Área Policial Arquivo

Uma adolescente de 16 anos foi morta com 80 facadas depois de revelar ao ex-namorado que estava grávida em Rio do Sul, região do Vale do Itajaí (SC). O suspeito confessou o crime e afirmou tê-lo cometido para que a atual namorada não descobrisse a gravidez da rival. Natália Pinheiro Eger saiu de casa na quarta-feira (25) para contar ao ex-namorado que estava grávida. Depois da revelação, os dois discutiram.  Segundo o delegado Isomar Amorim, o adolescente, que completa 17 anos em dezembro, pegou uma faca na cozinha e desferiu um golpe no pescoço de Natália. Em seguida, ele disse à jovem que iria levá-la até a casa da avó dele para que cuidassem do ferimento. Porém, ele já tinha a intenção de matá-la e a levou a um matagal, onde desferiu mais 79 golpes em várias parte do corpo dela.

A mãe da adolescente registrou um boletim de ocorrência por causa do desaparecimento da filha. Durante as investigações, os agentes foram até a casa do ex-namorado de Natália, onde foram informados de que o rapaz estava trabalhando com o irmão em Lontras, cidade vizinha a Rio do Sul De acordo com o delegado, ao chegarem ao local, os investigadores conversaram com o adolescente que negou ter visto ou conversado com Natália. O garoto estava com um machucado em um dos dedos. Ao ser questionado sobre o ferimento, respondeu que havia se machucado cortando pão em casa  O adolescente foi levado à delegacia para prestar depoimento como testemunha. No meio do caminho, pediu para que parassem a viatura e confessou o crime. O garoto tinha uma namorada e se envolveu com Natália durante um breve rompimento. Ele disse ter cometido o crime para que a namorada não descobrisse o caso, logo após a confissão, o garoto levou os investigadores até o matagal, onde estava o corpo da adolescente. Segundo o IML (Instituto Médico Legal), a adolescente estava grávida havia cerca de três meses.

Informações do R7

Connect TV – Três criminosos foram presos e uma adolescente apreendida neste inicio de noite (01), em Macaíba portando uma arma de fogo.

A prisão ocorreu de acordo com o delegado Normando Feitosa, nas proximidades da rotatória do Vilar. Policiais Civis estavam em uma diligência quando a quadrilha avistou a viatura da polícia e abandonou o carro tipo Palio, de cor branca e placas MXP-5349 na avenida Jundiaí e fugiram a pé.

Um popular ao perceber atitude suspeita da quadrilha ligou para a delegacia de Macaíba passando as características dos suspeitos que logo em seguida foram presos em flagrantes.

Os mesmos foram identificados por Valdemir Paulino dos Santos, 28 anos, (Passagem por furto), Francisco Carvalho dos Santos, 22 anos, Josivaldo Lima Pontes, 25 anos, (Passagem por roubo), e uma adolescente 16 anos, (Passagem por roubo). Todos residentes do bairro Felipe Camarão, em Natal.

Ainda de acordo com o delegado, o carro que a quadrilha estava tinha sido tomado de assalto neste último sábado (28).

Josivaldo Lima já foi preso por assaltar loja de informática neste ano em Macaíba.

O Governo do Estado instalou nesta terça-feira (01) o programa Ronda Cidadã no bairro Planalto, zona Oeste de Natal, onde residem 73 mil pessoas numa das áreas com maior índice de violência da capital. O Ronda Cidadã amplia o efetivo policial e leva ações de Governo nas áreas de saúde, educação, cultura e esporte. “Estamos trazendo o Governo para as comunidades, para quem mais precisa. Com o Ronda Cidadã iniciamos uma nova metodologia de enfrentamento à violência, associando a ação policial a programas sociais que atendem às necessidades da população”, afirmou o governador Robinson Faria.

No bairro Planalto e nas localidades do Guarapes, Pitimbu, Bancários e Sanvale o Ronda Cidadã amplia a presença da Polícia Militar de duas viaturas e 60 policiais para nove viaturas e 112 policiais. Também foi instalada uma base móvel que agilizará o atendimento das ocorrências num tempo de até 3 minutos após acionada. No campo de ação da Polícia Civil o Ronda Cidadã também disponibiliza uma viatura especificamente para aquela área. O Governo do Estado também fez a entrega de equipamentos como capacetes, coletes balísticos, fuzis e pistolas de choque adquiridos em parceria com o Governo Federal.

“O Governo está investindo para combater as injustiças, as desigualdades sociais, o Ronda Cidadã leva a estrutura do Governo para as comunidades, melhorando a segurança e oferecendo serviços a quem mais precisa. Aqui vamos melhorar a segurança dos trabalhadores, dos estudantes, das famílias, dos comerciantes”, enfatizou Robinson Faria.

O ato de instalação do Ronda Cidadã no bairro Planalto aconteceu na rua Miramangue e contou com exposição de equipamentos utilizados pela Polícia Militar, apresentações culturais organizadas pela Fundação José Augusto e de grupos comunitários de capoeira e hip hop e contou com a presença de líderes comunitários e de secretários de Estado, deputados e vereadores.

O bairro Planalto é a segunda área da capital a receber o Ronda Cidadã. A primeira reúne os bairros de Areia Preta, Petrópolis e Mãe Luíza com efetivo composto por 112 policiais militares, oito viaturas, três motocicletas, uma base móvel e seis duplas policiais que atuam diariamente no policiamento a pé de bicicleta, beneficiando 30 mil pessoas.

A Polícia Civil do Estado de São Paulo, através do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), prendeu ontem (30), Alexandre Furtado Paes, de 41 anos, acusado pelo homicídio de sua esposa, a fisiculturista Fabiana Caggiano Paes, de 36 anos.

O crime aconteceu em Natal, em dezembro de 2012, quando o Alexandre teria estrangulado Fabiana, que veio a óbito após passar cinco dias internada na UTI, em decorrência da asfixia. Alexandre é investigado, desde então, pelo crime de homicídio qualificado e encontrava-se foragido desde janeiro de 2013.

De acordo com informações preliminares divulgadas pela Comunicação Social da Polícia Civil de São Paulo, Alexandre foi preso por integrantes da chefia do Grupo Armado de Repressão e Roubos (GARRA) na região de Ibiúna, no interior de São Paulo, onde estava trabalhando disfarçado como pedreiro, usando barba e cabelos grandes.

Na ocasião do crime o delegado da Polícia Civil do Rio Grande do Norte responsável pelo caso, Frank Albuquerque, pediu a justiça do RN a prisão preventiva do acusado.

Uma tentativa de homicídio foi registrada na noite desta segunda-feira, 30, na rua Benício Filho, no bairro Ilha de Santa Luzia, em uma região conhecida como “Vargem”.

João Victor estava na calçada de uma residência quando foi abordado por elementos que chegaram ao local de motocicleta. Um deles efetuou os disparos e em seguida fugiu com destino ignorado.

O tiro atingiu a cabeça da vítima. O mesmo foi atendido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhado para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM).

De acordo com informações repassadas pelos socorrista, o estado de saúde do adolescente inspira cuidado.

Viaturas da Polícia Militar, do 12º Batalhão, realizaram diligencias na tentativa de localizar os suspeitos. Para a PM, o crime pode ser mais um episodio envolvendo gangues do bairro Pirrichiu e Papôco, e que disputam a área do grande Alto de São Manoel.

Mossoró Hoje

UOL – O juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte, Michel Curi e Silva, determinou nesta segunda-feira (30) que a mineradora Samarco deposite em juízo R$ 1 bilhão para garantir a reparação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), no início do mês.

Caso não faça o depósito, a mineradora terá de apresentar um bem que tenha liquidez imediata, também no valor de R$ 1 bilhão, como caução.

O pedido foi formulado por órgãos ambientais do governo de Minas Gerais. De acordo com a decisão, a Samarco deverá depositar ainda R$ 50 milhões para garantir o ressarcimento dos cofres públicos com as despesas emergências já feitas pelo governo de Minas Gerais, por meio do IEF (Instituto Estadual de Florestas), do Igam (Instituto Mineiro de Gestão das Águas) e da Feam (Fundação Estadual de Meio Ambiente).

O magistrado determinou ainda que a empresa garanta o fornecimento de água à população das cidades mineiras de Governador Valadares, Belo Oriente, Periquito, Alpercata, Tumiritinga, Galiléia, Resplendor, Itueta e Aimorés, municípios que dependem da água do rio Doce, que foi afetado pela lama da Samarco.

O juiz ainda mandou a Samarco executar um projeto de limpeza e reconstrução dos vilarejos nesses municípios atingidos pelo desastre, além de reconstruir pontes, estradas, dutos e equipamentos de saneamento básico dos municípios mineiros de Mariana, Barra Longa e Rio Doce.

Por fim, o juiz determinou que a Samarco apresente auditoria técnica de segurança das barragens de Fundão, Santarém, e Germano, além de exigir também que a barragem de Germano seja monitorada e que um plano de alerta em caso de outros rompimentos seja implantado.

A decisão é de primeira instância e cabe recurso. Procurada pelo UOL, a Samarco não se manifestou até o momento.

Macaíba a cada dia entra para as manchetes de jornais, blogs e TV.  A surpreendente onda de crimes que acontece na cidade assusta até quem não mora na cidade de 78 mil habitantes, deste vez o crime que vem tendo repercussão na cidade foi o roubo da estrutura dos túmulos do cemitério municipal. O fato aconteceu semana passada, mais a população ainda comenta sobre o ocorrido, onde parte de metais como bronze e jarros foram roubados em plena madrugada. Até o momento a polícia não conseguiu identificar os criminosos.

Dados apresentados pelo IBGE nesta segunda-feira (30), através da pesquisa Estatísticas de Registro Civil, indicam que o Rio Grande do Norte é o segundo estado do Nordeste que registrou elevação no número de mortes violentas contra jovens do sexo masculino de 20 a 24 anos ao longo da última década. Foram 268 mortes por 100.000 pessoas compreendidas na faixa etária estabelecida pela pesquisa. Há 10 anos atrás, a taxa era de 113,5 no estado. Alagoas é o estado nordestino que possui a maior proporção de mortes violentas entre jovens, 332 a cada 100.000.

No Brasil, essa taxa cresceu 5%. Somente em 2014, 179 de cada 100.000 pessoas de 20 a 24 anos foram vítimas de mortes por causas violentas – homicídios e acidentes de trânsito são as principais.

Os números reforçam uma preocupante constatação em relação aos índices de violência no RN, já endossado por outras pesquisas. Dados referentes à 2014 divulgados pelo 9º Anuário de Segurança Pública, mostram que o estado registrou média de 50 mortes a cada 100.000 habitantes (crescimento de 3,9% em relação à 2013). Somente em Natal, segundo o mesmo anuário, a taxa é de 65,9 a cada grupo de 100.000. Compreende-se como mortes no anuário homicídio doloso, lesão seguida por morte, latrocínio ou confrontos com a polícia.

Já o Mapa da violência divulgado neste ano, com dados referentes a homicídios praticados com arma de fogo entre 2010 e 2012, destaca cinco cidades potiguares dentre as 250 mais violentas do Brasil. São elas:

Mossoró – 54,7 mortes a cada 100.000 habitantes (50º no país)
Natal – 37,2 mortes a cada 100.000 habitantes (154º no país)
Extremoz – 35,5 mortes a cada 100.000 habitantes (173º no país)
São Gonçalo – 34,3 mortes a cada 100.000 habitantes (190º no país)
Macaíba – 31,6 mortes a cada 100.000 habitantes (222º no país)

Homicídios registram queda em 2015

Dados divulgados no último dia 6 pela Câmara Técnica de Mapeamento de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), ligada à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), mostram que, nos últimos 10 meses, os índices de violência no estado têm apresentado redução. No acumulado de 2015, foram registrados 1.338 assassinatos, queda de 9,96% em relação ao mesmo período do ano passado. Somente em outubro deste ano, a redução foi 8,39% em relação à 2014, em que foram registrados 142 mortes ante 155.

Dentre os CLVI’s mais recorrentes, está o homicídio, com 1.174 casos registrados até o último mês. Os crimes de latrocínio (roubo seguido de morte) registraram queda de 26,92% em relação aos dez primeiros meses do ano passado. Já os crimes de feminicídio passaram de 48 casos em 2014 para 29 até outubro de 2015.

Em Natal, segundo o levantamento, os índices de homicídios apresentaram baixa. De 480 mortes, entre janeiro e outubro de 2014, para 407 no mesmo período, redução de 15,21%. Já em Mossoró, foi registrado redução de 17,90%, passando de 162 no ano passado para 133.

Tribuna do Norte

A Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Grande Natal, foi mais uma vez alvo de rebelião por parte dos apenados, que promoveram um quebra-quebra dentro da unidade no início da tarde deste sábado (28).

A informação foi publicada pelo Portal BO e confirmada pelo Agora RN. De acordo com a direção do maior presídio do Rio Grande do Norte, na sexta-feira (27) agentes penitenciários retiraram alguns objetos das celas, como TVs, para realizar uma contagem do material e também encontraram um túnel no local – não houve fuga – o que causou a revolta dos detentos.

Nem mesmo depois da devolução dos aparelhos eles se acalmaram e começaram a danificar os pavilhões 1 e 4. O Grupo de Operações Especiais do Sistema Penitenciário e o BPChoque foram acionados para controlar a situação.

Folha de São Paulo – O PMDB foi o principal beneficiado pelas doações das empresas do banco BTG Pactual, de André Esteves, nas últimas eleições. Durante o pleito de 2014, o partido recebeu R$ 17,2 milhões, distribuídos entre comitês e candidatos de nove Estados.

Atualmente, o banco de investimentos é um dos principais doadores eleitorais no país, junto de outros grandes grupos, como a JBS e a construtora Odebrecht.

Durante as eleições de 2014, quando as doações chegaram a quase R$ 50 milhões, a principal contemplada foi a presidente Dilma Rousseff (PT): R$ 9,5 milhões foram destinados à então candidata à reeleição.

O banco, porém, seguiu uma orientação plural: logo em seguida, aparece o comitê do presidenciável Aécio Neves (PSDB), com R$ 7,5 milhões. Marina Silva (PSB) ganhou R$ 1 milhão.

No topo da lista de beneficiados também estão os candidatos ao governo Eduardo Braga (PMDB-AM), Ana Amélia (PP-RS) e Ricardo Coutinho (PSB-PB), além do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), com R$ 1 milhão cada.

Entre os Estados, o Rio de Janeiro, sede do banco, lidera com R$ 3,9 milhões, seguido por São Paulo (R$ 1,8 milhão), Rio Grande do Norte (R$ 1,6 milhão) e Amazonas (R$ 1,5 milhão).

Mato Grosso do Sul, terra do senador do PT Delcídio do Amaral, recebeu R$ 1,5 milhão –metade para o petista, metade para seu adversário Reinaldo Azambuja (PSDB), eleito governador.

Delcídio e o banqueiro foram presosnesta quarta-feira (25) pela Operação Lava Jato, acusados de atrapalhar as investigações do esquema de corrupção na estatal. A prisão do senador é preventiva; a de Esteves, temporária.

Relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, o ministro Teori Zavascki afirmou que o petista ofereceu mesada de R$ 50 mil para que o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró não fechasse acordo de delação premiada –em depoimento, Delcídio negou obstruções e disse que não teme delação. Além disso, Esteves garantiria outros R$ 4 milhões, o quesua defesa nega.

Durante as eleições de 2014, quando as doações chegaram a quase R$ 50 milhões, a principal contemplada foi a presidente Dilma Rousseff (PT): R$ 9,5 milhões foram destinados à então candidata à reeleição.

O banco, porém, seguiu uma orientação plural: logo em seguida, aparece o comitê do presidenciável Aécio Neves (PSDB), com R$ 7,5 milhões. Marina Silva (PSB) ganhou R$ 1 milhão.

CRESCIMENTO

O montante doado em 2014 é quase oito vezes maior do que foi doado em 2010 e quase 400% superior a 2012.

O salto eleitoral da empresa de Esteves começou em 2010, poucos meses depois de o BTG ter se tornado um banco de investimentos sob o comando do executivo. Até então, nenhuma doação em nome da empresa, que foi fundada no Rio como uma corretora de valores, havia sido registrada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Naquele ano de 2010, foram R$ 5,3 milhões em contribuições –em valores corrigidos pelo IPCA, o equivalente a pouco mais de 10% do doado em 2014.

As doações foram feitas somente para diretórios nacionais ou comitês para candidaturas à Presidência, para quatro partidos: PT, PSDB, PMDB e DEM.

Dois anos depois, nas eleições municipais, o montante de doações quase dobrou: pulou para R$ 9,9 milhões, também em valores corrigidos. O principal beneficiado, com R$ 4,8 milhões, foi o PT. PSDB e PMDB, os segundos na lista, receberam cerca de metade desse valor.

Ao longo dos anos, as contribuições do BTG Pactual estão distribuídas entre seis CNPJs diferentes, de diversos segmentos do banco, como BTG Asset Management e BTG Corretora de Títulos e Valores Mobiliários.

Procurado, o BTG Pactual não quis se manifestar sobre as doações.

Durante o ‘Vila Cidadã’ realizado neste sábado (28) no conjunto Leningrado, zona Oeste de Natal, o governador Robinson Faria anunciou a ampliação do programa Ronda Cidadã, que desde julho deste ano tem atuado na zona Leste da capital potiguar.

A partir de 1º de dezembro, bairros da zona Oeste serão beneficiados com o programa. Segundo Robinson, uma pesquisa recente que aponta que nos bairros onde o Ronda Cidadã já foi implantado, 87% da população se sente mais segura e aprova o projeto. Informações do Agora RN.

Um homem foi morto pelo e uma outra pessoa teria sido baleada, no início da tarde deste sábado, na Praia do Meio.

Segundo informações de populares os dois homens bebiam em uma mesa na areia da praia, quando foram surpreendidos pelo atirador, que desferiu um disparo a queima roupa na cabeça da vítima fatal, identificada com Paulo Cesar Figueiredo do Nascimento que que é morador do  KM 6, vulgo “PC”.

Após o Crime o infrator fugiu e a polícia ainda realiza diligências Na tentativa de encontrá-lo. Informações preliminares dão conta de que uma outra pessoa teria se ferido sendo socorrida para dos hospitais da cidade, mas a informação ainda está sendo confirmada pela Polícia Militar.Informações 190 RN.

190 RN – Dois estupros foram registrados entre a noite desta sexta-feira (27) e madrugada deste sábado, em Natal e Macaíba, Região Metropolitana.

Na noite da sexta-feira, os policiais do 4° BPM flagraram um homem identificado como Mailson Marcos do Nascimento, de 31 anos, dentro de um matagal com uma garota de 11 anos.

Segundo a Polícia Militar, o suspeito teria acabado de ter relações com a criança, sendo dada voz de prisão para o Mailson, que foi conduzido para a Delegacia de Plantão da zona Norte de Natal, onde foi autuado em flagrante.

Já na madrugada deste sábado, um roubo foi registrado na cidade de Macaíba, onde segundo populares, uma menina de 10 anos foi levada pelos suspeitos e estuprada.

Apesar da denúncia, os policiais foram até o local mas não conseguiram colher mais informações, mas realizaram diligências na tentativa de encontrar os suspeito do crime. O caso será investigado pela delegacia de Macaíba.

Kerginaldo Pinto (Macau) foi preso nesta sexta-feira sob força de um mandado de prisão. A desembargadora ressaltou a necessidade da prisão como medida para preservar a ordem pública e a investigação criminal.

De acordo com o mandado, mesmo afastado, Kerginaldo Pinto continua usando do poderio político para interferir nos meios de provas. Ainda segundo o mandado, ele ainda poderia estar praticando, inclusive, novos delitos.

Agentes da Polícia Civil prenderam Kerginaldo atendendo determinação da desembargadora Judite Nunes. Segundo a magistrada, havia necessidade da medida para preservar a ordem pública e a investigação criminal. Mesmo afastado do cargo, Kerginaldo Pinto continuaria usando do poder político para promover ingerências no transcurso do processo investigatório.

Caminhoneiros desrespeitam decreto e  junto a falta de fiscalização por parte da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Macaíba, está fazendo com que o decreto que impede que veículos de três eixos circulem pela cidade em horários proibidos, seja descumprido. Não é difícil ver circulando na cidade grandes carretas e caminhões, o pior de tudo é que os guardas de trânsito da cidade não vistos fazendo a fiscalização, normalmente se ver as viaturas, mais nelas estão pessoas do setor administrativo da secretaria, que nada podem fazer.

O decreto publicado este ano tem como objetivo tirar de circulação do horário comercial os veículos de grande porte que possam prejudicar o fluxo de carros na cidade.