Arquivo diário: sexta-feira, março 12, 2021

De acordo com o boletim epidemiológico da secretaria estadual de Saúde divulgado nesta sexta-feira (12), Macaíba registra 1576 casos suspeitos de covid-19, 2453 confirmados, 45 óbitos sob investigação e 101 mortes acumuladas desde o início da pandemia.

Um homem identificado por nome de Alan dos Santos, de 21 anos, foi assassinado a tiros quando conduzia um veículo na avenida Enock Garcia (Lagoa Grande), em Macaíba. O homicídio aconteceu na tarde desta sexta-feira (12). Segundo relatos, dois homens em uma motocicleta se aproximou do carro da vítima e efetuou os disparos.

Diante dos ferimentos, o homem não resistiu e veio a óbito ainda dentro do carro.

Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Pelo terceiro dia seguido, o Brasil teve mais de duas mil mortes registradas em consequência da pandemia do novo coronavírus. Nas últimas 24 horas foram computados 2.216 óbitos. Ontem (11) foram 2.233 falecimentos. Na quarta-feira (10), 2.286.

A soma de pessoas que não resistiram à pandemia subiu para 275.105. Ontem, o número estava em 272.889. Ainda há 2.966 mortes em investigação por equipes de saúde. Isso porque há casos em que o diagnóstico sobre a causa só sai após o óbito do paciente.

O número de casos confirmados desde o início da pandemia chegou a 11.363.380. Entre ontem e hoje, foram registrados 85.663 novos diagnósticos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus.

O número de pessoas recuperadas superou a marca dos 10 milhões, com 10.000.980. Já a quantidade de pessoas com casos ativos, em acompanhamento por equipes de saúde, ficou em 1.087.295.

Foi o segundo dia com mais novos registros. No dia 7 de janeiro foram acrescentados às estatísticas 87.843 pessoas contaminadas. Ontem a soma de casos desde o início da pandemia estava em 11.277.717.

A informação está na atualização diária do Ministério da Saúde, divulgada na noite de hoje (12). A atualização é produzida a partir das informações levantadas pelas autoridades estaduais e locais de saúde sobre casos e mortes provocados pela covid-19.

O Shopping Midway, em comunicado aos lojistas, diz que como não houve atualizações de decretos do poder público, continuando sem garantia de livre circulação das pessoas no domingo, seguirá temporariamente fechado aos domingos e feriados.

“Reforçamos que está permitida a operação no formato Delivery para todas as lojas, mesmo com o Shopping fechado, até às 22h (todos os dias, inclusive domingo)”, diz trecho de nota.

Foto: Edeilson Morais

Liderança e elogios 

Esta semana o prefeito Emídio Júnior foi aplaudido após ir até os trabalhadores da TCL e conversar com eles sobre o atraso do pagamento causado pela empresa terceirizada. A empresa que presta o serviço de limpeza urbana de Macaíba não efetuou o pagamento dos salários dos garis e os trabalhadores no seu direito reivindicaram o pagamento.

Após saber que os garis estavam fazendo paralisação na praça Paulo Holanda, o prefeito foi até eles e informou a real situação, pois, o município não estava com nenhum pagamento em atraso. No próprio portal da transparência consta que no dia 03, o município pagou mais de meio milhão de reais a referida empresa.

O ato do prefeito ir conversar diretamente com os garis resultou em elogios nas redes sociais.

Alguns dos comentários nas redes sociais

Sucesso de audiência

Nossa live “Bate-papo com Mário Victor” foi um sucesso de audiência no Instagram. Para as próximas semanas iremos trazer autoridades da cidade e do estado para falar sobre política e outros assuntos de interesse público. O primeiro convidado foi o empresário Jota Júnior, onde abordamos assuntos sobre a construção civil e sobre o pleito de 2020.

Vice participativo  

O cotidiano vem mostrando que Netinho França é um vice-prefeito participativo. Faz parte do cotidiano de Netinho participar das ações da administração, ouvir os servidores e a população para que cada vez mais os serviços públicos sejam aperfeiçoados e o cidadão cada vez mais esteja satisfeito.

 

Convites

Alguns ex-candidatos no pleito de 2020 em Macaíba, começaram a receber convites para apoiar nomes que irão disputar o pleito de 2022. Lideranças políticas começam a pavimentar o caminho do próximo pleito e buscam cidades de grande porte no estado para que daqui a um ano tenham uma base que possa vir conquistar uma cadeira na Assembleia Legislativa.

Votação de propostas. Presidente da Câmara, Arthur Lira (PP - AL).

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados concluiu a votação, em segundo turno, da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 186/19), chamada PEC Emergencial. A proposta cria mecanismos de contenção fiscal, controle de despesas com pessoal e redução de incentivos tributários. Também vai permitir ao governo federal pagar um auxílio emergencial este ano, com R$ 44 bilhões por fora do teto de gastos, para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19 na população mais vulnerável.

Segundo o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), há a expectativa de que o texto seja promulgado o mais breve possível, de forma a garantir o pagamento do auxílio ainda no mês de março. Uma análise da consultoria da Câmara deve recomendar a promulgação da PEC sem necessidade de retorno ao Senado. Após a promulgação, o Executivo deverá editar uma medida provisório liberando o pagamento do auxílio.

“A nossa posição é de promulgação. Deveremos ouvir também a assessoria técnica do Senado, para que as duas Casas possam, conjuntamente, promulgar a PEC e dar ao Brasil essa caixa de ferramentas para que faça uma programação nos seus gastos públicos”, afirmou Lira após a conclusão da votação.

Auxílio

A PEC libera R$ 44 bilhões por fora do teto de gastos para o pagamento do auxílio emergencial. Segundo o governo, as parcelas da ajuda à população mais vulnerável serão de R$ 175 a R$ 375 por quatro meses (março a junho).

Rigidez

O texto da PEC impõe medidas de ajuste fiscal, como controle de despesas com pessoal e redução de incentivos tributários, caso as operações de crédito da União excedam as despesas. Entre as medidas estão barreiras para que a União, os estados e municípios criem despesas obrigatórias ou benefícios tributários.

Pela proposta, todas as vezes em que as despesas obrigatórias sujeitas ao teto de gastos ultrapassarem 95% das despesas totais, ficarão proibidos para os Poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e o Ministério Público: aumento de salário para o funcionalismo; a realização de concursos públicos; criação de cargos e despesas obrigatórias; concessão de benefícios e incentivos tributários; o lançamento de linhas de financiamento e a renegociação de dívidas.

Entretanto, o governo acatou um acordo, envolvendo a maior parte dos partidos da base aliada, para apresentar no segundo turno de votação um destaque ao texto, retirando a proibição de promoção funcional ou progressão de carreira de qualquer servidor ou empregado público.

Esse foi um dos pontos mais criticados da PEC. A proposta surgiu durante a votação de um destaque do PT, que retirava do texto as restrições relacionadas às despesas de pessoal.

Com relação a estados e municípios, o texto prevê que a regra dos 95% será facultativa. Ela inclui gatilho adicional de medidas de contenção de gastos ,quando a relação entre as despesas correntes e receitas correntes alcançar 85%, com vigência imediata e dependente de atos do governador ou do prefeito.

Segundo a proposta, uma lei complementar vai trata da sustentabilidade da dívida e poderá autorizar a aplicação dessas restrições. O teto diz que a lei deve definir, entre outros pontos, níveis de compatibilidade dos resultados fiscais com a trajetória da dívida e planejamento de venda de estatais para reduzir seu montante.

“Aprovamos no Senado e na Câmara inúmeras ferramentas de controle de gastos. Uma sinalização muito forte para que o Brasil esteja atento a conter suas despesas, a se programar, a ter previsibilidade, principalmente nessa questão dos gastos”, disse Lira.

O único destaque aprovado na votação de ontem retirou da proposta toda a parte que proibia a vinculação de qualquer receita pública a fundos específicos.

Entretanto, permaneceu no teto o ponto que prevê que, até o fim de 2023, o Poder Executivo poderá utilizar o superávit financeiro dos seus fundos para pagar dívida pública. Ficam de fora da regra os fundos públicos de fomento e desenvolvimento regionais e os fundos mantidos pela PEC, que aumentou a desvinculação de receitas.

A medida vale inclusive para estados e municípios, mas se o ente federado não tiver dívida pública para amortizar, o dinheiro será de livre aplicação.

Ler mais…

A Prefeitura de Macaíba, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMURB) mantém firme os mutirões de limpeza urbana simultaneamente em diversas regiões da cidade.

Durante os mutirões, a SEMURB proporciona serviços de raspagem, roço, pintura de meio fio, coleta de entulho e poda. Recanto Verde, Bom Sossego, Residencial Manoel Dias, Vilar e Conjunto Monte Líbano estão entre as localidades que receberam estes serviços recentemente.

“Apesar da paralisação pontual ocorrida no último dia 10 de março, a equipe da limpeza urbana segue a todo vapor dando seguimento aos grandes mutirões iniciados nos primeiros dias do ano. Somente nesta semana, cinco localidades diferentes foram atendidas.”, esclareceu o titular da SEMURB, Billy Jean.

A SEMURB está sempre pronta para atender as solicitações da população, seja na zona urbana ou na zona rural. Em caso de necessidade, o cidadão pode ligar para os telefones (84) 3271-6634 ou (84) 3271-6557. A solicitação também pode ser feita diretamente para a empresa terceirizada responsável pelo serviço pelo número de telefone (84) 3271-1898.

 

Macaíba celebra 139 anos da Paróquia « Arquidiocese de Natal, RN

Foto: Paróquia de Macaíba/Jeferson Fernandes

Nesta quinta-feira (11), a Prefeitura de Macaíba publicou em decreto as regras para o funcionamento de templos, igrejas e locais de cultos.

Veja o que diz o Art. 13: Fica autorizada a abertura e funcionamento das igrejas, templos e demais locais de celebrações religiosas, para a realização de missas, cultos e denominações de qualquer credo, religião, ou doutrina, de segunda-feira à sábado, a partir das 6h até às 20h, desde que atendidas as regras e protocolos sanitários.

§1º A autorização de abertura e funcionamento referida no caput deste artigo fica limitada a 30% (trinta por cento) da capacidade de acomodação do local.

§2º Fica terminantemente proibida a retirada da máscara no interior dos locais previstos no caput, assim como durante a realização das atividades lá praticadas.

§3º Os cultos, missas, reuniões e demais atividades que acontecem no interior dos ambientes mencionados no caput, deverão ocorrer com intervalo mínimo de 1 hora entre eles, a fim de que se higienizem todas as acomodações do local.

Foto: Raphael Oliveira

As equipes da vigilância sanitária e da vigilância em saúde realizaram na manhã desta sexta-feira (12) uma ação de combate ao mosquito Aedes aegypti nos bairros Alto da Raiz e Campo da Santa Cruz para combater naquelas regiões a proliferação do inseto, transmissor de doenças como dengue, zika e chikungunya.

Os agentes de combate às endemias realizaram o trabalho de borrifação de inseticida, por meio do sistema de bloqueio de ultra baixo volume (UBV), nas residências e terrenos baldios e distribuíram hipoclorito de sódio aos moradores. Além do trabalho de combate à dengue, as equipes distribuíram máscaras de proteção e deram orientações sobre a Covid-19.

O trabalho foi realizado em áreas onde a secretaria de Saúde identificou casos suspeitos e confirmados de dengue e de chikungunya. Mesmo com a pandemia da Covid-19, o poder público alerta para a necessidade de manter os cuidados para evitar a proliferação do Aedes aegypti.

Assecom

Nominuto.com - Portal de notícias e artigos

Foto: Divulgação/ IMD

O Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) abriu nesta última quarta-feira (10) processo seletivo para a contratação de profissionais, em regime de CLT, para os cargos de Psicólogo Organizacional e Analista de Mercado – voltados para atuação na incubadora Inova Metrópole –, além de  Técnico de Apoio em Pesquisa e Desenvolvimento – destinado a atuação na Diretoria de Projetos do IMD.

Conforme o edital 06/2021, coordenado pela Fundação Norte-rio-grandense de Pesquisa e Cultura (FUNPEC), as inscrições devem ser feitas até o 15 de março de 2021, através do preenchimento do formulário de inscrição disponível no site www.funpec.br, juntamente com o envio dos demais documentos solicitados no edital para o endereço de e-mail ps062021@funpec.br.

São ofertadas três vagas, uma para cada função. A carga horária será de 20 horas semanais para Psicólogo Organizacional e Analista de Mercado, e as remunerações  serão no valor de R$1.990 e R$ 2.437, respectivamente. Para a função de Técnico de Apoio em Pesquisa e Desenvolvimento a carga horária será de 40 horas semanais e a remuneração no valor de R$ 2.762.

O processo de seleção será realizado em duas etapas, ambas eliminatórias. A primeira consta de análise  curricular e a segunda será realizada por meio de entrevista técnica, no formato remoto e com data e horário divulgados junto ao resultado definitivo da fase anterior.

Não haverá repetição de qualquer etapa do processo seletivo, sendo o não comparecimento do candidato, por qualquer que seja o motivo, caracterizado como desistência e resultando em sua eliminação.

O prazo de validade do processo seletivo é de seis meses, podendo ser prorrogado, por igual período, caso haja necessidade, a fim de atender às demandas do projeto. O resultado final do Processo Seletivo será divulgado no site www.funpec.br.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O governo federal iniciou hoje (11) os testes de embarque aéreo 100% digital, no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, a partir do uso de reconhecimento facial e sem apresentação de cartão de embarque ou documento de identificação. O projeto piloto Embarque + Seguro, criado pela Secretaria Nacional de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura e desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) objetiva tornar mais ágil, seguro e eficiente o processo de embarque nos aeroportos.

De acordo com a Infraero, que administra o terminal aeroportuário, essa ferramenta já era oferecida no mercado mundial e agora chega ao Brasil, mas com o diferencial de contar com tecnologia do Serpro, que usa uma base de dados unificada, capaz de checar e validar, em poucos segundos, a identidade do passageiro.

Após a aprovação do projeto piloto do Embarque +Seguro, o governo federal pretende dar continuidade ao processo visando a implantação da tecnologia nos principais aeroportos do país.

Os testes no Santos Dumont devem continuar até o segundo trimestre deste ano, informou à Agência Brasil o Ministério da Infraestrutura. Nas próximas semanas, devem ocorrer testes semelhantes no Aeroporto de São Paulo-Congonhas (CGH) e no Aeroporto Internacional de Confins, em Minas Gerais. A ideia é concluir o processo até junho.

Checagem

O superintendente de Gestão da Operação da Infraero, Paulo Eduardo Cavalcante, explicou que o Embarque +Seguro no Santos Dumont permitirá o ingresso da unidade aeroportuária em um grupo de aeroportos que utilizam a tecnologia para agilizar processos de embarque e garantir segurança nos controles exigidos pelo transporte aéreo.

“No presente caso, por exemplo, o tempo de checagem, por passageiro, com a nova ferramenta, é de aproximadamente dois segundos. Além disso, uma das grandes vantagens é a dispensa da necessidade de manuseio de papéis e documentos, uma medida alinhada às melhores práticas de combate à covid-19 e que a Infraero já vem adotando em seus aeroportos”, disse.

Para o projeto Embarque +Seguro, o Serpro desenvolveu um aplicativo que permite às empresas aéreas efetuarem o cadastro do nome, CPF e foto do passageiro, na hora do check-in. Esses dados, porém, só poderão ser registrados e usados com o consentimento do viajante, que dará a autorização por meio de mensagem no celular no momento do check-in. Uma vez autorizados, os dados coletados pela empresa aérea são conferidos no banco de dados governamental, garantindo precisão e segurança ao processo. Esse banco será ampliado com objetivo de aumentar o universo de dados que podem ser validados para atender a todos os cidadãos.

De acordo com o presidente do Serpro, Gileno Barreto, a tecnologia desenvolvida pelo órgão está em processo de evolução contínua. “Desta vez, automatizamos o consentimento para tratamento dos dados do cidadão, de forma prática e alinhada à Lei Geral de Proteção de Dados. Temos o compromisso com a proteção dos dados pessoais e, antes, o processo de consentimento era feito em papel com a assinatura do titular dos dados. Agora, basta o passageiro selecionar o botão de aceite na mensagem que ele recebe pelo celular”.

Pandemia

O secretário de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura, Ronei Glanzmann, salientou que além de agilidade e segurança, o projeto Embarque +Seguro vai reduzir o tempo de espera em filas. Disse, ainda, que em tempos de pandemia, a tecnologia traz outros benefícios, ao diminuir o contato pessoal e o manuseio de papéis e documentos.

“A solução tecnológica do governo federal vai trazer mais segurança para as viagens aéreas e reduzir o tempo de espera no embarque, além de eliminar, sob o aspecto sanitário, a exposição ao contato humano e ao manuseio de documentos”.

Os testes iniciados no Santos Dumont tiveram a participação de passageiros da companhia aérea Azul, convidados para experimentarem a tecnologia. Os testes prosseguirão no Rio de Janeiro, mas ficarão restritos a passageiros voluntários da Azul, que desenvolveu estações de identificação facial em parceria com as empresas TI Digicon e Idemia.

Ao fazer o check-in no balcão da companhia aérea, o passageiro recebe, no celular, uma mensagem de texto pedindo autorização para a coleta de uma foto. Após o consentimento, a imagem é conferida com a que já existe nas bases de dados governamentais. Uma vez ocorrendo a validação, o passageiro fica liberado para ingressar na sala de embarque e na aeronave por meio dos pontos de controle biométrico, que farão a identificação com o uso de câmeras, dispensando a apresentação de documento com foto e de cartão de embarque.

A tecnologia está em testes também nos Aeroportos de Florianópolis e Salvador desde o ano passado, mas não é 100% digital, como no Santos Dumont, e exige bilhete aéreo.

Agência Brasil

 

Por meio do Governo do RN, a região da Grande Natal agora possui 180 pontos de videomonitoramento para ampliar a atuação das forças da Segurança Pública do Estado. O serviço de instalação dos equipamentos, que em dezembro de 2018 foi repassado à atual gestão do Governo do RN com apenas 18% de execução, está sendo finalizado com o investimento de R$ 6,9 milhões viabilizados pelo projeto Governo Cidadão, Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED) e pelo Banco Mundial.

O reforço tecnológico conta com 140 câmeras e 40 câmeras em portais que integram o sistema de videomonitoramento do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) – órgão de controle de emergências da SESED. Os equipamentos serão bens próprios entregues à Segurança Pública do Estado, o que eliminará a contratação de serviços de videomonitoramento em anos anteriores prestados pontualmente por empresas privadas, o que promoveu a economia dos recursos públicos.
Segundo a Coordenadoria da Tecnologia da Informação da Sesed, em 2018, quando este sistema de videomonitoramento começou a ser instalado, o CIOSP utilizava na região metropolitana da capital apenas 14 câmeras oriundas do “legado da Copa”, mais outras 30 contratadas por uma empresa particular e cerca de dez de propriedade do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-/RN) e da Prefeitura Municipal de Natal, adicionadas ao CIOSP por meio de convênios, e que ainda funcionaram em anos diferentes.

Sobre o videomonitoramento

Os 180 pontos funcionarão de forma integrada, 24 horas por dia, cobrindo sete municípios da região metropolitana da capital: Natal, São José de Mipibu, Parnamirim, Ceará-Mirim, Extremoz, São Gonçalo e Macaíba. Das 180 câmeras, 140 são do modelo PTZ que se movimentam em várias direções ao seu redor, oferecem qualidade de imagem de até 4K, têm alta sensibilidade e zoom potente.

As demais 40 são do tipo LPR – fazem reconhecimento de placas de veículos à distância, inclusive no período noturno. Farão parte de portais – pequenos sistemas compostos por câmera e braço metálico, com a função de acionar a Polícia Militar quando identificar uma placa de carro roubado.

O sistema foi dividido operacionalmente em dez Áreas de Policiamento Eletrônico (APE) que cobrem desde o interior até as praias urbanas da capital. Todas as implantações foram finalizadas pela SESED, restando apenas a ligação de energia elétrica dos 20 portais para que o sistema seja ativado, o que já está sendo tratado com a Cosern. Do total, 120 câmeras PTZ já estão configuradas no CIOSP e outras 20 estão passando por esse em processo para que atinjam o seu pleno funcionamento.

Distribuição dos equipamentos:

1. Ceará-Mirim (10 pontos de vigilância): 06 câmeras PTZ e 04 portais

2. Extremoz (08 pontos de vigilância): 04 Câmeras PTZ e 04 Portais

3. São Gonçalo do Amarante (06 pontos de vigilância): 02 Câmeras PTZ e 04 Portais

4. Macaíba (13 pontos de vigilância): 09 Câmeras PTZ e 04 Portais

5. Parnamirim (15 pontos de vigilância): 13 Câmeras PTZ e 02 Portais

6. São José de Mipibu (11 pontos de vigilância): 05 Câmeras PTZ e 06 Portais

7. Natal (101 pontos de vigilância):

a) Zona Sul (32 pontos de vigilância) – 24 Câmeras PTZ e 08 Portais

b) Zona Leste (35 pontos de vigilância) – 32 Câmeras PTZ e 03 Portais

c) Zona Oeste (22 pontos de vigilância) – 20 Câmeras PTZ e 02 Portais

d) Zona Norte (28 pontos de vigilância) – 25 Câmeras PTZ e 03 Portais

“Com o apoio da análise criminal do CIOSP, escolhemos todos os pontos de instalação para tirar o proveito máximo desses equipamentos. Com eles, teremos um salto considerável de melhorias na Segurança Pública, especialmente com o uso dos portais, que não existiam antes”, explica o Coordenador de TI da Sesed, Cel. Emiliano Loiola.

GRANDE PONTO

Continuando os esforços para conter o avanço do coronavírus no município de Macaíba, a Prefeitura publicou na noite desta quinta-feira (11/03) o Decreto nº 2.001/2021, renovando o decreto anteriormente publicado constando o toque de recolher e tornando-o mais rígido, seguindo as mesmas diretrizes do Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

A partir da data de hoje até o próximo dia 17/03, de segunda a sábado está decretado o toque de recolher no horário das 20h até às 6h, e em horário integral no domingo, com exceção dos serviços considerados essenciais (conferir mais detalhes no Decreto). Neles, foram incluídos os templos religiosos, independentemente da crença, que poderão funcionar com até 30% de sua capacidade, observando as regras sanitárias.

Permanece suspenso o funcionamento total de parques públicos, centros de artesanato, circos, parques de diversões, museus, bibliotecas e demais equipamentos culturais, eventos e shows em geral, inclusive em locais privados, atividades recreativas em clubes sociais e esportivos. O uso também permanece devidamente recomendado em espaços públicos e privados, conforme já preconizado em decretos anteriores.

O Boletim da Secretaria de Saúde Pública do Estado – SESAP/RN divulgado hoje aponta que Macaíba tem 100 mortes confirmadas por COVID-19, além de mais 44 sob investigação. Os casos confirmados são 2.438 e os suspeitos são 1.423.

O descumprimento dos protocolos sanitários e das medidas estabelecidas no Decreto em questão poderá acarretar medidas punitivas como multas ou interdição. A equipe de vigilância sanitária irá visitar locais estratégicos com apoio das forças de Segurança Pública. O documento pode ser acessado na íntegra aqui: <<https://www.macaiba.rn.gov.br/_ups/boletins/2021/03/11/7b62127bb9dc4777d085caa9deab42cc.pdf>>

Assecom-PMM

Thumb whatsapp image 2021 03 11 at 161146  1

Foto: Júlio César Silva | ASCOM Real Brasília

Na tarde desta quinta-feira (11) o América enfrentou o Real Brasília-DF, fora de casa, no estádio Serra do Lago, em Luziânia/GO, pela primeira fase da Copa do Brasil e mesmo podendo jogar pelo empate, venceu por 2 a 0 com gols de Caxito e Luan, ambos no segundo tempo. O resultado classificou o Alvirrubro para a segunda fase da competição cujo adversário sairá do confronto entre São Raimundo-RR e Cruzeiro-MG.

O Mecão voltará a campo no próximo domingo (14), às 16h, para enfrentar o Globo, no estádio Barrettão, em jogo válido pela quarta rodada da Copa Cidade do Natal que equivale ao primeiro turno do Campeonato Potiguar. Para o compromisso, o técnico Evaristo Piza não deverá contar com o lateral Iranilson que deixou o jogo contra o Real Brasília-DF e foi direto para o hospital com suspeita de fratura no braço.