Monitoramento colaborativo é uma das soluções apresentadas no combate à insegurança do distrito de Mangabeira

Nos últimos dias a população de Mangabeira tem enfrentado uma forte expansão de violência no distrito. Para ser ter uma ideia, nas últimas três semanas, da entrada do Conjunto Manoel Dias até o posto de gasolina localizado na fronteira com os Guarapes foram tomados de assalto 4 carros e várias motocicletas. Mas não é apenas isso, uma onda arrombamentos, arrastões e pequenos furtos tomaram conta da localidade. Quem trafega pela BR-226, no trecho Mangabeira, independentemente do horário, corre o sério risco de ser mais uma vítima da bandidagem.

Sufocados com tudo que está acontecendo, nesta quarta-feira (29), mais de 200 moradores estiveram reunidos na praça da capela do distrito clamando por uma resolução do problema. A reunião contou com a presença do Major Torres, Capitão Roberto, vereadores, líderes comunitários, comerciantes, professores, pequenos empresários, Natal City Câmeras, e população no geral que debateram as ações e medidas que deverão ser tomadas nos próximos dias.

A Natal City Câmeras apresentou o monitoramento colaborativo, uma ferramenta inovadora no combate à insegurança

Através de uma iniciativa da igreja católica, a Natal City Câmeras apresentou o programa de câmeras inteligentes que busca identificar os criminosos, em uma plataforma em que todos podem interagir e ter agilidade no repasse de informações e de ocorrências utilizando câmeras estrategicamente localizadas, conhecido como monitoramento colaborativo, que já é uma realidade em São Paulo e em outras cidades do Brasil. Todos participando na segurança das ruas do bairro.

Administrador