Política Arquivo

28052491306_1aa1897c5e_o

A ex-senadora Marina Silva voltará a Natal para apoiar a chapa que disputará a Prefeitura de Natal, formada por Freitas Júnior, candidato a prefeito e José Petronilo, candidato a vice-prefeito, ambos da Rede Sustentabilidade. Segundo o porta-voz estadual, Freitas Júnior, Marina Silva estará em setembro na capital potiguar. Amanhã (17) quem estará em Natal será o jovem Zé Gustavo, porta-voz nacional do partido.

O Prefeito Fernando Cunha (PSD) registrou sua candidatura, segundo informação passada de dentro do Palácio Auta de Souza. O médico disputará  releeição em busca do quarto mandato, Fernando terá como vice-prefeito na chapa Auri Simplício (DEM).

 

O prefeito de Mossoró, Francisco Silveira Júnior, começou a semana em um vídeo que circula no WhatsApp em que ele ataca frontalmente o Jornal de Fato, que, publicou denúncia apontando que seu patrimônio cresceu 557% depois que ele se tornou chefe do Executivo, em 2014.

Chama atenção o discurso com palavras contundentes, beirando o baixo nível. Reservadamente, o prefeito de Mossoró já vinha fazendo críticas ao matutino, mas é a primeira vez que, publicamente, ele chama O “De Fato” de “jornalzinho de merda”.

“Esse jornalzinho que não vende nem 800 jornais por dia, que está com mais de seis meses de salários atrasados, está dizendo que se sua prefeita ganhar tudo volta ao normal. Quero dizer a esse jornalzinho de merda que o povo não é besta”, diz o prefeito.

Matéria na íntegra Mossoró Notícias
Eleições 2016
André Richter – Repórter da Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) atualizou há pouco o número parcial de candidaturas recebidas de pessoas que pretendem concorrer às eleições de outubro, quando serão disputados os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador. De acordo com o balanço atualizado, foram registrados até o momento 485.268 mil registros para os três cargos. O TSE estima que o total de candidatos deve variar entre 530 mil e 580 mil nestas eleições.

O prazo para que partidos e coligações fizessem o registro terminou às 19h. A partir de agora, caberá aos juízes eleitorais julgarem os pedidos de candidatura, que poderão ser indeferidos se os candidatos não cumprirem os requisitos legais, entre eles, estar elegível pela Lei da Ficha Limpa. A norma impede que pessoas condenadas por órgãos colegiados possam disputar eleições pelo prazo de oito anos.

A vereadora Kátia Sena (PRP) registrou sua candidatura no TRE/RN na última quinta-feira (11), segundo informa o Blog Diário de Macaíba. Kátia disputará pela primeira vez ao cargo de prefeita e tem como candidato a vice-prefeito Auriberto (PSDC).

Ceiça Lima registrou sua  candidatura hoje (15). A voluntária do projeto “Anjos da madrugada” e repórter do blog Connect TV disputará ao cargo de vereadora pela primeira vez através do PRB. Semana passada Ceiça Lima esteve reunida com equipe de colaboradores definindo agenda para o período de campanha, onde defenderá na campanha a criação de um núcleo de atenção à mulher e um albergue municipal.

A ex-prefeita Marília Dias (PMDB) teve sua candidatura registrada hoje pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte. A ex-gestora terá 11 partidos lhe apoiando através da coligação “Pra Cuidar da Gente”. Marília terá como candidato a vice o ex-vereador Aluisio Silvio (PMDB), uma chapa pura de bacuraus.

João Barão, Paulo Emídio, Poti Neto e Josi Gonçalves, pré-candidatos a prefeito de São Gonçalo do Amarante que aparecem liderando enquete na internet do FalaRN (Divulgação)

Fala RN – No dia 16 de agosto começa efetivamente os 45 dias de campanha eleitoral para as eleições municipais de 2016.

Na cidade de São Gonçalo do Amarante, RN, 61 mil eleitores devem ir as urnas. As abstenções são estimadas em 20% do total de votantes. A cidade possuem cerca de 110 mil habitantes.

São quatro chapas que disputam a prefeitura da cidade. Conheça cada um deles.

Paulo Emidio é candidato a prefeito pelo PR, com o vice, Eraldo Paiva do PT. Emídio foi secretário de habitação e regularização fundiária, exerceu o cargo de secretário de finanças e foi gestor público estadual. Em São Fernando, RN, foi prefeito por dois mandatos.

Josi Gonçalves é jornalista, presidente municipal do PEN. O vice dela é o professor Josué Antão. A coligação deles é a “Nova Oposição”, composta pelos partidos REDE, PSOL, PEN.

Poti Neto, atual vice-prefeito, advogado, publicitário também é candidato a prefeitura de São Gonçalo, com a professora e assistente sociail, Tereza Fernandes de vice.

O vereador João Maria Barão, também disputa prefeitura com César Verissimo.

Cada coligação apresenta também seus candidatos a vereador. No total estima-se que mais de 200 vereadores devem participar das eleições.

A justiça eleitoral divulga até o dia 15 de agosto, chapas e candidaturas impugnadas.

Marília, Fernando e Kátia

Marília, Fernando e Kátia

A primeira pesquisa para consumo interno após a realização das convenções partidárias foi feita neste último sábado (13) em Macaíba. O contrante deverá receber os dados esta semana, onde mostrará as intenções de votos para os candidatos Fernando Cunha (PSD), Kátia Sena (PRP) e Marília Dias (PMDB).

normando

O delegado Normando Feitosa que pretendia disputar a Prefeitura de Macaíba nesta eleição, deverá deixar o PR. Normando Feitosa estava em terceiro lugar nas intenções de voto segundo pesquisa Certus. Após desistir de disputar o pleito, o delegado voltou as suas atividades na delegacia de polícia civil de Macaíba.

Após desistir do pleito, Normando emitiu nota, leia na íntegra

DECEPÇÃO. Esta é a palavra que define o que estou sentindo neste momento. Quem me conhece sabe que, durante 14 anos como delegado concursado, de várias cidades do Rio Grande do Norte, onde tive a oportunidade de trabalhar, sempre fui em busca do que é correto, verdadeiro e justo. Os amigos e, talvez, até os meus inimigos sabem que nunca me acovardei diante das dificuldades e que enfrentei até mesmo a morte para cumprir com dignidade o meu dever de prezar pela segurança de todos os cidadãos, independente de questões sociais, políticas ou religiosas.

Depois de 5 anos à frente da delegacia de Macaíba, lutando contra a criminalidade junto com meus companheiros da honrada Polícia Civil, pude vivenciar de perto as necessidades do município e o desejo de mudança de seu povo, já tão cansado de uma política suja e coberta por jogos de interesses.
Com o objetivo de oferecer uma proposta nova e séria, me coloquei como pré-candidato a prefeito dessa cidade que me recebeu de uma forma tão carinhosa, pelo que sou grato.

Mas, para que os meus princípios não sejam desviados de sua essência inicial e para que o meu caráter permaneça irretocável diante das pessoas que acreditam em mim, de minha família e, principalmente, de Deus, comuniquei a retirada do meu nome na disputa pela prefeitura de Macaíba.

Agradeço desde já a todos aqueles que, sem interesse nenhum, me apoiaram, estiveram comigo durante este período e que certamente continuarão alimentando a esperança que não morreu, mas que estará adormecida até que, no momento oportuno, nós possamos voltar com mais força ainda.

Soldados não recuam em meio a guerra, mas esperam o momento certo e agem com sabedoria.

Não me vendo, não me rendo. Permaneço com a minha cabeça erguida e minha consciência limpa.

Obrigado, povo de Macaíba. Até breve!

Normando Feitosa.

Bastidores

Decidiram

Conforme este blog havia relatado, algumas lideranças de bairros ainda não haviam decidido em quem apoiar, segundo apuramos, o que vinha impedindo isso era a falta de diálogo das forças políticas junto a este grupo de pessoas que tem um serviço prestado nos bairros e comunidades de Macaíba. faltando menos de 48 horas para campanha começar, eles decididram qual caminho tomar.

No outro lado

Nos próximos dias algumas lideranças devem anunciar apoio à ex-prefeita Marília Dias (PMDB). Algumas estavam quase indo apoiar o atual governo, mas por falta de articulação algumas forças de bairros decidiram apoiar a ex-gestora.

De que lado tu está?

 É frequentemente questionado sobre qual lado está, o comportamento do mesmo demonstra que ele não veste a camisa do time que ele passou a jogar. “É como ter um jogador do cruzeiro jogando a favor do campinense” afirma um obeservador da política local.

O Secretário Municipal de infraestrutura, Rawplácido Maia vai tirar férias do dia 15 deste mês até o dia 30 de setembro, sendo substituido por Pedro Galvão neste período. Assim como Rawplácido, o Secretário de Esporte e lazer, Roberto Medeiros, também vai tirar férias a partir do dia 15 deste mês até dia 30 de setembro, sendo substituido por Marcelo Augusto neste período.

boletim

 

prefeita-ostentacao

UOL- Colaboração Aliny Gam

“Minha popularidade só aumenta.” Essa é a reação de Lidiane Leite da Silva (DEM), prefeita afastada de Bom Jardim (MA), quando fala sobre as acusações de desvio de dinheiro público feitas pelo MP (Ministério Público) e políticos da cidade. Ela foi presa pela Polícia Federal no ano passado, após 39 dias foragida –neste período, acabou tendo o mandato cassado pela Câmara dos Vereadores. Ela foi libertada para responder aos processos em liberdade, e obteve no começo desta semana uma liminar na Justiça Federal que a reconduzia ao cargo, mas, dois dias depois, a Justiça de Bom Jardim determinou novo afastamento.

Lidiane é acusada de desviar verbas destinadas à educação –principalmente da merenda escolar– que somariam R$ 15 milhões. No site do Tribunal de Justiça do Maranhão há registro de pelo menos oito ações civis públicas e pedidos de improbidade administrativa pelas supostas irregularidades ajuizadas na comarca de Bom Jardim.

Nesta sexta-feira (12), Lidiane concedeu uma entrevista exclusiva ao UOL. Ela afirma que vai provar a inocência das acusações e diz sofrer perseguição política de adversários, embora diga que isso “só faz aumentar a minha popularidade no município”.

Ela comenta também sobre o apelido que ganhou – “prefeita ostentação” por aparecer em fotos de festas em redes sociais e passeios usando jet-ski e lancha. “Eu sou jovem e tenho amigos. Como qualquer jovem, eu também saio. Acho que isso não faz de mim uma ostentadora.”

 (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Agência Brasil – A presidenta afastada Dilma Rousseff foi notificada nesta última sexta-feira  (12), no Palácio da Alvorada, para comparecer ao Senado Federal no próximo dia 25, quando será julgada no processo de impeachment. A notificação foi enviada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal e também presidente do processo, ministro Ricardo Lewandowski.

O documento é subscrito pelo secretário-geral da Mesa do Senado, Luiz Fernando Bandeira de Mello Filho, como escrivão do processo. A presidenta recebeu a notificação às 16h05, depois que seu advogado, o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, protocolou o contraditório da defesa no Senado – no fim da manhã de hoje.

Cardozo ainda não confirmou se a presidenta afastada irá se defender pessoalmente no plenário do Senado durante o julgamento final. Ele disse que ainda vai consultar Dilma sobre isso, mas nos bastidores é grande a expectativa de que ela compareça para falar pessoalmente aos senadores.

O rito do julgamento ainda será definido pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), pelos líderes partidários da Casa e pelo ministro Lewandowski na próxima semana. O que já se sabe é que o julgamento deve durar pelo menos três dias e que serão ouvidas nove testemunhas – três de acusação e seis de defesa.

urna

Agência Brasil – Os partidos e coligações têm até a próxima segunda-feira (15) para apresentar o pedido de registro de candidatura dos escolhidos para concorrer às eleições deste ano. Em outubro, os eleitores vão às urnas, no pleito municipal, para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

O pedido para o registro deve ser apresentado até as 19h de segunda-feira. No início da tarde de hoje (13), o Sistema de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais (DivulgaCandContas) mostrava o registro de 3.918 candidatos ao cargo de prefeito, 3.890 ao de vice-prefeito e 97.765 ao de vereador em todo o país. Os números podem ser acompanhado pelo site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A estimativa da Justiça Eleitoral é que o número de candidatos participantes das eleições municipais fique entre 530 mil e 580 mil.

Até o momento, nas estatísticas eleitorais, a Região Nordeste aparece em primeiro lugar do total de candidatos registrados para o cargo de prefeito. Em segundo lugar, está o Sul, seguido do Sudeste, Centro-Oeste e Norte. Para o cargo de vice-prefeito, o maior número de registros até agora está na Região Nordeste e o menor, no Norte. Já para o cargo de vereador, o Sudeste tem a maior quantidade de candidatos registrados, enquanto a menor está no Centro-Oeste.