Arquivo diário: segunda-feira, novembro 11, 2019

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

Agência Brasil – presidente Jair Bolsonaro assinou hoje (11) medida provisória (MP) extinguindo, a partir de 1º de janeiro de 2020, o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por veículos automotores de via terrestre, o chamado Dpvat. De acordo com o governo, a medida tem por objetivo evitar fraudes e amenizar os custos de supervisão e de regulação do seguro por parte do setor público, atendendo a uma recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU).

Pela proposta, os acidentes ocorridos até 31 de dezembro de 2019 continuam cobertos pelo DPVAT. A atual gestora do seguro, a Seguradora Líder, permanecerá até 31 de dezembro de 2025 como responsável pelos procedimentos de cobertura dos sinistros ocorridos até a da de 31 de dezembro deste ano.

“O valor total contabilizado no Consórcio do Dpvat é de cerca de R$ 8,9 bilhões, sendo que o valor estimado para cobrir as obrigações efetivas do Dpvat até 31/12/2025, quanto aos acidentes ocorridos até 31/12/2019, é de aproximadamente R$ 4.2 bilhões”, informou o Ministério da Economia.

De acordo coma pasta, o valor restante, cerca de R$ 4.7 bilhões, será destinado, em um primeiro momento, à Conta Única do Tesouro Nacional, em três parcelas anuais de R$ 1.2 bilhões, em 2020, 2021 e 2022.

“A medida provisória não desampara os cidadãos no caso de acidentes, já que, quanto às despesas médicas, há atendimento gratuito e universal na rede pública, por meio do SUS [Sistema Único de Saúde]. Para os segurados do INSS [Instituto Nacional do Seguro Social], também há a cobertura do auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, auxílio-acidente e de pensão por morte”, acrescentou o ministério.

A MP extingue também  o Seguro de Danos Pessoais Causados por Embarcações, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não (DPEM). Segundo o ministério, esse seguro está sem seguradora que o oferte e inoperante desde 2016.

Major Olímpio foi à PGR e protocolou uma representação solicitando a prisão preventiva de Lula.

O senador do PSL de São Paulo acusa o petista de incitação à violência durante seu discurso à militância no último sábado, em São Bernardo do Campo.

No Twitter, Olímpio publicou a seguinte mensagem:

“É inaceitável que o condenado Lula incite a violência e a desordem. Por isso, protocolei representação para que o Ministério Público requeira sua prisão preventiva, para garantia da ordem e para que seja averiguado esse crime contra a segurança nacional.”

Na ocasião, Lula disse: “A gente tem que seguir o exemplo do povo do Chile, do povo da Bolívia. A gente tem que resistir. Não é resistir. Na verdade, é lutar, é atacar e não apenas se defender.”

Veja a íntegra do documento clicando AQUI.

O Antagonista

O Sistema Nacional de Emprego (SINE-RN), vinculado à Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), oferece 18 oportunidades de emprego para as regiões de Natal, Mossoró e Currais Novos. Os interessados devem procurar as sedes do SINE em suas cidades ou acessa o site MTE Mais Emprego.

 

As oportunidades para Natal e Grande Natal são para Auxiliar Mecânico de Refrigeração, com 8 vagas; Eletrotécnico, com 1 vaga; Mecânico de Refrigeração, com 6 vagas; e Pasteleiro, com 1 vaga. Em Mossoró e Região,a oportunidade é destinada para a função de Técnico em Segurança do trabalho, com 1 vaga. Já em Currais Novos e Região, é destinada 1 vaga para Agente de Microcrédito.

Policiais militares da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (ROCAM) retiram mais duas armas de fogo ilegais de circulação nas zonas Norte e Oeste de Natal, neste último sábado (09).

Por volta das 11h30, durante patrulhamento nas proximidades da rua Peixe Boi, bairro Felipe camarão, os policiais abordaram três indivíduos em um veículo tipo Ford ka, cor preta, sem queixa de furto ou roubo. No momento da abordagem um deles, de 26 anos de idade, estava de posse de um revólver calibre 38 municiado com 5 munições intactas. Os outros dois que o acompanhavam no veículo, um de 20 e o outro de 19 anos, também já tinham passagens pela polícia. Diante do Flagrante foram conduzidos à Delegacia para procedimentos.

Já às 18h, em patrulhamento na Av. Dr João Medeiros Filho, próximo ao viaduto do Igapó, os militares se depararam com um homem em atitude suspeita, que ao avistar a viatura se evadiu do local deixando cair uma arma de fabricação caseira calibre 12. Diante do fato, o material foi conduzido à Delegacia de Plantão para as providências cabíveis.

A imagem pode conter: 1 pessoa

Dando sequência a sabatina com os pré-candidatos a prefeito de Macaíba, a edição desta segunda-feira (11) do programa Três Toques entrevista o vice-prefeito Auri Simplício. A entrevista terá início às 20h, na página do programa no Facebook https://www.facebook.com/programatrestoques/.

Reitor da UFRN, José Daniel Diniz de Melo (Foto: José Aldenir / Agora RN)

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) espera iniciar as atividades do Parque Científico e Tecnológico Augusto Severo, em Macaíba, até o primeiro semestre de 2021. O empreendimento aguarda a assinatura de empréstimo de R$ 8 milhões com o Banco Mundial para concluir as obras.

Segundo o reitor da UFRN, José Daniel Diniz de Melo, o parque será montado na estrutura do que seria a sede do antigo Campus do Cérebro, na zona rural de Macaíba, que teve as ações paralisadas por questões burocráticas envolvendo a instituição de ensino federal e o Instituto Santos Dumont (ISD).

Resultado de imagem para pax ufrn

Foto: Portal da UFRN

“O objetivo do Parque Tecnológico é o de trabalhar com inovação. É um espaço para desenvolvimento de projetos de ciência e tecnologia. Vai permitir que os estudantes da UFRN e de outras instituições de ensino possam gerar iniciativas tecnológicas, bem como possam empreender após deixarem a sala de aula”, justifica o reitor.

A UFRN está discutindo com o Banco Mundial a consecução de empréstimo de R$ 8 milhões. O recurso será utilizado para reformar o espaço físico do antigo Campus do Cérebro, que teve as obras paralisadas em 2014, além de permitir a aquisição de equipamentos e materiais.

Ler mais…

 

Agência Brasil – O presidente Jair Bolsonaro se pronunciou na noite deste domingo (10) a respeito da renúncia do então presidente boliviano Evo Morales. No fim da tarde de hoje Morales anunciou que deixaria o cargo e pediu a convocação de novas eleições.

Segundo a publicação de Bolsonaro nas redes sociais, a lição que fica para os brasileiros é a necessidade de votos que possam ser auditados. Para o presidente, o voto impresso “é sinal de clareza para o Brasil!”

 

O Núcleo Avançado de Inovação Tecnológica (Navi) do IFRN, divulgou, na última quinta-feira (7) o Edital nº 003/2019 para a contratação de dois bolsistas de iniciação científica para atuarem em atividades de apoio a projetos de pesquisa relacionados à área de biologia/biomedicina.

É desejável que o candidato apresente boa comunicação, atitude proativa, comprometimento com as demandas, disposição para aprender e desenvolver novas habilidades. Também é requisito a disponibilidade para cumprimento de 20 horas semanais, conforme plano de trabalho do projeto a ser definido no início das atividades.

O valor da bolsa é de R$ 600,00 (seiscentos) reais mensais, a serem pagos no mês subsequente ao desenvolvimento da atividade, já inclusos os vales-transportes.

As inscrições estarão abertas durante o período de 09 de novembro a 15 de novembro de 2019, conforme cronograma (Anexo II) e deverão ser efetuadas pelo profissional, através do sítio eletrônico do NAVI, http://selecoes.navi.ifrn.edu.br/, devendo o candidato submeter os documentos abaixo listados:

As inscrições estarão abertas durante o período de 08 a 13 de novembro de 2019, conforme cronograma do Edital e deverão ser efetuadas pelo candidato, através do sítio eletrônico do NAVI, http://selecoes.navi.ifrn.edu.br/, devendo o candidato submeter os documentos abaixo listados:

  • Declaração de que está devidamente matriculado em algum curso do IFRN;
  • Currículo Lattes atualizado;
  • Documentação comprobatória de produção técnico e/ou científica conforme apresentado no Currículo Lattes.

Documentos Publicados:

Foto: Adèle Oliveira

A Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ-UFRN) realizou cerimônia em comemoração aos 20 anos do Curso Técnico em Informática e o evento contou com a presença da coordenação do curso, professores, alunos e antigos estudantes do curso. A mesa foi composta por Ivan Max de Lacerda (diretor da EAJ-UFRN), Júlio César de Andrade Neto (ex-diretor da instituição), Severino Paulo Gomes Neto (coordenador do curso de Informática), e os docentes Josenalde Barbosa de Oliveira e Carlos Henrique Grilo.

A cerimônia foi iniciada com o convite para que os representantes tomassem à mesa e com o agradecimento aos professores, alunos e demais presentes. O antigo diretor da EAJ iniciou a fala relembrando o surgimento do curso técnico em Informática. Júlio César falou sobre a criação de escolas técnicas e sobre como funcionava a escola, onde tinha ensino fundamental e contava apenas com o curso de Agropecuária. Em seguida, ele falou do apoio do antigo reitor Ivonildo Rêgo, para a criação do curso de Informática na Escola Agrícola.

Josenalde Barbosa de Oliveira começou a fala atribuindo o desenvolvimento profissional aos aprendizados que adquiriu na EAJ-UFRN. O professor falou sobre quando foi nomeado coordenador do curso pelo professor Júlio César, então diretor da escola, e agradeceu pela experiência, a qual classificou como desafiadora. “Não foi fácil ser de um curso técnico de informática dentro da Escola Agrícola de Jundiaí. Parecia que a gente estava ‘fora da caixa’ e foi mostrado com trabalhos o que era aquele curso”, relatou. “Se eu pudesse resumir o que nós conquistamos em 20 anos, eu resumo em uma palavra: ‘identidade’. Hoje nós temos uma identidade e conhecemos o nosso potencial”, complementa. Em seguida, finalizou elogiando o corpo docente o curso e a troca de conhecimento entre professores e alunos. O professor Carlos Henrique Grilo falou sobre o processo do concurso para ingressar na EAJ-UFRN e sobre o início do curso, parte administrativa, estruturação e parte técnica. O professor também relembrou o início das turmas.

Atual coordenador do curso, Severino Paulo Gomes Neto relembrou a trajetória em sala de aula como professor e falou do trabalho realizado ao longo dos anos, elaborando diversos projetos e formando vários discentes. O coordenador falou também do empenho da Comunidade Acadêmica, em referência ao trabalho feito para os resultados que o curso obtém atualmente, e agradeceu o apoio dos estudantes do curso durante sua trajetória.

O atual diretor da EAJ e antigo coordenador do curso, Ivan Max de Lacerda contou sobre a trajetória no curso, agradeceu aos estudantes pela presença e cumprimentou os demais profissionais que fazem parte do Curso Técnico de Informática e citou o nome de vários discentes que hoje fazem graduação em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, seguindo na Escola Agrícola de Jundiaí. O diretor também relembrou o início do curso na EAJ-UFRN e falou sobre a ideia de fazer os projetos, pesquisas e os trabalhos de conclusão de curso voltados para as Ciências Agrárias. Além disso, falou SOBRE o desenvolvimento dessas atividades. “Temos professores de Tecnologia da Informação trabalhando com suas pesquisas, desenvolvendo software, desenvolvendo soluções para as Ciências Agrárias. É um grande diferencial estratégico da nossa Unidade Acadêmica”, comentou.

Após os discursos, os componentes da mesa, os professores e profissionais do curso receberam uma placa em homenagem pelo trabalho feito. Aconteceu também uma retrospectiva, onde foi exibido um vídeo com a trajetória do curso na Escola Agrícola. Em seguida, houve um momento aberto ao relato de colaboradores, estudantes e egressos, onde relataram a vida após o curso.

O evento foi finalizado com a visitação do novo prédio do curso e com um momento de confraternização entre as turmas e professores. Antigos estudantes do curso também se fizeram presentes na celebração.