatendo as críticas ao processo mensalão feitas pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Para ele, dizer que o julgamento foi 80% político é algo que merece “o mais veemente repúdio” e mostra que o petista não entende o papel reservado ao Judiciário numa democracia.
“A desqualificação do Supremo Tribunal Federal, pilar essencial da democracia brasileira, é um fato grave que merece o mais veemente repúdio. Essa iniciativa emite um sinal de desesperança para o cidadão comum, já indignado com a corrupção e a impunidade, e acuado pela violência. Os cidadãos brasileiros clamam por justiça”, diz trecho da nota.
O presidente do STF ainda destacou que o processo do mensalão foi conduzido de forma “absolutamente transparente”, com todas as partes envolvidas tendo acesso aos autos.
Além disso, lembrou que a acusação e a defesa tiveram mais de 4 anos para levar ao STF provas que entendessem necessárias. Por isso, as declarações de Lula a uma TV portuguesa, alegando que o julgamento foi político e tinha o objetivo de destruir o PT, não procedem.
“O juízo de valor emitido pelo ex-Chefe de Estado não encontra qualquer respaldo na realidade e revela pura e simplesmente sua dificuldade em compreender o extraordinário papel reservado a um Judiciário independente em uma democracia verdadeiramente digna desse nome”.
‘TROÇO DE DOIDO’
Barbosa não foi o primeiro ministro do STF a rebater as declarações de Lula. Também nesta segunda-feira, Marco Aurélio Mello criticou a fala do petista. “Não sei como ele tarifou, como fez essa medição. Qual aparelho permite isso? É um troço de doido”, disse.
Para Marco Aurélio, o ex-presidente exerceu o seu “sagrado direito de espernear”. Ele espera, porém, que a tese defendida por Lula não ganhe ressonância na sociedade.
“Só espero que esse distanciamento da realidade não se torne admissível pela sociedade. Na dosimetria [tamanho das penas] pode até se discutir alguma coisa, agora a culpabilidade não. A culpa foi demonstrada pelo Estado acusador”, disse.
Já o ministro Gilmar Mendes classificou de “engraçada” a declaração de Lula. “Como se enquadrar nesse percentual preciso de 80% e 20%. Está tudo muito engraçado”, disse o o ministro disse em entrevista para a rádio “Jovem Pan” nesta segunda-feira (28).
“Esta conta, que também é muito singular. Julgamento político em 80%, 20% jurídico. Como ele não é da área jurídica, talvez também ele esteja adotando um outro critério. Porque nós não sabemos fazer esse tipo de contabilidade no âmbito do tribunal”, declarou o ministro do STF. “Quais foram os votos que foram políticos e quais foram estritamente jurídicos?”
Mendes lembrou ainda de uma fala de Lula durante a crise do mensalão. “Nós não podemos esquecer que o presidente já pediu desculpas à nação pelo fato da existência da prática do mensalão. Agora, ele já disse outras vezes que o mensalão não existiu, que o mensalão foi parcial.”
Folha de SP
                       
O painel da copa da cidade sede Natal deu muito o que falar neste final de semana, tudo porque o painel idealizado pela prefeitura da cidade não agradou a população e veio ser retirado na calada da noite, após às críticas a prefeitura resolver ceder o espaço para que artistas de Natal possam criam algo que tenha haver com a cidade e a copa do mundo, na imagem acima o internauta Eriberto criou um painel com pontos turístico da cidade e ainda valorizou obras importantes da cidade que são cartões postais de Natal.

                       

Na tarde de ontem (27), o grupo teatral e cultural Filhos da Arte realizou a apresentação “Abra Cada Livro – No mundo da imaginação”, no Solar Ferreiro Torto.

A apresentação fez parte da programação do projeto Domingo no Solar, que oferece uma nova opção de lazer para as tardes de domingo em Macaíba. As famílias compareceram ao evento. Esta foi a décima quarta edição do Domingo no Solar neste ano.

Desde novembro de 2013, o projeto vem oferecendo diversos tipos de apresentações, como, por exemplo, teatro, dança e shows musicais.

Assecom