Área Policial Arquivo

Um jovem de 18 anos, identificado por Matheus Silva Lima, mais conhecido por “Rodolfo”, foi preso nesta tarde de sexta-feira, 05, em Macaíba.

A prisão ocorreu quando a Polícia Militar do 11º Batalhão, estava realizando um patrulhamento ostensivo no conjunto Alfredo Mesquita. Ao se deparar com Matheus Silva, os PMs resolveram fazer uma abordagem, e foi constatado na delegacia de Macaíba que existia um mandado de busca e prisão contra o mesmo por tráfico de drogas e roubo.

Matéria na íntegra  Connect TV

Agência Brasil – Para reduzir o número de acidentes nas estradas durante o feriado prolongado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou hoje (5) a Operação Carnaval 2016. No período de 5 a 10 de fevereiro, policiais rodoviários estarão distribuídos em pontos estratégicos, patrulhando vias e retirando infratores de circulação.

Segundo o chefe de Operações do Departamento de Polícia Rodoviária Federal da Área 1, Renato Lucena, as viaturas estarão situadas em locais onde ocorrem mais acidentes. “Durante o período de carnaval, a PRF vai distribuir viaturas de acordo com um estudo prévio de dias, locais e horários em que ocorrem determinados tipos de acidente. As viaturas ficarão nesses pontos para que esses acidentes sejam reduzidos”, disse Lucena.

Três homens foram presos na manhã desta sexta-feira (5) suspeitos de envolvimento em um crime de homicídio na cidade de São Paulo do Potengi.

David Mota – 22 anos, Denis Pereira Dantas, 24 Anos, e Rai Franklin Mota da Silva, 22 anos, todos com mandado de Prisão Decretados, foram presos após investigações da Polícia Civil que indicaram os três como suspeitos do primeiro crime de homicídio na cidade. Uma arma e munições também foram apreendidas.

O crime

O crime ocorreu no bairro Nossa Senhora Aparecida e teve como vítima Francisco Nerivaldo Silvestre, de 28 anos de idade. Segundo informações dadas a polícia, Nerivaldo, mais conhecido por Nino,  foi morto por vários disparos de arma de fogo.

190 RN

Com o objetivo de oferecer à sociedade o máximo de segurança e tranquilidade, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) apresentou na manhã desta sexta-feira (5), o plano de segurança pública para desenvolver a Operação “Carnaval Mais Seguro”. A coletiva de imprensa foi realizada no auditório da governadoria, no Centro Administrativo, em Natal.

O planejamento operacional contará com ações da Policia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Instituto Técnico-Científico de Polícia do RN, integradas a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal, Guardas Municipais e Serviço Móvel de Urgência (SAMU). As ações começam na noite desta sexta-feira (05) e se estendem até a Quarta-feira de Cinzas (10).

Para o Carnaval, o Governo do Estado investirá um total de R$ 721.200 mil em diárias operacionais e de viagem, sendo R$ 600 mil para a Polícia Militar, R$ 21.200 mil para o Corpo de Bombeiros e R$ 100 mil para a Polícia Civil.

Mais de cinco mil policiais militares trabalharão durante o carnaval

O Comando Geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte empregará um efetivo de 1.598 policiais, diariamente, na prestação de serviços de policiamento preventivo, ostensivo e de orientação do trânsito em Natal e no interior do Rio Grande do Norte. A PM garantirá um reforço extra no policiamento em cidades polos do interior do estado, além de Natal e Parnamirim e as praias dos litorais Sul e Norte.

O Comando do Policiamento Metropolitano contará com um efetivo diário de 334 policiais para atuar distribuído em toda Região Metropolitana, sem contar com o efetivo de policiamento normal nos bairros da capital. Já o Comando do Policiamento do Interior (CPI) atuará com 1.109 policiais, diariamente, nas principais cidades do Estado, como Caicó, Nova Cruz, Pipa, Tibau do Sul, Sabaúma, Barra do Cunhaú, Canguaretama (Centro e no Balneário de Piquiri), Baia Formosa, Sagi, Pedro Velho, Goianinha, Lagoa Salgada, Santo Antônio, Macau, Mossoró, Gov. Dix-Sept Rosado, Baraúna, Apodi, Felipe Guerra, Itaú, Rodolfo Fernandes, Severiano Melo, João Câmara, Bento Fernandes, Caiçara do Norte, Pedra Grande, Touros, Rio do Fogo, São Miguel do Gostoso, Maxaranguape, Pureza, Ielmo Marinho e Poço Branco.

Em Caicó, onde está previsto para ocorrer eventos na Ilha de Santana e nas praças do Coreto e José Augusto, a PM terá a sua disposição a Plataforma de Observação Elevada (POE) para ser utilizada como Centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICCM), com a finalidade de melhorar a comunicação entre a PM, a Policia Civil e os demais órgãos envolvidos, e o desempenho operacional.

Já o Comando de Policia Rodoviária Estadual (CPRE) trabalhará no sentido de interditar o tráfego de veículos os locais reservados aos festejos carnavalescos, efetuar o controle e desvio de tráfego, a fim de permitir uma maior fluidez no trânsito e na proteção aos pedestres. Ao todo, o CPRE contará com 155 policiais militares, diariamente, que atuarão distribuídos nas cidades de Natal, Extremoz, Guamaré, Areia Branca, Assu, Touros, Macau, Tibau, Lajes, Porto do Mangue, Jardim do Seridó, Jardim de Piranhas, Currais Novos, Parelhas, Cerro Cora, Pau dos Ferros , Almino Afonso, Frutuoso Gomes, Riacho da Cruz, Tenente Ananias, Nova Cruz, Santa Cruz, Pipa, Barra de Cunhaú, Baia Formosa, entre outros.

Policia Civil terá 20 delegacias trabalhando em regime de plantão 24 horas

O Plano Operacional da Delegacia Geral da Policia Civil (Degepol) para o carnaval pretende garantir a segurança e tranquilidade dos veranistas, moradores e comerciantes, tanto da Região Metropolitana de Natal, quanto do interior do Estado, desenvolvendo as funções de Policia Judiciária, visando a confecção de boletins de ocorrência e lavratura de autos de prisão em flagrante delito, termos e boletins circunstanciados de ocorrência.

Para a Operação Carnaval 2016, a Diretoria de Policiamento do Interior (DPCIN) contará com um efetivo de 388 policiais civis e a Diretoria de Polícia Civil da Grande Natal (DPGRAN) terá 100 totalizando 488 policiais civis, entre agentes, escrivães e delegados.

Durante o período, as delegacias localizadas nos municípios de São Paulo do Potengi, Mossoró, Assú, Apodi, Tibau, Caicó, Pau dos Ferros, Macau, Pipa, Nova Cruz, Patu, Alexandria, Santa Cruz, João Câmara estarão de plantão 24 horas, além das delegacias de Touros, Muriu, Pirangi e das especializadas DENARC (Narcóticos), DCA (Exploração sexual de crianças e adolescentes) e DEATUR (Turista).

Em Natal, as delegacias de plantão da Zona Norte e Zona Sul funcionarão normalmente.

Corpo de Bombeiros contará com 14 postos de guarda-vidas no litoral durante o Carnaval

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte (CBMRN) contará com 150 militares, diariamente, que atuarão na Região Metropolitana de Natal e no interior do Estado.

A Operação Litoral Mais Seguro contará com um efetivo de 46 guarda-vidas, diariamente, que atuarão em 14 postos distribuídos nas praias da Redinha, Praia do Forte, Praia do Meio, Praia dos Artistas, Praia de Areia Preta, Ponta Negra, Búzios, Camurupim, Praia da Barra (Tibau do Sul), Praia do Amor (Tibau do Sul), Emanuelas e Ceará (Tibau). O objetivo é desenvolver ações de prevenção, fiscalização, orientação e resgate nas diversas praias do litoral potiguar.

Serviço Técnico de Engenharia do CBMRN atuará em 33 municípios

O Serviço Técnico de Engenharia (SERTEN) do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte é uma unidade que demanda diversas ações durante o período pré-carnavalesco. Neste período, o departamento contará com militares que atuarão nas ações de vistorias de carnaval de eventos temporários em 33 municípios.

Na Região Metropolitana de Natal, o Serviço Técnico de Engenharia estará atuando com vistorias preventivas nos municípios de Natal, São Miguel do Gostoso, Barra do Cunhaú, Maxaranguape, Santana dos Matos, Rio do Fogo, São Tomé, Parnamirim, Poço Branco, São José de Mipibú, Canguaretama, Nizia Floresta, Tibau do Sul, São Paulo do Potengi, Baia Formosa, Touros e Santo Antônio.

Na Região do Seridó, estão previstas vistorias nos municípios de Caicó, São João do Sabugi, Jardim do Seridó, Santana dos Matos, Jardim de Piranhas, Serro Corá, Currais Novos, Florânia, Jucurutu, Parelhas e Ouro Branco. No Oeste Potiguar, o Serten atuará nos municípios de Tibau, Macau, Alexandria, Frutuoso Gomes e Apodi.

Regional de Caicó do ITEP terá equipe de perícia no período de momo

O Chefe de Gabinete do Instituto Técnico-Científico de Polícia, Marcos Brandão, confirmou nesta sexta-feira (5), durante coletiva na Secretaria Estadual de Segurança Pública e da Defesa Social, o reforço do efetivo da Regional de Caicó e o emprego de quase 180 servidores para atender a demanda de exames e perícias nas três unidades do Instituto (Natal, Caicó e Mossoró) durante o período carnavalesco.

De acordo com Marcos Brandão, nos quatro dias da operação “Carnaval 2016” cada uma das unidades do ITEP contará com pelo menos uma equipe de perícia escalada, diariamente, de plantão, para atender as solicitações das autoridades policiais e do Judiciário.

“Habitualmente a Regional de Caicó não conta com essa equipe de perícia, mas em razão do aumento do fluxo de pessoas na cidade e da probabilidade  de acionamentos nesses dias de momo, decidimos escalar um perito extra, em caráter preventivo”, explicou.

Assecom

Fruto de dez meses de investigações, foi deflagrada nesta última quinta-feira (4) a operação para combater a facção criminosa denominada “Sindicato do RN”, que atua dentro e fora dos presídios potiguares.
Foram expedidos 39 mandados de prisão e 20 mandados de busca e apreensão pelos Juízes de Direito das Varas Criminais das Comarcas de Apodi, Caicó e São Gonçalo do Amarante.
Dos trinta e nove mandados de prisão, 27 dizem respeito a investigados já presos e que de dentro dos presídios atuam emitindo ordens para a prática dos mais diversos ilícitos em várias Comarcas do Estado. Líderes e braços operacionais dessa facção foram identificados e são investigados por crimes de organização criminosa, homicídios, roubos, tráfico ilícito de entorpecentes, dentre outros.
A investigação tem origem a partir de informes coletados nas Operações Alcatraz e Citronela, deflagradas respectivamente em dezembro de 2014 e setembro de 2015, observando-se que as atividades do “Sindicato do RN” avançaram ao longo do ano de 2015, mesmo com isolamento de alguns de seus líderes no sistema penitenciário federal, ocorrendo uma sucessão de lideranças.
Dentre outros, tiveram prisões decretadas as seguintes lideranças: Francisco das Chagas Rosa da Silva, conhecido como “Chaguinha”, um dos fundadores e membro da Linha Final; Jamerson César da Silva, conhecido como “Passarinho” ou “Voador”, membro da Linha Final; Gilmar da Cruz Silva, conhecido como “Curau”, membro do Conselho; Evan Ferreira Machado, conhecido como “Gordo Evan”, atacadista do tráfico de drogas; Wiliam Ferreira da Cunha, conhecido como “Oião” ou “Brahma”, membro do Conselho; Bruno Pierre Araujo Falcão da Silva, conhecido como “Pierre” ou “Wolverine”, membro do Conselho; Tarcísio Oliveira da Silva, conhecido como “Macaco” ou “Gorila”, membro do Conselho; João Maria Silva de Oliveira, conhecido como “Seba” ou “Cego” ou ainda “Pirata“, membro do Conselho; Estevam Sales da Silva, conhecido como “My Friend”, membro do Conselho; Gabriel Matheus Costa Torres, conhecido como “Lacoste” ou “Jacaré”, membro do Conselho; Gabriel Morais, conhecido como “Pesadão”, liderança em Caicó/RN; Orlando Vasco dos Santos, membro do Conselho; Neemias de Lima Figueiredo, conhecido como “Miau”, membro do Conselho; e Severino dos Ramos Feliciano Simão, conhecido como “Tirinete”, membro do Conselho.
Nesta quinta-feira, cinco pessoas foram presas em flagrantes por crimes de tráfico ilícito de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo. A Justiça determinou ainda o bloqueio de 79 contas bancárias usadas pela facção, pertencentes a titulares que estão sendo investigados quanto à colaboração com a organização criminosa.
Fundação e domínio territorial
Do estudo das peças investigativas que abordam o histórico do “Sindicato do RN”, ou “Sindicato do Crime” ou ainda “SDC” observa-se que a sua fundação se deu no dia 27/03/2013 por dissidência de detentos que tiveram participação nas atividades do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Rio Grande do Norte, os quais compreenderam a sistemática de funcionamento da organização e romperam com a mesma por discordarem do grande rigor das regras do estatuto do grupo, da forma de tratamento com inadimplentes com a contribuição mensal e do valor desta, além da insatisfação com a obrigação de prestar contas a detentos de outros Estados.
A organização paulista acabou compartilhando a expertise de métodos de atuação criminosa, capacitando os presos potiguares quanto ao funcionamento desse tipo de organização, para assim atuarem de forma mais eficiente, os quais ganharam autonomia e buscaram formar uma organização autônoma, inicialmente rudimentar, mas que, subestimada pelo Estado, foi progressivamente se aperfeiçoando, tendo como metas o controle do interior dos presídios e de territórios fora deles para o tráfico, o que denominam “quebradas”.
A relação com a Operação Citronela observa-se em razão de histórico de sangrenta disputa pelo monopólio do comércio do tráfico de drogas na região da Ponte de Igapó, tendo ocorrido violenta competição entre o grupo do traficante Joel Rodrigues da Silva, que detinha o domínio da comunidade do “Mosquito” com traficantes que atuavam na comunidade “Beira Rio”, zona norte de Natal e na “Baixa da Coruja”, no Jardim Lola, em São Gonçalo do Amarante, motivo por que se observou a necessidade de investigar também esses outros traficantes.
A partir do momento em que Joel Rodrigues da Silva conseguiu avançar e se impor na comunidade “Beira Rio” houve uma reação dos primos Diego da Silva Alves, conhecido como “Diego Branco” e Francisco das Chagas Rosa da Silva, conhecido como “Chaguinha”, que detinham e ainda detém o monopólio do tráfico na “Baixa da Coruja”, em defesa desse território e de outros em São Gonçalo do Amarante, sendo ambos fundadores do “Sindicato do RN”.
Na data de hoje foi preso em São Gonçalo do Amarante o investigado William Carlos Souza de Oliveira, conhecido como “Lobo”, o qual, segundo as investigações, é apontado como autor de diversos homicídios a serviço da facção, dentre essas mortes está a de Anxo Anton Valiño Gonzalez, assassinado no dia 06 de agosto de 2015, por ter se estabelecido no Jardim Lola, em razão da mera suspeita de que o mesmo estaria articulando traficar na localidade.
Desestabilização dos presídios e acordo das facções
Foi constatado ainda que os membros do “Sindicato do RN” buscaram incessantemente desestabilizar o interior das grandes unidades prisionais para conseguir o fim das denominadas “trancas”, ou seja, da prisão propriamente dita em unidade celular separada no interior dos pavilhões.
Paulatinamente, os membros da organização aproveitaram-se do vácuo causado pela ação ineficiente do Estado, foram ocupando espaços e promovendo o domínio das ações do portão do pavilhão para dentro, consumando o fim das “trancas” com reiteradas depredações das unidades, sobretudo entre os meses de março a agosto de 2015, arrancando as grades e impedindo o acesso regular dos agentes penitenciários.
Como os agentes não entravam rotineiramente nos pavilhões e há muito tempo já se valiam de “presos de confiança” para exercer a função de “chaveiros”, estes foram recrutados e passaram a seguir ordens das facções. O passo seguinte foi arrancar as grades de cada cela, o que terminou pelo domínio de toda a área dos pavilhões pelos próprios presos, cujo ingresso passou a depender de intervenções táticas do GOE ou do BPCHOQUE.
Esse comando do interior das unidades impede o cumprimento da Lei de Execuções Penais sobretudo no que se refere a regras básicas de disciplina e à separação dos detentos, facilita a escavação de túneis, o uso de celulares e o recrutamento de novos integrantes para a facção, a partir dos presos que não inicialmente não queiram integrar qualquer dos grupos e procuram posição de neutralidade (denominados de “massa”).
Em julho e em agosto de 2015 o “Sindicato do RN” atingiu quase toda a meta de derrubar as “trancas”, quando destruíram as grades dos Presídios de Nova Cruz e Caicó, perdendo o Estado o domínio do interior desses estabelecimentos.
Observou-se da pesquisa investigativa ainda que entre março e junho de 2015 houve um acordo entre as facções, que se uniram em torno de uma pauta pública que foi o afastamento da então Diretora do Presídio de Alcaçuz, mas cuja pauta real era avançar para destruir mais “trancas” e não se submeter a qualquer ordem ou disciplina, ampliando-se o controle das unidades.
Esse acordo além de viabilizar o avanço da destruição das “trancas”, resultou nos ataques a ônibus na região metropolitana de Natal no dia 16 de março de 2015, o que serviu como demonstração de força e buscava inibir a ação do Estado nas penitenciárias, aliada à estratégia de oferecer representações a órgãos competentes por supostas de violação de direitos por qualquer ação disciplinar mais firme por parte dos agentes penitenciários.
O controle das áreas internas se consolidou progressivamente, porém a frágil paz entre as facções durou até o mês de junho do mesmo ano, quando foi assassinado o detento Alexandre Teodósio, conhecido como “Pelelê”, que era ligado ao PCC, gerando-se uma sequência de atos de violência, com várias outras mortes, dentro e fora das unidades. Algumas dessas mortes foram decididas coletivamente pelo denominado “Conselho” da facção.
Outro órgão da organização é a chamada “Linha Final”, que são presos fundadores ou com poder de mando, os quais procuram agir de forma extremamente discreta, sendo até mesmo desconhecidos da condição de líderes muitas vezes pelos próprios agentes penitenciários, instrumentalizando outros presos para transmitir ordens.
Percebeu-se também que o grupo mantém contatos com membros de facções com divergências com o PCC, como a “Al Qaeda” (Paraíba) e o Comando Vermelho (Rio de Janeiro).
Captura de atacadista do tráfico, fugas recentes e prisões decretadas
Em atuação integrada com o Ministério Público de São Paulo foi preso no dia 26 de novembro de 2015, na cidade de Ubatuba/SP, o foragido da Justiça do Rio Grande do Norte Evan Ferreira Machado, conhecido como “Gordo Evan”, que era fornecedor de drogas para a facção e considerando um dos maiores atacadistas do mercado ilícito no Estado.
No dia 21 de janeiro de 2016 fugiram de Alcaçuz duas das principais lideranças da facção, que seguem foragidos e passaram a atuar fortemente em crimes de roubo, são eles Gilmar da Cruz Silva, conhecido como “Curau”, que tem atuação no Agreste do Estado e Francisco das Chagas Rosa da Silva, o “Chaguinha”, que comanda o tráfico de drogas nas comunidades Jardim Lola e Padre João Maria, em São Gonçalo do Amarante.
MP RN

“Sugiro que nesse carnaval o Governo do Estado conceda um reajuste excepcional no valor das diárias operacionais pagas aos agentes que irão trabalhar no período. Ao mesmo tempo em que abra um processo de estudo para reajuste efetivo”, disse Kelps.

A equipe de reportagem da CONNECTTV registrou ontem (03),  14 pessoas foram vítimas de assaltos durante 5 ocorrências na zona urbana e rural de Macaíba.

1º) A primeira ocorrência de assalto aconteceu no distrito de Pé do Galo. Era por volta das 12h30m quando três estudantes tiveram seus aparelhos celulares tomados de assalto por uma dupla armada em uma motocicleta.

2º) Um homem que trabalha como representante de negócios, foi assaltado na área industrial às 15h30m. A vitima foi abordado por cinco criminosos armados que ao se aproximarem anunciaram o assalto ordenando que o mesmo entregasse seus pertences. Os assaltantes conseguiram fugir adentrando uma área de mata levando um aparelho celular, carteira, documentos, cartões e uma mochila.

3º) Às 16 horas três homens em duas motos assaltaram um homem que caminhava em via publica no bairro Lagoa Grande. A vitima disse a policia que os criminosos conseguiram levar do mesmo o aparelho celular e depois fugiram com destino incerto.

4º) Novamente o conjunto Auta de Souza volta a registrar mais assaltos. Durante o inicio da noite, às 18h30m, dois homens armados de pistolas renderam seis pessoas que estavam em uma praça da localidade. Das vitimas foram roubados os seus aparelhos celulares.

5º) E no loteamento Recanto Verde, às 21 horas, três pessoas da mesma família foram assaltadas. Dois homens não identificados chegaram a pé, renderam a família que estavam na frente da residencia e ordenaram que todos entrassem para dentro de casa. A dupla fugiu levando três aparelhos celulares e uma moto Pop.

Até o momento nenhum dos assaltantes foram identificados ou presos.

Foto: Ilustrativa; 190 RN

Connect TV – Nesta tarde de quarta-feira (03) homens fortemente armados abandonaram um carro após uma perseguição da polícia civil em Macaíba.

Os criminosos estavam no veículo tipo Celta, de cor branca e placas MXM-3045. Os agentes após serem informados que os bandidos estavam neste veículo roubado, deram inicio a uma perseguição e os criminosos perderam o controle do carro quando chegaram nas proximidades da pedreira, na rua Amazonas, no loteamento Esperança.

O bando conseguiu fugir adentrando em uma área de mata e a polícia civil ainda continua nas diligências.

Agora RN – A Polícia Militar, por meio do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), intensificou o patrulhamento tático durante a tarde e noite desta terça-feira (2) nas zonas sul e Norte da cidade do Natal. Ao todo, 404 pessoas foram abordadas pelos militares.

Na zona Sul, o 5º Batalhão de Polícia Militar abordou 250 pessoas durante barreiras montadas no bairro de Candelária. Motoristas, motociclistas e pedestres foram parados e revistados pelos militares. Ninguém foi preso, porém durante toda a ação nenhuma ocorrência foi registrada no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp).

Na zona Norte, o 4º Batalhão de Polícia Militar abordou 154 pessoas durante barreiras itinerantes montadas em seis locais diferentes como na Avenida João Medeiros filho, Avenida Itapetinga, Alto da Torre, Loteamento Sarney, Parque das Dunas e Redinha.

 

Vídeo: Senadinho Macaíba

A Polícia Federal desbaratou neste última  segunda-feira (1), em Natal, uma quadrilha composta por três homens e uma mulher, todos potiguares, no momento em que eles se articulavam para assaltar uma agência dos Correios situada no Conjunto Cidade Satélite, Zona Sul da capital.

A ação aconteceu quando os policiais investigavam o bando suspeito e receberam a informação de que eles possivelmente agiriam nas primeiras horas do expediente de hoje.

A PF então deslocou várias equipes para atuar em pontos estratégicos da Avenida Xavantes, nos arredores daquela agência, e logo conseguiu identificar um casal que fazia o papel de “olheiro” e mais dois homens que se dirigiam em atitude suspeita em direção à agência, um deles, inclusive, para não despertar atenção, vestia uma camisa amarela e uma calça azul, cuja roupa muito se assemelha ao uniforme utilizado por carteiros.

Ao serem abordados e revistados, ambos estavam de posse de pistolas cal. 380, as quais eram conduzidas, respectivamente, na cintura e em uma mochila, onde seria armazenado o produto do roubo.

Além das armas, também foi apreendido um automóvel que era utilizado pela quadrilha. Autuados em flagrante, todos os presos permanecem custodiados na Superintendência da PF, à disposição da Justiça.

Portal BO

Foto: Divulgação PF

Em Macaíba é registrado segundo caso onde vítima de tentativa de assalto é baleada pelos assaltantes. Segundo a Connect TV, o último caso ocorreu neste domingo (31), onde um homem estsva conduzindo sua motocicleta na RN 160 quando foi perseguido por uma dupla armada em uma motocicleta. Segundo o que foi apurado, a motocicleta dos assaltantes foi encostada ao lada da vítima e que anunciou o assalto e pediu que o mesmo parasse, como a vítima não obdeceu, um dos assaltantes acabou atirando, onde o tiro acertou a região próxima dos olhos. A vítima foi socorrida em estado grave para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Macaíba.

 

Durante a noite de ontem (27), um homem não identificado, sofreu uma tentativa de homicídio na Rua Francisco Rivaldo da Costa, no Bairros Campinas, na cidade de Macaíba. Dois homens em uma motocicleta passaram pela rua onde a vítima estava e efetuaram quatro disparos, nenhum atingiu o mesmo, mais uma das balas ainda atingiu a geladeira de uma casa onde foram efetuados os disparos, segundo apuramos, o mesmo não mora no Bairro Campinas, estava lá apenas porque havia ido visitar  um familiar, o mesmo reside no Vilar.

A dupla que efetuou os quatro disparos, ainda não foi encontrada, pelo barulho dos disparos, a arma pode ser de grosso calibre nos contou um dos moradores que não quis se identificar.

O comando da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, deve mudar a Rocam para um outro tipo de grupo especial da PM, parecido com a Rota de São Paulo. Segundo o Portal BO, o atual grupo de polícia Rocam (Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicleta) deverá se chamar Rotam (Rondas Ostensivas Tático-Móvel).

Policiais do BPchoque apreenderam na última terça-feira (27) um adolescente armado e com várias trouxinhas de maconha, o mesmo foi conduzido até Delegacia de Polícia Civil de  Ponta Negra e está a disposição da justiça. Foto: Polícia Militar.