Arquivo diário: sábado, julho 25, 2020

Agência Brasil – Os entregadores de aplicativos promovem hoje (25) a 2ª paralisação nacional da categoria. A primeira foi realizada no dia 1º de julho. Eles reivindicam melhores condições de trabalho, fim de bloqueios indevidos, maior remuneração e apoio para prevenção contra a contaminação durante a pandemia do novo coronavírus.

Os trabalhadores requerem das empresas elevação da taxa mínima e da taxa por quilômetro. Atualmente, eles recebem um valor fixo por corrida e um variável por distância percorrida. Eles argumentam que os dois valores são insuficientes para custear as despesas básicas.

Outro pleito é o fim dos bloqueios indevidos. Entregadores afirmam que são impedidos de continuar prestando o serviço sem explicações. Outra crítica é o fato de que os envolvidos nas paralisações são punidos com esta medida. “Defendemos o fim dos bloqueios. Os caras bloqueia mesmo, aí não quero correr o risco”, relatou um entregador.

O chamado “breque” traz entre suas pautas a adoção de medidas efetivas pelas empresas de proteção no cenário de pandemia. Enquanto algumas empresas forneceram equipamentos e insumos como álcool em gel, outras ainda não tomaram medidas. Eles pedem também um seguro saúde em caso de contaminação ou de acidentes.

Publicações nas redes sociais de grupos de entregadores registravam paralisações marcadas em pelo menos seis unidades da Federação: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Paraná.

Manifestação das empresas

Em nota, o iFood disse que “respeita, de forma incondicional, os direitos democráticos à manifestação e à livre expressão“. “A empresa informa que já atende à maioria das reivindicações feitas pelo movimento dos entregadores — opera com valor mínimo de entrega de 5 reais, independentemente da distância percorrida, distribui equipamentos de proteção individual e para quem não retirou os kits de proteção repassou o valor de R$ 30,00 para compra de materiais, e oferece seguros de vida e contra acidentes. O iFood reconhece que há muito a ser feito e continua, como sempre esteve, aberto ao diálogo.”

A Associação Brasileira de Mobilidade e Tecnologia (Amobitec), que reúne, entre outros, o Uber Eats, disse, por meio de nota, que  o contexto da pandemia da covid19 teve efeitos severos sobre a economia, afetando a renda de milhões de brasileiros. “Mesmo diante de um cenário crítico, as empresas associadas à Associação Brasileira de Mobilidade e Tecnologia (“Amobitec”) que atuam no setor de delivery implementaram, desde o início da pandemia, diversas ações de apoio aos entregadores parceiro, tais como a distribuição gratuita ou reembolso pela compra de materiais de higiene e limpeza, como máscara, álcool em gel e desinfetante, e a criação de fundos para o pagamento de auxílio financeiro para parceiros diagnosticados com covid-19 ou em grupos de risco. Além disso, os entregadores parceiros cadastrados nas plataformas estão cobertos por seguro contra acidentes pessoais durante as entregas”.

No comunicado, a Amobitec disse ainda que “as plataformas de delivery operam sistemas dinâmicos e flexíveis, que buscam equilibrar as necessidades de entregadores, de restaurantes e de usuários. As ações de combate à crise foram desenvolvidas mesmo em um cenário de acirramento da competição entre empresas e aumento expressivo no número de entregadores. Diante de um cenário econômico como o da pandemia da covid-19, a flexibilidade dos aplicativos foi essencial para que centenas de milhares de pessoas, entre entregadores, restaurantes, comerciantes e micro empresas, tivessem uma alternativa para gerar renda e apoiar o sustento de suas famílias”.

É importante esclarecer que as empresas associadas à Amobitec não trabalham com esquema de pontuação para a distribuição de pedidos e deixam claro que respeitam a liberdade de expressão, portanto a participação em atos e manifestações não resulta em punições ou bloqueios de qualquer natureza.

“A Amobitec e suas empresas associadas que atuam no setor de delivery reafirmam a abertura ao diálogo, sempre atentas à realidade dos diversos perfis de entregadores parceiros para aprimorar a experiência de todos nas plataformas”, afirmou.

O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte, entidade de representação sindical dos médicos do Estado tem acompanhado a grave crise de saúde pública que atinge o Brasil e o mundo. Estão sendo feitos esforços científicos para se chegar ao tratamento definitivo e a uma vacina, entretanto estes estudos randomizados não são de resultado imediato e demandam tempo imprevisível, certamente o vírus não vai aguardar estes resultados, ele avança e mata.

Os resultados da pesquisa científica devem ser seguidos por todos, porém na situação em que estamos deve prevalecer o bom senso, a praticidade, a experiência clínica e a observação. Agregado a isto temos presenciado intensa interferência política partidária e ideológica por setores radicais. Apesar disto o trabalho médico tem se dado com muita competência e qualidade. Os medicamentos off label, prescritos pelos médicos (as), reconhecidos há décadas a sua utilidade, tem sido usado em vários protocolos para profilaxia e tratamento precoce. Alertamos a população que a qualquer sintoma que sentir deve procurar o médico (a).

O médico (a) deve seguir rigorosamente o que dispõe o Princípio VIII do Código de Ética Médica: “O médico não pode, em nenhuma circunstância ou sob nenhum pretexto, renunciar a sua liberdade profissional, nem permitir quaisquer restrições ou imposições que possam prejudicar a eficiência e a correção de seu trabalho”.

É direito do médico (a) frente ao paciente que lhe procura, ter total autonomia para prescrever a medicação adequada para o diagnóstico que fará, dando conhecimento ao paciente ou seu representante legal e com o seu consentimento. Entendemos que toda a medicação que o médico (a) prescrever deverá estar à disposição tanto no setor público (SUS), quanto no privado. O Sinmed RN, em concordância com as posições expressadas pela Associação Médica e Conselho Regional de Medicina do RN, incita a todos os envolvidos que deixem os médicos (as) e demais profissionais da saúde trabalharem para salvar vidas, cumprindo suas missões.

Na manhã deste sábado, 25 de julho, Policiais Militares da 1a Cia./11BPM, em patrulhamento no distrito de Mangabeira, Macaíba, após abordarem um suspeito conduzindo uma moto, foi constatado que o motor estaria possivelmente adulterado.

O condutor e a moto foram conduzidos à Central de Flagrantes para adoção dos procedimentos cabíveis.

Homem preso por suspeita de participação na morte do PM da reserva Plínio Sales foi levado para a Delegacia de Macaíba — Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi

Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu um homem suspeito de envolvimento no latrocínio que resultou na morte do tratorista Leonardo Alves Gomes, na última quinta-feira (23), em Macaíba, município da Grande Natal. De acordo com Cidorgeton Pinheiro, delegado de Macaíba, o homem de 20 anos, preso nesta sexta-feira (24), seria o mandante do crime e mais três bandidos estão sendo procurados.

Leonardo Alves Gomes, 42 anos, estava com dois amigos em uma casa no distrito Riacho de Sangue, próximo à zona rural de Macaíba, quando dois criminosos, a pé, anunciaram o assalto. Eles pediram as chaves dos veículos das vítimas. Os amigos correram, mas o tratorista reagiu e entrou em luta corporal com os bandidos. Segundo a Polícia Militar, eles atiraram cinco vezes contra Leonardo, que morreu na hora.

Os criminosos levaram a moto de Leonardo Alves e um carro, tipo Uno, de um dos amigos que estava com ele na casa. A Polícia Civil divulgou imagens da fuga dos criminosos e estes vídeos estão sendo utilizados na investigação. O carro já foi localizado, e a moto continua sendo procurada.

O delegado Cidorgeton Pinheiro conta que a intenção do grupo era roubar um carro para poder praticar novos crimes, mas houve a reação por parte da vítima. O homem seria o mandante do crime e outros dois homens fizeram os disparos. Falou que também havia um quarto envolvido na ação. Um dos procurados é adolescente e tem 15 anos.

Com informações do G1 RN

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), passou a ampliar, a partir desta sexta-feira, 24, a testagem do tipo RT-PCR para pessoas que apresentem sintomas compatíveis com a Covid-19.

A medida é um incentivo do Governo do Estado e do Governo Federal, através do programa Diagnosticar para Cuidar, visando a ter uma resposta mais qualificada para a Covid-19, por meio do diagnóstico precoce da doença. O teste será oferecido a pacientes que apresentem sintomas gripais e que estejam entre o primeiro e sétimo dia do início dos sintomas.

“Deixamos de ter grupos prioritários para testagem, e a partir de agora todo paciente sintomático que procure atendimento e se enquadre nas definições para coleta do exame RT-PCR, conhecido como isolamento viral, poderá realizar o exame”, explica a subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap, Alessandra Luchesi.

A testagem do tipo RT-PCR estava reservada a profissionais da saúde, segurança, idosos e pessoas com comorbidade e a ampliação irá contribuir para o enfrentamento da pandemia do coronavírus no Rio Grande do Norte.

Uma nota técnica, elaborada pela Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica da Sesap (Suvige), foi enviada às secretarias municipais de saúde com as definições operacionais dos casos considerados suspeitos para a Covid-19. O documento está disponível no site da Sesap, na área destinada a informações sobre o coronavírus.

A realização do diagnóstico através de testes-rápidos sorológicos permanece sendo indicada para os casos que passarem do período de oportunidade de coleta para RT-PCR, ou seja, a realização dos testes-rápidos é indicada aos pacientes sintomáticos a partir do 8º dia de início de sintomas, e que esteja há pelo menos três dias assintomático.

No intuito de colaborar com a saúde da população e combater o novo Coronavírus e as demais pragas urbanas, a Prefeitura de Macaíba está realizando um intenso trabalho de dedetização e sanitização das unidades de saúde de sua rede municipal. Nesta sexta-feira (24/07), por exemplo, foi a vez do Centro de Saúde Luís Antônio Fonseca Santos, popularmente conhecido como “Posto da Maré, que teve todos os seus ambientes contemplados.

A dedetização é uma habitual ação preventiva de saúde pública focando-se na prevenção contra diversas pragas urbanas como baratas, escorpiões, moscas, ratos e o mosquito Aedes aegypti,  transmissor de Dengue, Chikungunya e Zika vírus, e mais recentemente contra o vírus SARS-CoV-2, causador da pandemia de COVID-19.

Com esta relevante ação, a Prefeitura elimina vírus e pragas que podem transmitir doenças, garantindo espaços mais limpos, higienizados, favorecendo o bem-estar dos profissionais de saúde e da população em geral que precisa e procura pelos serviços de saúde na rede local.

O designer Heyder Macedo, assessor de marketing do PSC-RN foi o responsável pela nova identidade visual do partido.
O PSC ganhou um deputado estadual, o coronel Azevedo e montou uma excelente chapa de vereadores para o pleito de 15 de novembro. O objetivo em Natal é eleger pelo menos dois vereadores e demarcar a nova era política partidária da legenda no estado do RN.
 
O PSC do estado, sob o comando de Azevedo, se agigantou nos municípios. O planejamento do partido é de eleger mais de uma dezena de prefeitos e cerca de uma centena de vereadores, espalhados por todas as regiões do RN.

Heyder Macedo está na ponte aérea Natal-Campo Grande quase que semanalmente. Haja disposição pra ganhar campanhas

Em tempo 1: Heyder vai coordenar, nessas eleições, o marketing de campanhas majoritárias no Mato Grosso do Sul, Alagoas e aqui no RN.
Em tempo 2: Tive a honra de participar de grandes e inesquecíveis projetos com Heyder. É um grande profissional e tem sede de vitória. 
Em tempo 3: O PSC tem a sorte de tê-lo à frente das ideias e estratégias de marketing nessas eleições. O resultado será dos melhores, certamente.

O senador Styvenson Valentim vai conceder entrevista ao Blog Macaíba no Ar na próxima terça-feira (28). O parlamentar será entrevistado por Mário Victor na live “Bate-papo sobre política”, em nosso perfil no Instagram. O bate-papo será a partir das 20h, contamos com sua audiência.