Arquivo diário: quarta-feira, maio 27, 2020

Filho da terra, grande professor, especialista em educação, geógrafo, compositor, cordelista, membro da Academia Macaibense de Letras. Retirou sua pré-candidatura a prefeito e veio declarar apoio a pré-candidatura de Netinho França para prefeito, por reconhecer em Netinho França um grande potencial para administrar a cidade, principalmente por ser da terra, por valorizar os macaibenses e vivenciar o dia a dia e os anseios da população. Além de ser um grande defensor da cultura e da educação.

Agência PRF

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, na manhã desta quarta-feira (27), no Km 294 da BR 304, em Macaíba/RN, um homem com veículo adulterado e documento roubado.

Durante fiscalização por volta das 10 h, uma equipe de policiais abordaram um veículo punto, cor branca, com três ocupantes.

Ao verificar os números identificadores do veículo, foi constatada a adulteração. O CRVL – Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo – também estava com registro nos sistemas de roubo, furto ou extravio.

Diante dos fatos, o condutor foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Macaíba.

Em vídeo dirigido à comunidade universitária, o reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo, fala sobre o planejamento que a instituição de ensino vem desenvolvendo após a suspensão das aulas, que ocorreu como medida preventiva para reduzir o contágio do novo coronavírus. “Nosso trabalho de planejamento na universidade nunca parou”, diz o gestor.

Ainda sem previsão de retorno das aulas do período 2020.1, devido à pandemia da Covid-19, o reitor convidou a comunidade para discutir a questão junto aos Centros e Unidades Acadêmicas Especializadas, tendo em vista a diversidade dos cursos e as necessidades dos estudantes e dos professores.

O gestor disse ainda que, no atual contexto, a discussão e o planejamento das atividades é comum a todas as universidades federais do país e as instituições de ensino iniciaram também a análise sobre experiências piloto de curto prazo, como a oferta de atividades remotas e de forma não obrigatória, ou seja, ocorrendo de maneira voluntária e facultativa.

Leia a mensagem na íntegra:

Mensagem do Reitor à Comunidade Universitária

Completamos recentemente dois meses de suspensão das aulas devido à pandemia do novo coronavírus.  Deste então, este tem sido um cenário dinâmico e pouco previsível.  Mas, nosso trabalho de planejamento na universidade nunca parou. Ao contrário, estamos trabalhando intensamente mesmo que de forma remota.  Claro, que todos nós gostaríamos que esta fase passasse logo e que os nossos campi voltassem a funcionar com aquela presença intensa de pessoas e tantas atividades sendo realizadas.  Cada vez mais recebo mensagens da nossa comunidade que refletem este sentimento.

Provavelmente, a volta às aulas não será somente uma continuidade da interrupção atual. E a diversidade, que é caraterística da universidade, requer que pensemos em soluções também diversas.  Temos uma tradição de construir soluções de forma transparente e participativa. Neste sentido, os diretores de Centros e de Unidades Acadêmicas Especializadas estão realizando discussões nas suas respectivas unidades sobre o futuro das nossas atividades, como uma maneira de ampliar a participação de todos os segmentos que compõem a universidade para que possamos encontrar juntos as nossas soluções.

Esse desafio é comum a todas as universidades federais do país. E nós, reitores, também estamos discutindo soluções  para buscarmos um apoio em nível nacional, tendo em vista que há muitos fatores a serem considerados e avaliados, como a busca por meios para assegurar aos nossos estudantes o acesso a qualquer solução que venha a ser adotada, considerando as necessidades de cada um.

Além deste planejamento, que levará mais tempo de discussão e de construção, muitas universidades iniciaram também experiências de curto prazo, com a oferta de atividades remotas, de forma facultativa, tanto para docentes como para estudantes. Solicitei, portanto, aos pró-reitores de Graduação e de Pós-Graduação que apresentassem iniciativas de mais curto prazo para discussão também na nossa universidade.  Já solicitei à Secretaria de Educação Básica, Técnica e Tecnológica que fizesse o mesmo.  Assim, poderemos avaliar a possibilidade de uma experiência piloto na universidade, enquanto fazemos o nosso planejamento de mais longo prazo.  Pedi aos diretores de centros e de unidades acadêmicas especializadas que levassem igualmente esta discussão para as suas unidades.

Diante dessa realidade, quero convidar a comunidade da UFRN a participar das discussões e do planejamento das nossas atividades. Quero ainda registrar mais uma vez o nosso agradecimento a todas as pessoas – docentes, técnicos e estudantes – que têm desenvolvido atividades de maneira incansável, contribuindo para que a sociedade possa superar este momento.  Este esforço conjunto reforça a missão social da nossa universidade.

Ajuíza Suzana Paula de Araújo Dantas Corrêa, da 29º Zona Eleitoral, determinou nesta quarta-feira (27) que seja suspensa na distribuição de máscaras de proteção, confeccionadas nas cores vermelha e azul, por parte do prefeito de Assu, Gustavo Soares. As cores utilizadas nas peças são as mesmas da legenda partidária na qual é o prefeito filiado, o Partido Liberal (PL). A magistrada avaliou a prática como propaganda eleitoral antecipada.

A decisão liminar, que acatou pedido do Ministério Público Eleitoral do Rio Grande do Norte, determina a suspensão imediata na distribuição das máscaras. Caso a Prefeitura de Assu siga com a ação, será aplicada uma multa diária de R$ 1 mil.

Ainda de acordo com a juíza, a distribuição das peças só poderá acontecer caso “se ficar demonstrado perante este juízo que já foram adotadas as providências para a remoção do fato que tornaram sua distribuição ilegal e após expressa autorização judicial, que será antecedida, se for o caso, da necessária fiscalização”. Ou seja, a magistrada quer a retirada das cores das máscaras que ainda estejam em estoque no Município de Assu.

A ação do MP Eleitoral avaliou que a entrega das máscaras nas cores do partido político do prefeito caracteriza promoção pessoal com a finalidade de obtenção de apoio e votos, através de práticas que caracterizem propaganda eleitoral antecipada.

A promotoria responsável pelo caso diz que, em 24 de maio de 2020, tomou conhecimento que o prefeito de Assu passou a distribuir gratuitamente na cidade máscaras de prevenção ao contágio do novo coronavírus na cor vermelha, que é a cor do partido político ao qual é filiado.

Os promotores dizem que, em 08 de maio de 2020, chegou a ser publicado vídeo nas redes sociais da Prefeitura de Assu anunciando a aquisição de 10 mil máscaras, sendo que 5 mil delas na cor vermelha. No entanto, o vídeo foi apagado no dia 26 de maio de 2020, quando a ação civil pública foi protocolada na Justiça.

Ainda segundo o Ministério Público Eleitoral, ao distribuir máscaras da cor de seu partido e por ele utilizada em sua última campanha eleitoral, vinculou sua imagem a tal distribuição, a qual deveria ter caráter apolítico, transformando tal fato em ato de promoção pessoal. Alegou, por fim, que o intuito do demandado não foi apenas o de promover a prevenção de contágio de novo coronavírus, mas também o de se promover e se beneficiar eleitoralmente.

“Assim, é de se concluir que restaram evidenciados os requisitos necessários ao deferimento da medida de urgência, posto que ficou demonstrada a probabilidade do direito apontado pelo requerente, bem assim o perigo da demora no deferimento da medida postulada, já que a proibição de propaganda antecipada e irregular busca, em última análise, a garantir a isonomia no pleito eleitoral, evitando o abuso do poder econômico”, disse a juíza Suzana Paula de Araújo Dantas Corrêa.

É com pesar e grande consternação que a Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte comunica o falecimento do Cabo PM Élcio Dias de Carvalho em virtude de ter sido acometido pelo novo Coronavírus.

O Cabo PM Élcio ingressou na Polícia Militar do Rio Grande do Norte no ano de 2009, tendo sido promovido à Cabo PM em 25 de dezembro de 2019.

Lotado no 3° Batalhão de Polícia Militar, o Cabo Élcio faleceu em decorrência de complicações causadas pelo novo Coronavírus.

Élcio estava internado no Hospital Giselda Trigueiro há aproximadamente 15 dias por apresentar sintomas do novo Coronavírus. No entanto, nesta quarta-feira (27), o policial não resistiu e faleceu naquele nosocômio.

Assim, a Polícia Militar do RN lamenta a morte deste Guerreiro, que serviu por muitos anos no policiamento da região Oeste do Estado, externando aos amigos e familiares os mais sinceros sentimentos de pesar.

A conselheira Maria Adélia Sales determinou, de forma cautelar, em decisão monocrática publicada nesta quarta-feira (27), a suspensão imediata do Contrato 28/2019, celebrado entre a Secretaria Estadual de Educação (SEEC) e o Centro Brasileiro de Educação e Cidadania (CEBEC). O objetivo do contrato é a implantação do Programa Brasileiro de Educação Cidadã, que consiste na capacitação de professores e aquisição de cartilhas sobre o tema da cidadania.

A decisão da conselheira segue proposição da equipe técnica da Diretoria de Administração Direta, que após receber uma denúncia anônima, por intermédio da Ouvidoria, no dia 20 de março de 2020, analisou o processo de inexigibilidade de licitação relativo à contratação da empresa, encontrando vários indícios de irregularidades. O contrato entre a Secretaria de Educação e o Cebec contemplou a aquisição de 129 mil unidades da cartilha “Cidadania A-Z”, a serem distribuídas nos anos de 2019 e 2020 na rede pública de ensino, pelo valor unitário de R$ 30,00, totalizando R$ 3,8 milhões, dos quais restavam R$ 2 milhões a serem pagos em 2020.

 

A Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap atualizou os números do coronavírus no Rio Grande do Norte, no fim da manhã desta quarta-feira(27). Na ocasião, falou o secretário de saúde do Rio Grande do Norte, Cipriano Maia.

O número de casos confirmados chega a 5.630, enquanto eram 5.472 no boletim dessa terça-feira(26). 158 casos a mais.

O total de vítimas do covid-19 no RN chega a 242–  (22) óbitos a mais que a atualização do boletim dessa terça-feira. Vítimas foram confirmadas ao decorrer dos dias – no período do dia 20 até este momento.

Os casos suspeitos chegam a 14.035. Descartados somam 11.207. Recuperados são 1410(de acordo com números dessa terça-feira – em atualização).

A Prefeitura de Macaíba, por meio do programa Acessuas Trabalho, divulga uma nova oportunidade de emprego, desta vez, uma vaga para estoquista em uma empresa de Macaíba. A oportunidade é destinada ao público masculino e, para concorrer, é preciso ter ensino médio completo, experiência comprovada em carteira de trabalho e experiência com planilhas.

Os interessados devem enviar os currículos até o dia 1º de junho para o endereço eletrônico acessuassemtasmacaiba@gmail.com. Mais informações podem ser obtidas pelo número de telefone 3271-6504, de segunda a sexta, das 7h às 13h.

Duas investigações que estavam sendo realizadas pelos policiais civis da Delegacia de Homicídios (DHM) e pela Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) de Mossoró resultaram na apreensão, nesta quarta-feira (27) de um adolescente de 16 anos, suspeito de ter assassinado mãe e filha no município. O suspeito foi detido quando estava em uma residência na comunidade do Ouro Negro. Um outro adolescente que estava na casa, também foi apreendido.

Na manhã desta quarta-feira, uma equipe de policiais civis da DENARC cumpriu dois mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juizado da Infância e Juventude de Mossoró, dando continuidade às ações da Operação Resistência. Durante o cumprimento, foram apreendidos em flagrante dois adolescentes, um de 16 e outro de 15 anos. Os adolescentes, que estavam com maconha e munições de arma de fogo, foram autuados em flagrante pela prática de atos infracionais análogos à posse de drogas para consumo pessoal e posse de arma de fogo.

Durante depoimento, o adolescente de 16 anos confessou o crime cometido no dia 17 de maio, que vitimou a mãe Maria Clécia Ferreira da Silva, 49 anos e Jackeline Ferreira da Silva, de 21 anos. As duas estavam em casa, quando a residência foi invadida. Jackeline foi morta dentro de local e a mãe que tentou correr pelas calçadas da rua, foi alcançada pelo atirador e não resistiu.

Os dois adolescentes apreendidos foram encaminhados para o Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Mossoró. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

PC/Assecom

PM/ASSECOM/Repórter: CB GLAUCIA

Na noite dessa terça-feira (26), policiais militares do 5° Batalhão de Polícia Militar realizaram a prisão de um homem e a apreensão de dois adolescentes após a prática de um roubo a pessoa em Natal.

A ocorrência foi registrada no bairro de Nova Descoberta, zona Sul de Natal, após os policiais militares surpreenderem os infratores ainda em fuga com os pertences subtraídos das vítimas.

De acordo com informações, os policiais realizavam o patrulhamento ostensivo quando visualizaram uma correria na av. Rui Barbosa, em Nova Descoberta. Ao perceberem a aproximação dos policiais, os dois adolescentes de 16 e 17 anos e o homem de 18 anos tentaram se desfazer dos objetos produtos de roubo abandonando-os na via.

No entanto, com a ação rápida dos policiais, os infratores foram capturados e recuperados todos os objetos subtraídos das vítimas. Com os suspeitos do crime contra o patrimônio, foi apreendido um simulacro de arma de fogo utilizado para reduzir a resistência das vítimas.

Com a situação flagrancial e presentes os indícios de autoria e materialidade do ato infracional e do crime de roubo, os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil para a realização dos procedimentos legais. O homem de 18 anos, além do crime de roubo, ainda poderá responder por crime de corrupção de menores previsto no art. 244-B do Estatuto da Criança e do Adolescente.

Agência Brasil – Termina às 23h59 desta quarta-feira (27)  o prazo para as inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) alerta os interessados que não deixem para a última hora e lembra que quem solicitou a isenção da taxa de inscrição precisa se inscrever, assim como os demais participantes.

Os dados declarados pelos candidatos devem ser conferidos e apenas alguns deles podem ser modificados na página do participante, durante o acompanhamento da inscrição. No caso da escolha do município para fazer a prova, por exemplo, o Inep pede cuidado reforçado, porque, após o encerramento do prazo, não será possível trocar. Além disso, é necessário memorizar a senha ou anotá-la e guardá-la em local seguro, porque é com ela que o participante irá acompanhar todas as etapas de execução do exame.

Feita a inscrição, o pagamento do boleto, no valor de R$ 85, só pode ser feito até amanhã. De acordo com o último balanço divulgado pelo Inep, mais de 5 milhões de estudantes se inscreveram no Enem 2020.

Data das provas

Por causa da pandemia do novo coronavírus, no fim de junho será feita uma enquete com os estudantes inscritos, na Página do Participante. As datas do exame serão definidas após a consulta.