Trânsito Arquivo

Radar

Divulgação Agência Brasil

Agência Brasil – O Presidente da República, Jair Bolsonaro, determina ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio de despachos publicados hoje (15) no Diário Oficial da União, que suspenda o uso de radares “estáticos, móveis e portáteis” até que o Ministério da Infraestrutura “conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas”.

De acordo com o documento, a medida tem por objetivo “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.

O despacho do presidente pede também que o ministério “proceda à revisão dos atos normativos internos que dispõem sobre a atividade de fiscalização eletrônica de velocidade em rodovias e estradas federais pela Polícia Rodoviária Federal.

Ao deixar o Palácio da Alvorada, nesta manhã, Bolsonaro destacou que os radares fixos, aqueles instalados em postes ao lado das rodovias, não entram nessa suspensão, pois o governo tem contratos com empresas que operam esses equipamentos. “Não vamos alterar contratos”, disse. O presidente já afirmou, entretanto, que a intenção é, ao fim do prazo, não renovar esses contratos.

 

 

Um acidente envolvendo um caminhão e uma motocicleta resultou na morte de um homem na rua Olímpio Maciel, em Macaíba. O fato ocorreu na noite dessa quarta-feira (14), o piloto da moto não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.

Resultado de imagem para rabecao itep

Por volta das 21h50 desta terça-feira (30), uma colisão entre duas viaturas do Instituto Técnico-científico de Polícia foi registrada na rotatória do Vilar em Macaíba. O rabecão colidiu na traseira da viatura que vinha com os médicos legistas. O acidente aconteceu no momento que ambas as viaturas faziam a manobra na entrada da rotatória.

Nenhum servidor se feriu. Apenas danos materiais.

 

Na manhã desta segunda-feira (22), um acidente foi registrado na RN-160 em Macaíba. Uma motocicleta e uma Kombi colidiram no trecho entre o distrito de Riacho do Sangue e a comunidade de Peri-Peri, zona rural do município. O  impacto da colisão foi forte, o motociclista bateu na porta  do condutor da Kombi e teve ferimentos graves.

O motociclista foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), já o motorista da Kombi teve não ferimentos graves.

 

Nesta última segunda-feira (15), um ônibus da empresa Trampolim da Vitória e um táxi de Natal colidiram na BR-304, em Macaíba. O acidente ocorreu pela tarde no distrito Industrial do município. De acordo com passageiros, diante do impacto da colisão o táxi acabou saindo da pista.

O ônibus envolvido no acidente faz a linha M (Macaíba/Natal).

Redes sociais

 

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, durante cerimônia para assinatura de portarias que vão alterar as áreas de poligonais de 16 portos organizados do Brasil.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Agência Brasil – O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, disse hoje (15) que o governo vai instalar 1 mil radares para controle de velocidade nas rodovias administradas pela União. De acordo com o ministro, o número de radares faz parte de um acordo que o governo federal e o Ministério Público Federal (MPF) fecharam para reduzir de 8 mil para 2,2 mil o número de pontos a ser monitorados.

“Existe uma diretriz do presidente que estamos seguindo de facilitar a vida do cidadão”, disse o ministro sobre a decisão do governo de diminuir os pontos de monitoramento. “A gente verificou tecnicamente onde são os pontos que obrigatoriamente tem que ter radar e chegamos a mil equipamentos para 2,2 mil faixas monitoradas e isso foi acordado com o Judiciário e o MPF” disse o ministro.

O contrato assinado ainda na gestão do ex-presidente Michel Temer estava orçado em R$ 1 bilhão para a instalação de 8.015 radares em cinco anos. A instalação dos novos aparelhos foi suspensa em abril, após questionamentos sobre a medida.

O ministro disse que, em um cenário de corte de gastos no governo, não seria razoável manter o contrato como estava. “É razoável nesse cenário de orçamento você ter contrato de R$ 1 bilhão de radar?”, questionou. “Não é só o radar que salva vidas, a manutenção rodoviária, a correção geométrica, a sinalização salva vidas”.

De acordo com o ministro, com a revisão, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), responsável pela manutenção das estradas administradas pelo governo, deve conseguir uma economia de cerca de R$ 600 milhões.

Passagens aéreas

O ministro disse também que espera uma redução no valor das passagens aéreas a partir de setembro. De acordo com Freitas, a redução vai ocorrer a partir do aumento da oferta de voos. “O que vai acontecer é uma quantidade maior de oferta de voos e a entrada de empresas low cost, de baixo custo no país. As companhias que já operam no Brasil estão trazendo uma quantidade maior de aviões. A gente vai aumentar a oferta e isso naturalmente vai ter efeitos sobre as tarifas e a gente vai perceber isso a partir de setembro”, disse.

Entre as empresas que já solicitaram autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar no país, a espanhola Globalia, dona da Air Europa, deve começar a voar no segundo semestre de 2020.  O ministro disse que três ou quatro empresas low cost estão em tratativas com o governo, mas que as companhias devem começar com voos internacionais, para depois oferecerem rotas domésticas no Brasil. “Temos empresas se estabelecendo no Brasil, com autorização na Anac, mas até serem operacionais há um caminho, que deve levar entre seis e oito meses”, disse.

 

No início da noite desta terça-feira (25), um grave acidente foi registrado na RN-160, no trecho da comunidade de Lagoa Seca, em Macaíba.  Um veículo tipo Saveiro colidiu frontalmente com uma Van, o motorista da Saveiro ficou preso nas ferragens e não resistiu. Um homem que estava na Van teve um ferimento grave em uma das pernas e foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).  Os outros ocupantes do veículo também tiveram ferimentos, mas todos passam bem.

 

Divulgação/ Redes Sociais

Nesta sexta-feira (21), um acidente foi registrado na rotatória do conjunto Tavares de Lira, no centro de Macaíba. O acidente foi causado por um táxi que bateu na traseira de um carro que estava estacionado na frente de um mercadinho. Antes de colidir no carro estacionado, o táxi ainda bateu em uma carroça de gás que estava estacionada próxima a capela da igreja Católica. O motorista do táxi apresentava fortes sinais de embriaguez.

A Polícia Militar foi acionada e logo em seguida uma viatura da Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) também chegou ao local para registrar a ocorrência.

 

 

A Prefeitura de Macaíba, através da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte, comunica que haverá alteração do fluxo de veículos em algumas vias em virtude da realização das festividades de São João que têm início na próxima segunda-feira (24/06).

A principal via a ser afetada será a Avenida Mônica Dantas, que a partir do dia 24 terá um de seus sentidos (BR-304/Centro) totalmente interditado no trecho que abrange desde em frente ao acesso à Rua Severino Galdino (Rua do Arco-Íris) até em frente à Praça Paulo Holanda Paz. Para quem vier para o centro, o desvio será pela Rua Severino Galdino.

O sentido contrário da Avenida Mônica Dantas terá mão dupla nesse mesmo trecho durante o período entre 2h e 16h. Já a Travessa Alice de Lima e Melo (rua na lateral da Prefeitura) será totalmente interditada na ocasião. Essas alterações serão válidas entre esta quinta-feira (20/06) e a segunda-feira (02/07).

 

Foto: Via Connecttv

Nesta terça-feira (11), uma colisão foi registrada na avenida Mônica Dantas, no centro de Macaíba. Dois veículos colidiram em frente a secretaria municipal de Saúde. Ninguém ficou ferido, apenas danos materiais.

 

Resultado de imagem para placa merco sul

A 6ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal homologou, nesta sexta-feira (7), acordo extrajudicial firmado entre o Ministério Público Estadual e o Departamento Estadual de Trânsito do Estado do Rio Grande do Norte (Detran/RN) acerca do cadastramento de empresas fabricantes de Placas de Identificação Veicular e empresas Estampadoras de Placas de Identificação Veicular.

O acordo homologado estabelece que o Detran providenciará o cadastramento das empresas fabricantes de Placas de Identificação Veicular e Empresas Estampadoras de Placas de Identificação Veicular já devidamente credenciadas no Denatran, que atuam sob a sua circunscrição e que assim postularam ao Órgão até a homologação da acordo, com o objetivo de fiscalizar as suas atividades e operacionalizar o controle sistêmico das rotinas que envolvam a produção, estampagem e acabamento das placas veiculares, conforme previsão do art. 6º, da Resolução nº 733, do Contran.

O Departamento Estadual de Trânsito também republicará a Portaria nº 367/2019-GADIR, no prazo de até cinco dias úteis após a homologação judicial, a qual será o instrumento que regulará os novos pedidos de cadastramento, alterando o art. 24, inciso XI, do ato normativo, para suprimir a exigência de a empresa interessada dispor de espaço físico com no mínimo 100 m² e disponibilização de três vagas cobertas.

O Detran deverá ainda viabilizar a interação operacional dos equipamentos informatizados às bases de dados, nos termos da Resolução 729-Contran, sem que isso implique a imposição de empecilhos ao cadastramento.

A Ação Civil Pública foi proposta pelo Ministério Público Estadual em 20 de maio deste ano. No dia posterior (21), a liminar foi apreciada e deferida pela 6ª Vara da Fazenda Pública, anulando o Procedimento de Credenciamento de Fabricantes e Estampadores de Placas de Identificação Veicular no Padrão Mercosul, originado com a publicação do Edital nº 001/2018 e determinando o cadastramento de novas empresas.

Em 6 de junho, as partes peticionaram no processo requerendo a homologação do acordo celebrado. Hoje, 17 dias após o protocolo da ação, o pleito foi homologado, solucionando o conflito apresentado ao Poder Judiciário.

(Ação Civil Pública nº 0819416-57.2019.8.20.5001)

Resultado de imagem para operação detra rn

Operação lei seca realizada na madrugada de domingo (02) flagra 37 condutores dirigindo sob influência de álcool, sendo três presos por estarem visivelmente embriagados.

A blitz ocorreu na rua Maria Dolores, em nova Parnamirim. Ao todo, 634 pessoas foram abordadas, sendo 34 autuadas por recusarem a fazer o teste do etilômetro, 03 presos por ultrapassar o limite permitido em lei e outras 23 autuadas por infrações diversas.

Duas situações chamaram atenção durante essa operação, sendo a primeira o caso de um condutor que dirigia um veículo com mais de R$ 34 mil em débitos, dentre esses, 158 multas dos mais diversos tipos, incluindo da lei seca. O veículo foi removido ao pátio do Detran e o condutor autuado novamente por recusar a fazer o teste de etilômetro.

O outro caso, mais preocupante, é o de um senhor que dirigia completamente embriagado. O mesmo foi abordado e também se recusou a fazer o teste, mas devido aos sintomas e características apresentadas, tivemos que dar voz de prisão e conduzí-lo à delegacia, através da confecção do termo de constatação de embriaguez.

Um vídeo foi gravado para atestar a situação do condutor, que será usado como meio de prova para caracterizar a alteração da capacidade psicomotora.

Na tarde deste domingo (02), um acidente envolvendo dois veículos foi registrado próximo da passarela do Vilar, em Macaíba. A colisão foi frontal, logo em seguida uma equipe da Polícia Rodoviária Federal chegou ao local juntamente com uma ambulância do Samu.

Na tarde deste sábado (01), um veículo Saveiro colidiu contra a porta do prédio da Secretaria Municipal de Educação de Macaíba. De acordo com as primeiras informações, a pessoa que conduzia o veículo perdeu o controle da direção e acabou subindo a calçada e danificando a porta.

Sem mais detalhes.

“No trânsito, o sentido é a vida”. Esta é mensagem da campanha “Maio Amarelo”, desenvolvida no município pela Prefeitura de Macaíba, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) para conscientizar e mobilizar a população sobre a necessidade de reduzir o número de mortos e feridos graves no trânsito brasileiro. Palestras educativas nas escolas municipais, panfletagem no comércio e na feira livre foram algumas das ações promovidas pela Prefeitura durante todo o mês de maio.

No encerramento da campanha, uma ação educativa foi realizada nas imediações da Praça Augusto Severo (Praça do M), na manhã desta quinta-feira (30). Panfletagem e conversas no comércio, com pedestres e motoristas da região fizeram parte da atividade interativa que contou com a presença da secretária de Trânsito de Macaíba, Francisca Jacira; equipe da SMTT; do 138º Grupo de Escoteiros Augusto Severo e da banda da STTU Natal.

Sentado no banco da Praça do M e conversando com os amigos, como de costume, o senhor José Alexandre, 73 anos, morador da comunidade Raiz elogiou a ação feita pela Prefeitura. “O que tá sendo feito aqui hoje é um negócio muito bem feito. Tem hora que os carros vêm de lá, vem de cá, é um negócio muito desmantelado. Os carros passam numa velocidade maior do mundo. Não adianta isso porque não resolve nada”, afirmou José.

A ação também contou com o apoio do Departamento de Educação de Trânsito da STTU Natal; Secretaria Municipal de Administração e Finanças de Macaíba (SEMAF); Secretaria Municipal de Infraestrutura de Macaíba (SMIN); Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura de Macaíba (Assecom-PMM) e as empresas produtos Boku’s; Sorveteria Bom d’ Mel; Máximo Bebidas e Ster Bom.

Saiba mais sobre o Maio Amarelo

Movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito, o objetivo do movimento é uma atividade coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil, colocando em pauta o tema segurança viária e mobilizando toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada.

Assecom