Descrição do autor

Administrador

           13192
O líder maior da igreja Universal de Reino de Deus, Edir Macedo apareceu pela segunda vez, no ranking dos mais ricos do Brasil, publicação feita pela edição da Forbes deste ano. O Brasil agora conta com 65 representantes entre as maiores fortunas mundiais. No ano passado, eram 46 brasileiros no grupo dos mais ricos.
Jorge Paulo Lemann, do ramo de cervejas, é o mais bem colocado na lista global: ocupa a 34º posição, seguido pelo banqueiro Joseph Safra (55º). Ambos perderam postos em relação ao ano passado, quando estavam em 33º e 46º, respectivamente. A fortuna dos brasileiros soma cerca de US$ 220 bilhões e equivale a pouco mais de 3% dos US$ 6,4 trilhões de patrimônio total dos 1.645 bilionários mapeados pelo levantamento da Forbes neste ano. O bispo Edir Macedo com uma fortuna estimada em US$ 1,1 bilhão, oriunda do setor de transmissão de TV, segunda a revista. No ano passado, Macedo contestou a sua inclusão na lista e ameaçou entrar com medidas judiciais. Blog Marcos Dantas
Confira a lista das maiores riquezas do Brasil, divulgada pela Forbes:
      13193
Avenida Jundiaí/ imagem ilustrativa

Buracos deixados na avenida jundiaí vem causando risco para motoristas e ciclistas, o buraco se encontra perto da padaria fibra pão, ao passamos ao local vimos que se trata de um serviço feito em um cano de água, no local só existe dois pneus sinalizando o buraco, já ali  próximo, no conjunto Tavares de Lira recebemos reclamação também a respeito de buracos causados após as chuvas que ocorreram nas últimas semanas, um morador falou conosco, o senhor Francisco relata que não se bastasse os buracos, ainda existe esgotos a céu aberto, sendo ele, os esgotos são provindos de fossas de vizinhos, e que o mau cheiro está incomodando a todos que ali moram, o mesmo cobra providências.

    Macaíba no Ar
O Boletim da Notícia

veras barao

Ontem (02), por volta das 16h, em cima do trio do Grafith o lutador Renan Barão e o ex-prefeito de Macau, Flávio Veras, discutiram depois que o campeão do UFC cumprimentou Letícia, a namorada de Veras. A confusão foi grande. A banda Grafith parou de tocar em pleno corredor da folia.

Flávio mandou Barão descer, mas Júnior Grafith disse se ele saísse não tocariam mais. Flávio retrucou que não pagaria o contrato e chamou nos microfones o atual prefeito Kerginaldo Pinto: “Quem manda aqui sou eu”. Barão desceu e a banda tocou.

Robson Pires

        

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, pré-candidato a presidente da República pelo PSB, voltou a insistir com a vice-prefeita de Natal Wilma de Faria para ela ser candidata ao Governo do Rio Grande do Norte. O desejo de Campos é buscar um palanque próprio em solo potiguar.

No entanto, a vontade (quase exigência) do líder nacional do PSB, caso seja atendida por Wilma de Faria, poderá colocá-la em uma situação extremamente delicada no cenário local. Afinal, a vice-prefeita de Natal seria candidata ao Executivo em que composição? Isolada apenas com o PSB? Quem a líder local peessebista conseguiria agregar no palanque?

Eduardo Campos conseguindo nacionalizar a campanha no Rio Grande do Norte, o cenário sofrerá grandes alterações. E nesse novo posto de Wilma de Faria candidata por exigência do líder nacional do PSB, a tendência é o PMDB nacionalizar também, promovendo uma aliança com todos os partidos da base da presidente Dilma Rousseff.

Da Tribuna do Norte

                            

A presidente Dilma Rousseff é a líder em intenções de voto para as eleições deste ano, somando 47%, o suficiente para vencer no primeiro turno, informa reportagem do jornal Folha de S. Paulo deste domingo, que perfilou os eleitores de 2014. O número leva em conta que a maioria do eleitorado de Dilma tem entre 25 e 34 anos, possui ensino médio e renda familiar mensal baixa, cerca de R$ 1.448.

As informações surgiram do cruzamento de dados apurados pelo Datafolha no fim de fevereiro junto a 2.614 pessoas. Também foi identificado que típico eleitor de 2014 mora na região Sudeste, em municípios do interior com menos de 50 mil habitantes.
O cruzamento dos dados mapeou onde cada candidato se sai melhor. No pólo oposto aos eleitores de Dilma, mais pobres e menos esclarecidos, estão os simpatizantes de Marina Silva (PSB) e de Aécio Neves (PSDB), com renda e escolaridade mais altas.
Pelo menos 30% de quem vota na Marina, por exemplo, tem ensino superior. Já os adeptos de Dilma, apenas 12% fez faculdade.
Os aecistas, por sua vez, estão em sua maioria na região Sudeste (57%) e são preponderantemente homens (57%). Ao passo que os dilmistas estão em sua maioria no Nordeste.
Do Yahoo

                                  

Com eleições suplementares marcadas para o dia 04 de maio, os bastidores políticos já se movimentam na cidade de Mossoró.
A ex-prefeita Fafá Rosado e o marido Leonardo Nogueira se articulam para apoiar a reeleição do prefeito em exercício, Francisco José Júnior (PSD).
Enquanto isso, ao contrário do que alguns veículos publicam, a governadora Rosalba está em total sintonia com a prefeita cassada Cláudia Regina.
E o grupo da deputada federal Sandra Rosado só trabalha com a possibilidade da candidatura da deputada estadual Larissa Rosado.
Heitor Gregório 
       Candidata à reeleição, presidenta Dilma Rousseff pode ter que enfrentar desgaste do programa e críticas de setores da classe média

Tribuna do Norte- Uma das grandes vitrines do PT nas campanhas eleitorais que elegeram Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff para a Presidência da República, o Programa Bolsa Família poderá deixar de ser um patrimônio político nas eleições gerais deste ano e se tornar um problema a ser administrado pelos petistas. A análise é do presidente do Instituto Vox Populi, Marcos Coimbra, em entrevista exclusiva ao Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, com base em recentes pesquisas qualitativas realizadas por seu instituto.

O levantamentos detectaram um desgaste e o crescente aumento das críticas dos setores emergentes da classe média com relação a este programa do governo federal. “O Bolsa Família envelheceu, não pode mais ser usado como o grande carro-chefe das campanhas petistas. E as críticas não são apenas da classe média conservadora, mas estão vindo especialmente da chamada nova classe C, justamente aquela que ascendeu na gestão do PT”, destaca Coimbra.
Segundo ele, os cidadãos da chamada nova classe C, que congrega um contingente estimado em 40 milhões de pessoas – um número não muito distante do total de 47,6 milhões de votos que Dilma teve no primeiro turno das eleições gerais de 2010 -, têm demonstrado em suas críticas ao Bolsa Família que não estão mais identificados com este tipo de benefício, que se tornou um símbolo do que eles não são mais, pois ascenderam socialmente com seus próprios méritos e agora não querem mais compactuar com os que ainda se escoram nas benesses governamentais. “Esses cidadãos alegam que pagam seus impostos, enquanto outros recebem as benesses do governo, por isso não querem mais ser identificados com os que ainda dependem do programa para sobreviver”, explicou.

Matéria na integra aqui

                                Milhares de pessoas lotam as ruas de Macau durante o carnaval (Foto: Canindé Soares)

O primeiro dia do arrastão do mela-mela do carnaval de Macau neste sábado (1º) repetiu o sucesso dos anos anteriores e os seis quilômetros do anel viário da cidade se transformou em um mar de gente. Segundo a Polícia Militar, cerca de 150 mil pessoas lotaram a cidade no primeiro dia de festa.
Macau tem cerca de 30 mil habitantes. Mas, tradicionalmente, no carnaval recebe foliões de várias cidades do Rio Grande do Norte e até de outros estados. A principal atração da festa é o mela-mela com mel de engenho. Os trios percorrem o anel viário de seis quilômetros, passando pelas avenidas Centenário, Integração e Pedro Lopes de Araújo.
Segundo o major André Luis Fernandes da Fonseca, comandante da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar em Macau, nestes primeiros dois dias de carnaval na cidade, a folia transcorreu tranquila. “Não tivemos nenhum incidente grave nestes dois primeiros dias de festa. Para garantir a segurança dos foliões colocamos nas ruas 350 PMs, entre cavalaria, Rocam (motos), BPChoque”, disse o major Fernandes, estimando cerca de 150 mil pessoas neste primeiro dia do mela-mela.
Paredões de som
Uma das marcas da festa da “Terra do sal” este ano são as dezenas de paredões de som instalados nos carros, que são vistos em todos os cantos da cidade e em diversos tamanhos, ampliando por onde passam a potência da energia das pessoas, inclusive durante o mela-mela, pois muitos deles seguiam atrás do Grafith, puxados por tratores.

G1 RN

Situação caótica do transporte público de Macaíba continua, mesmo após algumas publicações serem feitas por blogs de Macaíba relatando o caos no transporte, a empresa responsável trampolim da vitória não se manifestou e também não  respondeu ao nosso contato.

Com excesso de passageiros dentro dos ônibus em horário de pico, o regulamento de concessão do transporte não está sendo descumprido? no artigo de concessão diz.

 Art. 2º. , A outorga para a exploração dos serviços previstos neste Decreto, pressupõe o
atendimento do princípio da prestação de “serviços adequados ao pleno atendimento dos usuários“, bem assim ao que dispõe
este Decreto para cada tipo de serviço.

Parágrafo único. Serviço adequado é o que satisfaz às condições de regularidade, pontualidade,
continuidade,” segurança”, eficiência, generalidade, cortesia na sua prestação e modicidade das tarifas, conforme estabelecido
neste Decreto, nas normas complementares e no respectivo contrato.

                
Ministro Marco Aurélio durante sessão de julgamento dos embargos infringentes
Foto: STF

BRASÍLIA — Para o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marco Aurélio Mello, a mudança do STF em relação à formação de quadrilha decepciona sociedade e poderá afetar as eleições de outubro, quando o TSE fará campanha pelo voto consciente

O TSE vai iniciar uma campanha para neutralizar os protestos de rua, o linchamento político e pedir que os eleitores protestem nas urnas. O recuo do Supremo e a iminente soltura dos mensaleiros dificultam essa campanha?

Temos que buscar a conscientização do eleitor. Às vezes, ele imagina que por ter apenas um voto, não vá fazer diferença, é irrelevante. Mas esse voto se soma a outros que implicam na escolha do representante. A forma de se mudar o país é escolhendo bons representantes. Não é queimando lixeiras, partindo para a violência que já desaguou em uma morte. Estamos concentrados na publicidade institucional, em sensibilizar o eleitor. Não cabe o protesto anulando-se o voto nem se votando em branco.
O que, às vezes, acaba beneficiando justamente quem o eleitor quer tirar…
Claro! O voto em branco é considerado para se aferir se o candidato que está na frente consegue alcançar os 50% para se eleger. O nulo, não. Temos que utilizar essa manifestação negativa de compreensão da quadra vivida. A forma eficiente de se protestar é indo às urnas e sufragando o nome do candidato de vida irreprochável.

Acredita que haverá frustração do eleitor com o recuo do STF? Como isso vai se refletir nas urnas?
Vou repetir o que li num romance do John Steinbeck, “O inverno da nossa desesperança”, em que ele termina assim: “Quando uma luz se apaga fica muito mais escuro como se ela jamais houvesse brilhado”. Quando o Supremo por seis votos a quatro (uma cadeira estava vaga) impôs a condenação, a luz esteve acesa. Deu-se uma esperança à sociedade quanto ao afastamento da impunidade dos poderosos. Agora o mesmo tribunal, porque vinga a impessoalidade, deu o dito pelo não dito. Aí transformou a condenação em absolvição, por seis votos a cinco.

Pelo novo entendimento do STF, vai ser difícil condenar por formação de quadrilha criminosos de colarinho branco? Só para o pobre, o traficante?
Exatamente! Esse é outro aspecto. Mostra que estamos acostumados a perceber o crime de formação de quadrilha apenas para estelionatários, assaltantes, homicidas ou grupos de extermínio, mas não de criminosos do colarinho branco. A meu ver, o Ministério Público, no passado, logrou provar que teve formação de quadrilha entre os oito condenados, muito embora, agora, o Supremo tenha dito que é improcedente a imputação.

Veja a matéria completa aqui!

                                          
A Prefeitura de Macaíba abriu processo licitatório para a construção de uma passarela sobre o Rio Jundiaí, próxima à ponte do centro da cidade. Sem dúvida, uma obra importante para a mobilidade urbana no município, já que as pessoas que circulam pela área diariamente convivem com a perigosa rotina de disputar espaço com o tráfego intenso de veículos. A mesma licitação também vai selecionar a empresa que fará obras de mobilidade no Pernambuquinho.

Grande Ponto

                             

O município de Macaíba acaba de aderir ao Plano Juventude Viva, do Governo Federal. O referido plano trabalha de forma multidisciplinar com a juventude, visando combater os índices de violência da população jovem, principalmente a de negros.

De acordo com o site oficial do Juventude Viva, o plano incorpora a dimensão preventiva à violência, articulando políticas sociais nos campos da educação, do trabalho, da cultura, do esporte, da saúde, do acesso à justiça e à segurança pública.

Em breve, será criado um comitê gestor municipal a fim de sensibilizar todas as secretarias municipais para o desenvolvimento de ações voltadas para a juventude. O projeto também inclui a mobilização dos conselhos de políticas públicas, realização de seminários e fóruns de debate e, ainda, a elaboração de um plano municipal de prevenção à violência contra a juventude negra. A adesão foi consolidada através da publicação do Boletim Oficial do Município, Ano IV – Nº 541, de 27 de fevereiro de 2014.

ASSECOM-PMM

                              

Um acidente foi registrado no final da tarde na BR 304 próximo ao retorno do Vilar  por voltas da 16:00hs desta sexta-feira (28) em Macaíba . Nossa equipe do Patrulha Macaiba esteve no local pra colher mais detalhes . Segundo as informações uma mulher que vinha na moto fan vermelha foi atingida em cheio por um carro não identificado que ia fazendo uma ultrapassagem proibida o condutor do carro fugiu do local sem prestar socorro a vitima. A mesma sofreu ferimentos no braços e nas pernas a equipe da PRF fez o isolamento no local.

Patrulha Macaíba