Descrição do autor

Administrador

A operação Rodovida 2018/2019 no Rio Grande do norte teve início com dois grandes eventos na capital do Estado. Foi realizado no período de 13 a 16 de dezembro, um dos maiores carnavais fora de época do Brasil, o Carnatal, além do festival Halleluya. Muito embora tenham sido festas em ambientes internos, aconteceram às margens da rodovia BR 101. Durante esse período a PRF intensificou a fiscalização na área dos eventos.

Ao final foram registrados os seguintes dados:

– Veículos Fiscalizados ………….………………………… 1.085;

– Pessoas Fiscalizadas ………………………………….… 1.403;

– Motoristas submetidos ao etilômetro ……………..……… 793;

– Motoristas autuados por embriaguez ……………………… 34;

– Veículos retidos por irregularidades ……………………….. 92;

– Carteiras de Habilitação recolhidas ………………………… 34;

– Autuações por não uso do cinto ……………………………. 38;

– Autuações por transporte de crianças sem cadeirinhas..… 12.

O Tribunal Regional Eleitoral irá diplomar Maria de Fátima Bezerra no cargo de Governadora eleita do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto Soares de Medeiros, no cargo de vice-Governador, os senadores eleitos Zenaide Maia Calado Pereira dos Santos e Eann Styverson Valetim Mendes e os suplentes Alisson Taveira Rocha Leal, Margarida Brandão Fernandes de Araújo, Manoel Junior Souto de Souza e Manoel Roberto Silva Rego. Também receberão os diplomas os oito deputados federais e os vinte e quatro deputados estaduais eleitos em outubro de 2018. Os demais suplentes aos cargos de deputado federal e estadual deverão retirar os respectivos diplomas na sede do TRE-RN.

A cerimônia de diplomação será realizada em sessão solene, no Teatro Riachuelo, às 16h do dia 19 de dezembro de 2018. Os diplomas serão assinados pelo Presidente do TER-RN, desembargador Glauber Rêgo. Caberá ao presidente do TRE abrir a sessão solene e em seguida solicitar ao cerimonial a formação da mesa oficial da solenidade que será composta por autoridades do Judiciário, Executivo e Legislativo.

Após a execução do Hino Nacional por Policiais Militares, no início da solenidade, haverá apresentação do Grupo de Dança da Companhia Soraya Lima. Em seguida o presidente do TRE começará a entrega dos diplomas aos eleitos em 2018.

A governadora diplomada, Fátima Bezerra, proferirá seu discurso com duração de 15(quinze) minutos. O presidente do TER, desembargador Glauber Rêgo, também discursará e, por fim, encerrará a sessão solene.

Público

Cerca de 1.300 pessoas foram convidadas a assistir à solenidade de diplomação. Elas já estão recebendo os ingressos que darão acesso as dependências do Teatro Riachuelo, local onde ocorrerá o ato solene.

A solenidade de diplomação também será transmitida, ao vivo, pela TV Assembléia, nos canais 51.3 Digital aberto e pelo canal 9 da Cabo Telecom.

Cerimônia de diplomação

A cerimônia de diplomação é uma etapa indispensável para que os candidatos eleitos possam tomar posse nos cargos que disputaram nas urnas. Ela confirma que o político escolhido pelos eleitores cumpriu todas as formalidades previstas na legislação eleitoral e está apto a exercer o mandato.

Nas eleições estaduais, cabe ao TRE realizar a diplomação dos eleitos. O ritual é realizado desde 1951, quando Getúlio Vargas retornou à Presidência da República por meio do voto popular. Suspensa durante o regime militar (1964 a 1985), a solenidade voltou a ser realizada após a redemocratização do país, em 1989, com a eleição de Fernando Collor de Mello. Para receber o diploma, os candidatos eleitos precisam estar com o registro de candidatura deferido e as contas de campanha julgadas. De acordo com o Calendário Eleitoral deste ano, as solenidades de diplomação devem ocorrer até o dia 19 de dezembro.

Foto: Leo Cabral/Rede Sustentabilidade

O Elo Nacional da REDE Sustentabilidade se reunirá nesta terça-feira (18) para analisar a viabilidade de adiar a realização do I Congresso Nacional Extraordinário da legenda, previsto para ocorrer nos dias 19 e 20 de janeiro, em Brasília (DF). A alteração da data foi proposta por um grupo de deputados, senadores e prefeitos do partido, que consideram necessário dispor de mais tempo para aprofundar o debate sobre o futuro da REDE entre as várias instâncias da legenda e seus filiados. A reunião que avaliará essa possibilidade ocorrerá às 19h.

O adiamento do Congresso foi solicitado pela deputada federal eleita Joenia Wapichana (RR); pelos senadores eleitos Fabiano Contarato (ES), Flávio Arns (PR) e Randolfe Rodrigues (AP); pelos deputados estaduais eleitos Alexandre Xambinho (ES) e Marina Helou (SP); e pelos prefeitos de Serra (ES), Audifax Barcelos, e de Macapá (AP), Clécio Luís.

O Congresso
O I Congresso Nacional Extraordinário da REDE reunirá filiados, dirigentes e titulares de cargos eletivos do partido para debater o futuro da legenda e deliberar sobre a manutenção ou a fusão com outro partido que apresente convergências programáticas.

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, fala à imprensa após reunião com a Comissão Mista de Orçamento, na Câmara dos Deputados.

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Agência Brasil – O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje (17) que pretende horizontalizar os impostos, acabando com isenções e subsídios, cortando inclusive verbas do Sistema S, que deve sofrer redução em torno de 30%, podendo chegar a 50% dos repasses. “É a contribuição, como vamos pedir o sacrifício do outro sem dar o nosso?”, questionou.

Paulo Guedes para uma plateia de empresários na Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), no evento Encerramento das Atividades 2018 e Perspectivas 2019. Também participaram do almoço o prefeito do Rio Marcelo Crivella e o governador eleito do estado, Wilson Witzel.

O futuro ministro disse que também é necessário fazer uma reforma do Estado e garantir um novo eixo de governabilidade, com a retomada do pacto federativo, e “corrigir a hipertrofia do governo federal”. “Nós queremos recompor o federalismo, descentralizar recursos para os estados e municípios. Levem os recursos, levem as atribuições”.

Previdência

Guedes disse que uma das prioridades do novo governo é a reforma da Previdência, que deverá incluir um sistema de capitalização “para garantir as gerações futuras”. Ele comparou o sistema atual, compartilhado, com um avião “prestes a cair” por causa da “bomba demográfica” que o país enfrenta com o envelhecimento da população.

Segundo o futuro ministro, é preciso fazer como foi feito no Chile e transitar “na direção de um sistema de capitalização”. “Primeiro vamos tentar acertar esse [sistema] que está aí e depois a gente aprofunda e vai na libertação das gerações futuras, com um sistema de capitalização que democratiza o hábito de poupança, liberta as empresas dos encargos trabalhistas. Vai ser um choque de criação de novos empregos, dá a portabilidade, direito de investir onde quiser”.

Guedes explicou que, nesse novo sistema, o Estado garante o resultado, mas não opera diretamente, agindo como coordenador e fiscal. Com isso, segundo o futuro ministro, o país cria “uma enorme indústria previdenciária que vai botar o Brasil para crescer 4%, 5% ao ano”. Guedes disse que o novo sistema será apenas para os jovens que ingressarem no mercado de trabalho, assim como o novo regime trabalhista, onde vale a negociação, que será optativo.

Classe política

O futuro ministro disse ser necessária a reabilitação da classe política, para que os eleitos assumam o protagonismo das ações. “Chegar e ‘olha, vamos desvincular, descarimbar esse dinheiro’. Esses objetivos decididos há 30 anos já foram atingidos? Se não foram atingidos, pelo menos decidam. Vocês querem mais na defesa, na segurança pública, mais na saúde? Na educação? Subsídios para desigualdade regional? Venham aqui e assumam a responsabilidade e o protagonismo”.

Segundo Guedes, atualmente o político tem uma vida “desagradável” com muitos privilégios e nenhuma atribuição. “Está parecido com a nobreza francesa, mas a guilhotina aqui é midiática, cada hora cai em um pescoço. Uma classe que só tem privilégios e não tem atribuições está enfraquecida. Eles já sabem que não tem mais o toma lá dá cá e vão ter que se reinventar”.

O futuro ministro disse que, se não for possível implantar as medidas que pretende por dificuldades políticas ou falta de apoio, ele deixará o governo. “Quem bater no ministro da Economia leva mais? Não vai, porque eu jogo as chaves fora antes”, disse se referindo à prática que, segundo ele, é recorrente no país, dos governadores e prefeitos irem pedir recursos diretamente aos ministros, em vez de buscarem alocar verbas no Orçamento.

Guedes disse também que não vai interferir nas atuais negociações sobre o megaleilão do excedente do petróleo da camada pré-sal e que vai tratar da cessão onerosa no próximo ano.

DETRAN/RN

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) apresentou na manhã desta segunda-feira (17), o balanço das fiscalizações preventivas efetivadas pela Operação Lei Seca durante o Carnatal. Os dados apontam para a realização de 1.415 testes de etilômetro em duas noites sequenciadas de fiscalização nas ruas próximas ao evento.

No total, foram registradas 122 autuações por infração as regras legais de trânsito, sendo que dessa soma, 81 condutores foram flagrados por desrespeito a Lei Seca, quatro motoristas presos por crime de trânsito e outras 41 infrações notificadas por motivos diversos.

A ação alcançou a marca de 3 mil fiscalizações incluindo condutores e veículos averiguados durante o Carnatal. As blitzen realizadas nas avenidas Prudente de Morais e Engenheiro Roberto Freire, além das ruas próximas ao estádio Arena das Dunas, conseguiram retirar diversos motoristas embriagados das ruas da capital, o que resultou em índice zero de acidentes de trânsito envolvendo foliões.

Durante as fiscalizações dois casos chamaram a atenção dos policiais da Operação Lei Seca. Na primeira situação, um condutor tentou se evadir da blitz e jogou o veículo perigosamente sobre os policiais. O cidadão foi perseguido e preso, além de ter o carro retido e levado ao depósito de veículos apreendidos do Detran. No segundo caso, um folião tentou ludibriar os policiais chegando a beber e jogar perfume em si mesmo na intenção de mostrar que não havia ingerido bebida alcoólica e que o bafômetro registrava perfume, porém não conseguiu ludibriar a fiscalização e foi autuado.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, avaliou positivamente o trabalho de fiscalização no Carnatal apontando para a perspectiva do número de acidentes e de vítimas fatais do trânsito preservadas com a trabalho assíduo produzido pela equipe da Operação Lei Seca. “O trabalho foi realizado com competência e com o único e exclusivo objetivo de preservar vidas no trânsito, zelando por condutores e pedestres, e isso foi alcançado inibindo a combinação perigosa de álcool e direção”, comentou.

O motorista flagrado dirigindo embriagado é punido com retenção da CNH, apreensão do veículo, que só será liberado com a presença de um condutor habilitado, multa no valor de R$2.934,70 e sete pontos na carteira, além de outras penalidades administrativas (artigo 165 CTB). Isso se o teste de bafômetro acusar até 0,33 mg/l de álcool por litro de sangue no organismo ou se ele se recusar a fazê-lo.

Se o teste acusar a partir de 0,34 mg/l, ou se ele se recusar a fazê-lo, mas apresentar sinais visíveis de embriaguez, além de responder nos termos do artigo 165, vai ser enquadrado no artigo 306 (crime de trânsito): será preso e conduzido à Delegacia de Polícia, onde será iniciado o devido processo legal, respondendo pelo crime que prevê a punição de seis meses a três anos de prisão.

 

PM/ASSECOM

A Comissão de Coordenação Geral do Concurso Público para Praças da Polícia Militar está orientando os candidatos que atingiram o ponto de corte nas redações a adiantarem os exames de saúde, previstos no item 9 do Edital n° 003/2018 – SEARH/PMRN, de modo a agilizar a confecção e os resultados dos respectivos exames.

De acordo com o Tenente Coronel PM Antônio Pessoa de Souza Júnior, membro da Comissão no âmbito da Polícia Militar e da Secretaria de Administração e Recursos Humanos, o resultado final das redações deverá ser divulgado na data provável de 19 de dezembro, quarta-feira próxima, e os exames de saúde iniciarão na data provável de 21 de janeiro de 2019.

Com o provável prazo, os candidatos terão aproximadamente 20 dias úteis para a confecção dos exames laboratoriais e respectivos laudos, que, conforme item 9.5 do edital correrão a expensas dos candidatos.

“Os candidatos terão que apresentar 29 exames laboratoriais e seus respectivos laudos constantes no anexo V do edital, o que demanda tempo em sua confecção. Por isso, a necessidade de os candidatos realizarem os exames tão logo saia o resultado final da redação, que está previsto para ocorrer no dia 19 de dezembro”, explicou o Tenente Coronel PM Antônio Pessoa.

A formatura do projeto Capacita Macaíba foi realizada na tarde desta sexta-feira (14), nas imediações da Praça Paulo Holanda Paz (Pista Nova). Milhares de pessoas estiveram presentes na solenidade, que contou com a presença do prefeito Fernando Cunha, que esteve ao lado do presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Gelson Lima, dos vereadores Netinho França e Dadaia Ribeiro.

Mil certificados dos mais variados cursos de qualificação profissional, oficinas e cursos on line foram entregues para os estudantes, que estavam acompanhados e acompanhadas de seus familiares.

Doze cursos foram oferecidos de forma presencial, tanto na zona urbana como na zona rural do município, sendo alguns deles mecânica de motos, corte e costura, operador de telemarketing entre outros. A iniciativa buscou promover a autonomia das famílias inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), com foco nas famílias atendidas pelo programa Bolsa Família.

Em seu pronunciamento, o prefeito Fernando Cunha destacou a atuação da administração municipal e de todos que apoiaram a realização dos cursos. “Nós da Prefeitura agradecemos aos vereadores, aos professores e a vocês e seus familiares. Achamos que o papel da Prefeitura é ajudar cada vez mais a melhorar a qualidade de vida de vocês. Parabéns!”, afirmou.

Na solenidade também estiveram presentes os secretários municipais de Trabalho e Assistência Social, Andrea Carla Ferreira; de Cultura e Turismo, Marcelo Augusto Medeiros; de Infraestrutura, Francisco William; de Desenvolvimento Econômico, Edvaldo Marinho; de Saúde, Gisleyne Karla Medeiros; Emília de Lurdes, coordenadora do programa Acessuas Trabalho, Marianna Barreto, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e Verônica Bezerra, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).

Assecom

Resultado de imagem para parnamirim

Nesta segunda-feira (17), Parnamirim  completa 60 anos de emancipação política e para entrar no clima das comemorações, a Prefeitura preparou uma programação especial durante todo o dia.

Ao todo, já foram realizadas 60 ações alusivas à data comemorativa, incluindo inaugurações, atraçoes culturais e shows musicais no Largo da Cohabinal. “Quero parabenizar a nossa cidade pelo seu crescimento. Parnamirim é atualmente a cidade que mais cresce no Nordeste e com certeza o município tem muito o que comemorar nesta data”, destacou o prefeito Rosano Taveira.

A data marca seis décadas da história de uma cidade que é a terceira maior em população do Rio Grande do Norte (atrás de Natal e de Mossoró). Parnamirim, que em tupi significa “rio volumoso pequeno”, congrega hoje em seu entorno águas caudalosas de um desenvolvimento social, econômico e cultural perene.

Parnamirim nasce nos ares, em meio à aventura da aviação civil no Brasil. Surge como território de Natal, porém passa a categoria de vila no ano de 1943. Nesse período, desenrolar da Segunda Guerra Mundial (1939 – 1945), o  Governo Vargas assina um acordo de defesa mútua, cedendo terras nordestinas para a instalação de bases norte-americanas.

Por decreto foi criada a Base Aérea de Natal, dando impulso ao surgimento de Parnamirim. Pela localização estratégica, a base de um triângulo que apontava para o norte da África e o sul da Europa, Parnamirim Field foi identificada pelos americanos como “Trampolim of Victory” (Trampolim da Vitória).

 Em 03 de setembro de 1948, o município torna-se distrito. Em 1973, através de Lei nº 4.278, Parnamirim muda de nome para Eduardo Gomes, Brigadeiro do Ar de importante papel na Segunda Guerra. Mas, em 06 de Outubro de 1984, em Lei nº 5.601, o município volta a ser chamado de Parnamirim.

O primeiro administrador de Parnamirim foi Josafá S. Machado e em 17 de dezembro de 1958, Parnamirim vive o processo de emancipação política, tendo como prefeito nomeado pelo governado do Estado, Deoclécio Marques de Lucena.

Confira programação completa:

8 HORAS
Entrega de viaturas pelo Governo do Estado para a SESDEM, Polícia Militar e Semsur
Local: Centro Administrativo/ Avenida Castor Vieira Régis – Cohabinal

9 HORAS
Descerramento da placa de inauguração do Esquadrão Águia
Local: Rua Bolívia, s/n, Passagem de Areia

 15h30
Assinatura da ordem de serviço para a instalação de iluminação de led
Local: Sala de Reuniões no Centro Administrativo/ Av. Castor Vieira Régis – Cohabinal

 16h
Sanção das seguintes Leis:
– Guarda Municipal;
– Criação de Cargos para concurso da Saúde e Assistência;
– Bolsa de iniciação artística da Fundação Parnamirim de Cultura;
– Reajuste salarial para agentes comunitários e de endeias
Local: Sala de Reuniões no Centro Administrativo/ Av. Castor Vieira Régis – Cohabinal

 17h
Entrega das ambulâncias do SAMU
Local: Centro Administrativo, Av. Castor Vieira Régis – Cohabinal

 19h Show com Dorgival Dantas, Walkiria Santos e Thullio Milionário

Faleceu na tarde deste domingo (16) o locutor Heriberto Vicente, bastante conhecido em Macaíba pela sua voz nas propagandas em carro de som.

Heriberto faleceu na cidade de Nísia Floresta.

 

 

 

Um homem foi morto a tiros dentro da casa onde morava, na cidade de Macaíba, Grande Natal, na madrugada deste domingo (16). José Cosme de Oliveira, conhecido como Buda, estava deitado no sofá da sala quando foi executado.

De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu no bairro Campinas. Passava das 4h da madrugada quando dois homens chegaram ao local, em uma motocicleta. Encapuzados e armados, eles arrombaram a porta da frente do imóvel e atiraram várias vezes contra José Cosme, que morreu deitado no sofá.

Do G1RN

Um agente penitenciário identificado como Paulo Roberto da Silva, de 38 anos, morreu na noite desta sexta-feira, 14, em Natal, após ser baleado na frente de casa em Candelária, na zona Sul de Natal. A pistola da vítima também foi roubada pelos criminosos durante a ação.

Paulo Roberto trabalhava no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Candelária e fazia parte do Grupo de Escolta Penal (GEP). Ele é o 25º agente de segurança pública assassinado no Rio Grande do Norte em 2018.

O crime foi gravado por uma câmera de segurança. O agente penitenciário falava ao telefone quando dois homens chegaram em uma moto, com a arma apontada para ele. Paulo Roberto ainda sacou sua pistola, para tentar reagir, mas foi baleado na cabeça e caiu.

Antes da dupla fugir, um dos criminosos deixou a motocicleta e pegou a arma do agente.

Policiais ainda não sabem determinar se a morte de Paulo Roberto foi um latrocínio ou execução. O agente penitenciário deixa uma esposa e três filhos.

Informações do Agora RN