Área Policial Arquivo

Nesta última segunda-feira (07), três suspeitos foram presos após tentar assaltar motoristas que trafegavam por um dos acessos ao distrito industrial de Macaíba. Segundo uma das vítimas, um dos suspeitos jogou uma pedra em seu carro com o intuito que ela parasse o veículo, ao perceber o ocorrido a mulher  não parou o veículo e conseguiu fugir.

Uma outra motorista também escapou de ser roubada ao perceber que os suspeitos tinham colocado galhos na estrada. Ao ver os galhos a motorista fez o retorno, logo em seguida a Polícia Militar  conseguiu prender os três homens.

Após a série de ataques no Ceará, a Força Nacional de Segurança Pública está fazendo o policiamento ostensivo nas ruas de Fortaleza, em apoio aos agentes de segurança do estado.

José Cruz/Agência Brasil

Agência Brasil – O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), informou, no final da manhã de hoje (8), que as forças de segurança do estado já efetuaram a prisão de 168 pessoas suspeitas de envolvimento em ataques criminosos dos últimos dias. As ocorrências foram registradas em mais de 40 municípios cearenses, incluindo a região metropolitana de Fortaleza.

Do total de presos, 20 foram capturados nas últimas horas, destacou o governador. Camilo Santana afirmou que o policiamento foi reforçado e mais prisões deverão ocorrer a qualquer momento.

“Estamos reforçando ainda mais o policiamento na capital e também no interior, com o apoio de tropas federais e estados parceiros. Já determinei à cúpula da segurança que empregue todos os esforços necessários”, publicou o governador em sua página no Facebook.

Camilo Santana também informou que lideranças criminosas presas no estado estão sendo identificadas e transferidas para presídios federais. Ao todo, o Ministério da Justiça e Segurança Pública disponibiliza 60 vagas para detentos do estado nas prisões de segurança máxima administradas pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen). “Não haverá tolerância com o crime”, concluiu.

A madrugada desta segunda-feira (7) foi o sexto dia consecutivo de violência no estado. Pelo menos quatro veículos foram queimados Na região metropolitana de Fortaleza, onde também foi registrado um ataque à bomba sobre uma ponte.

Na manhã desta terça-feira (8) um bebê foi encontrado morto enrolado em um lençol dentro de um guarda-roupas, na casa onde a mãe residia, no bairro Morada Nova, em Macaíba, informou a polícia ao Jornal Notícias da Manhã da TV Ponta Negra.

Ainda de acordo com o jornal, o bebê era da mulher de 32 anos, que chegou morta na maternidade Divino Amor, em Parnamirim, na tarde desta última segunda-feira (7), após passar por trabalho de parto.

O caso chamou atenção porque a criança não estava com ela nem com nenhum dos acompanhantes.

O caso será investigado pela Delegacia de Macaíba, onde teria supostamente ocorrido a morte da mulher e do bebê.

Do Senadinho Macaíba

Agência Brasil – A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará atualizou para 148 o número de pessoas capturadas por suspeita de envolvimento em ações criminosas nos últimos dias no Ceará. Desse número, 38 foram presos e apreendidos entre a noite de domingo (6) e a manhã de hoje (7).

“Os trabalhos das Polícias Civil e Militar seguem em andamento visando a capturar outros envolvidos nos delitos registrados nos últimos dias”, informou a Secretaria, em nota.

As investigações estão concentradas na Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco).

A Secretaria de Segurança também informou que houve redução das ocorrências, após trabalho conjunto das forças de segurança, incluindo dos agentes federais da Força Nacional de Segurança (FNS).

O alvo dos ataques são prédios públicos e privados.

Um jovem conhecido por nome de Juninho foi assassinado a tiros  rua Olímpio Maciel, em Macaíba.

Segundo informações do Blog Informativo Atitude, testemunhas informaram que foram ouvidos cerca de 5 disparos de arma fogo. A vítima foi alvejada e morreu no local.

Na manhã deste domingo (06),  os moradores da rua Areia Branca e do Barro Vermelho ficaram assustados com diversos disparos de arma de fogo efetuados próximo à praça de “Chico Sebo” no centro de Macaíba. De acordo com o Senadinho, um jovem por nome de Renato foi baleado. A vítima chegou a ser socorrida por uma equipe do Samu em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Agência Brasil- As cidades de Sobral e Massapê, na região norte do estado do Ceará, foram alvos de ataques criminosos na madrugada deste sábado (5), segundo a Polícia Militar (PM) no município de Sobral.

De acordo com a corporação, as ações criminosas foram contra o prédio da Guarda Municipal, onde um ônibus da instituição foi incendiado.

Na ação contra Centro de Referência de Assistência Social, que funciona na Vila União, os policiais conseguiram ompedir que os criminosos incendiassem o prédio e prenderam quatro suspeitos.

A PM informou ainda nos dois ataques foram registrados apenas danos materiais. Desde a madrugada, o policiamento está reforçado na cidade de Sobral.

Em Massapê, a polícia informou que quatro veículos tipo van foram incendiados, mas os criminosos conseguiram fugir.

Ajuda federal

Na noite dessa sexta-feira (4), começaram a chegar a Fortaleza 300 homens da Força Nacional de Segurança, que embarcaram de Brasília em aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB). O emprego do efetivo federal foi autorizado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro, por um período inicial de 30 dias, após pedido do governador do Ceará, Camilo Santana.

Foram designados agentes da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, do Departamento Penitenciário Nacional e homens da Força Nacional e das Forças Armadas. As forças atuarão em parceria com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social e as polícias locais. Também foram deslocadas 30 viaturas que darão apoio às tropas na segurança pública no estado.

No início da tarde deste sábado (05), um jovem por nome de Marcelo foi baleado na rua por trás da agência do Banco do Brasil no centro de Macaíba.  Os tiros partiram de dois homens que logo após efetuarem os tiros fugiram em uma motocicleta.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e socorreu o jovem. Ainda é desconhecido seu estado de saúde.

Foto: Arquivo

Na manhã desta sexta-feira (04) dois carros foram roubados na zona rural de Macaíba. Um foi roubado no distrito de Traíras e o segundo na comunidade de Lagoa Nova. Logo em seguida os bandidos abandonaram os veículos em comunidades vizinhas, onde um Gol vermelho foi abandonado no distrito de Jundiaí e o Pálio prata no distrito de Riacho do Sangue.

Ninguém foi preso.

No início da noite desta quinta-feira (3), uma equipe de policiais rodoviários federais realizavam fiscalização no km 167 da BR 406, em frente à Unidade Operacional da PRF, em São Gonçalo do Amarante/RN, quando recebeu uma denúncia de que um veículo estava com atitudes perigosas na via pública.

De pronto, os policiais deram ordem de parada ao condutor de um Gol branco, que empreendeu fuga, dirigindo em alta velocidade e em zigue-zague, seguindo do acostamento à faixa mais à esquerda da rodovia, de forma repetida, enquanto a viatura o acompanhava.

Após dois quilômetros de acompanhamento, a equipe conseguiu abordar o veículo, conduzido por um homem de 35 anos, natural de Taipu, que estava visivelmente com falta de equilíbrio e forte odor etílico.

Após realizar o teste de etilômetro, foi constatado o valor de 1.41 mg/L (miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões);quase cinco vezes do valor que é considerado crime.

O homem, que é motorista profissional de caminhão, foi preso em flagrante pelos crimes de embriaguez ao volante, desobediência e por dirigir veículo colocando em perigo a segurança alheia.

Na Delegacia de Polícia Civil, a fiança arbitrada para ele foi de dez mil reais.

Uma investigação realizada pela Delegacia da Zona Norte da Divisão de Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) resultou na prisão do soldado da Polícia Militar, Carlos Alexandre Ferreira, 41 anos, nesta quinta-feira (03). Ele foi preso mediante o cumprimento de um mandado de prisão preventiva por ser suspeito de ter assassinado o irmão, Carlos Alberto Ferreira, 53 anos e a cunhada Maria de Fátima Alves da Cruz, 48 anos, no dia 18 de dezembro de 2018, na Zona Norte de Natal. O soldado foi preso no bairro Nossa Senhora da Apresentação.

“Nossas investigações apontam que Carlos Alexandre teria matado o irmão e a cunhada motivado por uma questão judicial que envolvia uma dívida de R$ 40 mil. No dia do crime, o suspeito havia participado de uma audiência e durante a noite, foi até a casa do irmão para cometer o crime. Carlos Alberto foi atingido pelos disparos de arma de fogo, socorrido, mas não resistiu e a esposa morreu na residência, após ter sofrido quatro disparos, um deles na cabeça”, detalhou o delegado da DHPP, Roberto Andrade.

Dois dias após o crime, 20 de dezembro, o soldado apresentou-se à DHPP para prestar esclarecimentos. “Durante depoimento alegou que não lembrava de ter cometido crime algum, pois estaria sob efeito de substâncias que teriam apagado a memória dele na noite do crime”, detalhou o delegado Roberto Andrade. Neste dia, a pistola que estava em posse do policial militar, pertencente à Polícia Militar, foi apreendida. A arma será periciada com o intuito de descobrir a possível utilização dela para matar as vítimas.

Informações da Polícia Civil

Agência PRF

A Polícia Rodoviária Federal prendeu na manhã desta quarta-feira (2), no perímetro urbano da BR-110, em Mossoró/RN, um homem de 34 anos, condutor de uma caminhonete Hilux que se envolveu em acidente com ferido, no km 2 da mesma BR, na cidade de Areia Branca/RN.

Logo depois do acidente, o motorista se evadiu do local, deixando de prestar socorro à vítima. Após denúncias através do número de emergência 191, o veículo foi interceptado por uma equipe da PRF no km 30 da BR-110.

Submetido ao teste de etilômetro, foi constatado o teor alcoólico de 1,25 mg/l, no ar alveolar do condutor. Esse índice equivale a mais de quatro vezes o teor alcoólico que é considerado crime (0,30 mg/l).

Diante do flagrante, o homem foi preso e encaminhado à delegacia de Polícia civil de Mossoró.

Durante a operação Ano Novo que transcorreu de sexta-feira passada até a última terça-feira (1), 65 motoristas foram autuados por dirigirem sob efeito de bebida alcoólica nas rodovias federais no RN.

Imagem de fundo verde com dizeres em branco ação penal

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou denúncia contra 11 integrantes de uma quadrilha responsável por, pelo menos, 14 roubos no Rio Grande do Norte, entre março e setembro de 2018. Os réus são uma mulher e 10 homens, dos quais sete estão presos e três foragidos da Justiça. A ação penal trata de parte dos crimes cometidos pelo grupo e descobertos pela chamada “Operação Express” (deflagrada em novembro), que apurou a atuação da organização criminosa no assalto a caminhões de mercadorias e a agências dos Correios.

A quadrilha teria participado de 11 roubos a caminhões da empresa e três a agências (Serrinha, Várzea e Boa Saúde). Os assaltos aos veículos dos Correios ocorreram principalmente em rodovias, dentro de municípios como Parnamirim, Macaíba, Santa Maria, Riachuelo, Goianinha, Bom Jesus e Sagi e os produtos subtraídos eram comercializados pelos comparsas.

Formação – Os denunciados são Jadenilson Pereira Matias de Sousa, conhecido por “Jade” (atualmente custodiado na Penitenciária Estadual de Parnamirim – PEP) Eric Dias do Nascimento, o “Mago Eric” ou “Gambiarra” (custodiado na Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga); Gabriel Lucas Félix Barbosa (atualmente no Complexo Penal João Chaves); Maxwell Siqueira Gomes, o “TX” (custodiado na PEP); Ronald Felipe de Andrade Lunardo (foragido);

Também integravam o grupo Diogo Carlos da Silva Juvino (custodiado na PEP); Judson Bezerra Araújo Batitas, o “Bebezão” (no Complexo Penal João Chaves); Jackson Firmino Lira da Silva, o “Catita”; (custodiado na PEP); Matheus Gleydson Resende da Silva, o “Têu” (foragido); João Paulo de Queiroz Rodrigues, o “JP” (também foragido); e ainda Danielle Gomes de Lima.

Organização – Os alvos da ação penal têm todos entre 20 e 34 anos de idade, porém o grupo contava ainda com o apoio de uma adolescente e de outros dois homens, mortos em confronto com a polícia: Eduardo Sérgio Delgado Júnior e Abimael Nascimento Queiroz, o “Binho”. Ambos integravam o chamado “núcleo principal”, que participava mais diretamente das ações criminosas, realizando os assaltos, dirigindo os veículos de fuga, mantendo os reféns e retirando as mercadorias.

Desse núcleo ainda faziam parte Jadenilson, Eric Dias, Gabriel Lucas, Maxwell Siqueira, Ronald Felipe, Diogo Carlos, Judson, Jackson Firmino e Matheus Gleydson. Já o núcleo secundário da quadrilha – formado por Danielle (esposa de Maxwell), João Paulo e a adolescente (irmã de Gabriel) – tinha como responsabilidade guardar e vender os bens roubados (até mesmo por meio de anúncio na internet).

Ação penal – Esta denúncia do MPF trata especificamente do delito de organização criminosa, do primeiro roubo, dos casos constatados de receptações e do crime de corrupção de menor. Inclui também o uso de documento público materialmente falso e de posse ilegal de arma de fogo por parte de Gabriel Lucas. Os demais assaltos são alvo de inquéritos ainda em andamento e poderão resultar em novas denúncias.

O roubo específico do qual trata a denúncia ocorreu na BR-304, em Macaíba, na madrugada de 22 de março do ano passado. Homens armados em dois veículos (um Fiat Strada branco e um Fiat Toro preto) interceptaram e abordaram o caminhão dos Correios com destino às agências do Seridó. Dos 11 denunciados, foi provada a participação de Gabriel Lucas e Jadenilson Pereira neste assalto.

Todos os denunciados deverão responder por organização criminosa e corrupção de menor. Gabriel Lucas também foi denunciado por roubo (juntamente com Jadenilson), uso de documento falso e posse ilegal de arma. Danielle e João Paulo por receptação e este último também por porte ilegal, tendo em vista que a pistola encontrada na casa de Gabriel Lucas estava registrada em seu nome.