Arquivo diário: quarta-feira, agosto 21, 2019

Resultado de imagem para 11 batalhão de policia macaiba

Macaíba pode perder o 11º Batalhão de Polícia Militar para a cidade de São Gonçalo do Amarante. Diante de um baixo efetivo em Macaíba mesmo com a sede do 11º Batalhão na cidade, a situação pode ficar ainda pior caso a transferência para São Gonçalo aconteça.

Neste momento é preciso que a classe política de Macaíba demonstre ao governo Fátima que não aceita nenhuma mudança da sede do 11º Batalhão para outra cidade.

Desmatamento e queimada registrados em setembro de 2010 na região de Lábrea, no Sul do estado do Amazonas. Sistema de medição do Inpe detectou devastação de 7 mil km² em 2010 (Foto: Divulgação/Greenpeace/Marizilda Cruppe/EVE )

(Foto: Divulgação/Greenpeace/Marizilda Cruppe/EVE )

A ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva se manifestou através de um artigo sobre as queimadas na Amazônia nas últimas semanas. Confira:

Civilização em Alerta

Quando a noite caiu sobre a cidade de São Paulo, às 3 da tarde, sendo uma de suas possíveis causas o encontro da frente fria com a fumaça das queimadas, muita gente se assustou com o que parecia um anúncio do fim dos tempos. Era algo parecido, se recuperarmos o sentido original da palavra holocausto: tudo queimado, no sacrifício dos tempos antigos entre os hebreus. Com duas diferenças: uma, que a holah do sacrifício judaico tinha o sentido de reparação, visava uma expiação geral dos pecados; outra, que depois do nazismo sacrificar milhões de judeus, a palavra ganhou um significado mais sinistro, e passou a ser tomada como qualquer grande e sistemática destruição -sem importar a causa- até o extermínio. Eis o que acontece hoje: o holocausto da Amazônia.

Desde muito jovem me dediquei a pensar o significado da floresta, para além da economia e das dimensões materiais. Em 15 de julho de 2008, retornando ao Senado logo após deixar o Ministério do Meio Ambiente, publiquei um artigo intitulado “Atrás de uma borboleta azul” em que lembrei minha identificação irredutível com as milhões de pessoas que nascem e vivem na floresta. Dizia: “florestas não são apenas estatísticas. Nem apenas objeto de negociações, de disputa política, de teses, de ambições, de pranto. Antes de mais nada, são florestas, um sistema de vida complexo e criativo. Têm cultura, espiritualidade, economia, infraestrutura, povos, leis, ciência e tecnologia. É uma identidade tão forte que permanece como uma espécie de radar impregnado nas percepções, no olhar, nos sentimentos, por mais longe que se vá, por mais que se aprenda, conheça e admire as coisas do resto do mundo.” Passou-se mais uma década, mas mantenho o sentimento.

Agora vejo novamente o fogo matando a beleza da Amazônia e destruindo a perfeição de sua natureza. Lamento a perda de cada cheiro, cada cor, cada raiz, cada animal, cada planta, cada textura que nunca mais voltará. E embora não espere sensibilidade de quem não conhece a riqueza que se perde, sinto que é necessário alertar a todos e protestar contra um governo que passa a senha da destruição, que torna a devastação fora de controle e causa enormes prejuízos para todos.

Estamos vivendo um momento de barbárie ambiental no Brasil, promovida pelo governo Bolsonaro. Por mais que se alerte, por mais que se mostre evidências, por mais que se clame para evitar o caos ambiental, econômico, político, social, o governo não mostra preocupação, apenas sua cumplicidade com a destruição.

É necessário, no entanto, enfrentar a emergência ambiental no Brasil, com a coragem e o sentido de urgência que a situação nos impõe, para evitar que cheguemos ao lugar sem volta, em que nem por hipótese devemos chegar, o da inviabilização sistêmica da floresta amazônica pelas ações predatórias que desequilibram as condições de sua existência. É necessária a mobilização de todos que não querem ter, em suas genealogias, o DNA da barbárie: academia, movimento socioambiental, empresariado, governos estaduais e municipais, juventudes, líderes políticos. De forma plural e suprapartidária, sem qualquer politicagem, é preciso dizer e dar um basta. Ao garimpo predatório e criminoso, à grilagem de terras públicas, ao roubo de madeira, às derrubadas e queimadas, à violência contra os índios e populações locais, aos prejuízos econômicos, políticos e sociais que já estamos sofrendo, dentro e fora do Brasil.

A Amazônia está sendo queimada por uma mistura de ignorância com interesses truculentos. O governo está inaugurando um tempo de delinquência livre, em que se pode agredir a natureza e as comunidades sem receio de punição. Não negligenciemos o prenuncio, como no passado, pois o que ameaça refazer-se é -tanto pelo resultado, “tudo queimado”, quanto pelo caráter sistemático da destruição, a tragédia das tragédias: o Holocausto.

O povo brasileiro, sua parcela sensível e consciente, deve responder em nome dos povos antigos e das gerações futuras, da Amazônia e de toda a Natureza. Atendendo aos legítimos interesses da sociedade, da economia e da civilização humana, declare-se o Brasil em estado de emergência ambiental.

Fonte: Site Marina Silva

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba, com apoio de policiais militares, prenderam em flagrante, na manhã desta quarta-feira (21), João Victor Ribeiro de Lima, 19 anos, e Heloísa Ingrid de Araújo Silva, 19 anos. A prisão ocorreu no bairro Vila São José, no município de Macaíba.

Com os suspeitos, os policiais apreenderam uma espingarda calibre 12, seis munições calibre 12, uma motocicleta com registro de roubo e com a placa adulterada. Eles foram autuados pelos crimes de receptação, posse ilegal de arma de fogo e adulteração de sinais identificadores de veículos. Durante as diligências, dois adolescentes foram apreendidos.

Segundo as investigações, eles são suspeitos de integrarem uma quadrilha responsável pela realização de uma série de roubos na zona rural da cidade e costumam agir com violência nas ações criminosas. Durante as diligências, um dos homens integrantes do grupo teria efetuado disparos de arma de fogo contra os policiais e conseguiu fugir do local.

João Victor Ribeiro e Heloísa Ingrid de Araújo foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia da Polícia Civil 181 ou do Disque Denúncia/Whatsapp da Delegacia Municipal de Macaíba, por meio do número: (84) 98114-4042.

PC/Assecom

O novo longa-metragem dos diretores pernambucanos Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, Bacurau, terá pré-estreia especial ao ar livre nesta quinta-feira (22), às 20h, na comunidade onde foi filmado no interior do Rio Grande do Norte, o povoado da Barra, localizada a 275km de Natal.

Rodado há pouco mais de um ano, o filme é descrito pelos diretores como um longa de aventura que se passa no Brasil dos próximos anos. As gravações de Bacurau tiveram a participação ativa dos moradores da comunidade, e contam com Sônia Braga no elenco.

“Ter a paisagem do interior do Rio Grande do Norte como cenário de Bacurau é mais uma janela para exibir as potencialidades turísticas do interior do nosso estado, em especial do polo turístico Seridó”, avalia a secretária de turismo, Aninha Costa.

“Estamos orgulhosos de sermos o palco desse filme que está ganhando o mundo. A exibição no povoado é importante, inclusive, para estimular o fomento do consumo de audiovisual em nosso estado”, ressalta o gestor da Fundação José Augusto, Crispiniano Neto.

A exibição será realizada pela Vitrine Filmes e pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo (Setur/Emprotur), com o apoio da Fundação José Augusto (FJA).

Bacurau estreia em curcuito nacional no dia 29 de agosto. A produção foi vencedora do prêmio do júri no Festival de Cannes 2019 e o prêmio de melhor filme na principal mostra do Festival de Cinema de Munique. Também ganhou o prêmio de melhor filme no 23° Festival de Cinema de Lima.

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba prenderam em flagrante, nesta quarta-feira (21), Álvaro Rocha de Lima, 27 anos. A prisão se deu no Loteamento Bom Sossego, bairro São José, município de Macaíba, pela prática do crime de tráfico de drogas.

Com ele, foram encontrados uma porção de “crack”, uma balança de precisão, uma lâmina de corte e diversos sacos plásticos usados para embalar drogas. Álvaro Rocha também é suspeito de praticar homicídio e outros crimes na cidade de Macaíba, além de atuar em uma facção criminosa na região.

Ele foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia da Polícia Civil 181 ou do Disque Denúncia/Whatsapp da Delegacia Municipal de Macaíba, por meio do número: (84) 98114-4042.

Moradores da comunidade de Lagoa do Tapará, em Macaíba, estão sendo prejudicados diariamente com a situação que se encontra a principalmente estrada que dá acesso à Vila Olímpica da cidade.

Nossa redação recebeu imagem e, também, um relato de uma moradora sobre a problemática. Confira:

”Eu gostaria de relatar um caso que está acontecendo aqui na comunidade Lagoa do Tapará. A estrada principal (estrada essa que da acesso a vila olímpica de Macaíba) está totalmente emburacada devido as chuvas, e o acesso tá quase impossível”.

Do Senadinho Macaíba

Agência PRF

Em mais uma ação de combate à criminalidade, a Polícia Rodoviária Federal prendeu, no final da noite desta terça-feira (20), no Km 12 da BR 226, em Macaíba, região metropolitana de Natal, um homem que portava um revólver calibre 38 e estava prestes a cometer assaltos.

A abordagem aconteceu quando a PRF deu ordem de parada ao condutor de uma motocicleta Nxr 160 Bros que era ocupada por dois homens, mas o mesmo não atendeu a determinação e empreendeu fuga, sendo realizado acompanhamento tático.

Na tentativa de evadir-se, o condutor perdeu o controle da moto e ambos caíram. O passageiro conseguiu fugir pelo matagal, porém o motociclista, um homem de 20 anos, foi detido. Com ele foi encontrado um revólver calibre 38 e uma pequena quantidade de maconha, sendo constatado, ainda, que o mesmo já responde a outros crimes.

Questionado sobre a arma, o homem informou que havia adquirido-a de um terceiro, como pagamento de uma dívida e que a intenção da dupla era “fazer umas paradas“ naquela área da rodovia, ou seja, estavam na iminência de cometer assaltos a veículos. Alegou, ainda, que a motocicleta pertencia a um conhecido que também tem passagem pela polícia por práticas criminais.

Diante dos fatos, a ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Plantão Zona Sul pelos delitos de porte ilegal de arma de fogo e porte de droga para consumo.

Resultado de imagem para forum de macaiba

A 1ª Vara da Comarca de Macaíba abre inscrições para processo seletivo de estagiário de pós-graduação remunerado de Direito. São oferecidas duas vagas, havendo classificação até o 10º colocado, para efeito de cadastro de reserva. Veja AQUI o edital completo.

As inscrições serão realizadas no período de 21 a 30 de agosto, na Secretaria Judiciária da unidade, situada no Fórum de Macaíba, localizado na Rua Ovídio Pereira da Costa, s/n, Araçá, Macaíba, no horário de 8h às 14h, ou pelo e-mail veronicafernandes@tjrn.jus.br, devendo, neste caso, aguardar-se e-mail confirmando o recebimento da solicitação de inscrição.

Seleção

A seleção será realizada mediante prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, entrevista e análise do currículo, em que se analisará exclusivamente a aptidão do candidato para a vaga.

A prova discursiva consistirá em elaboração de uma sentença criminal e de uma decisão interlocutória cível, podendo abranger, em relação à primeira peça, todas as matérias de Direito Penal e Direito Processual Penal, com exceção da competência do tribunal do júri, de violência doméstica e execução penal e, quanto à segunda, matéria de Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Constitucional e/ou Direito Administrativo.

Ela terá duração de quatro horas e 45 minutos e será realizada no dia 9 de setembro, às 8h15, na sede da Escola da Magistratura (Esmarn), localizada na Rua Promotor Manoel Alves Pessoa Neto, nº 1000, Candelária, em Natal. Os candidatos devem comparecer ao local indicado com antecedência mínima de 15 minutos do início da prova.

Os dez primeiros candidatos que compuserem a lista de aprovados serão convocados, por meio de relação divulgada no Diário da Justiça Eletrônico no dia 16 de setembro, para entrevista pessoal com a magistrada titular da unidade, de caráter eliminatório, a ser realizada no dia 20 de setembro, a partir das 9h, na 1ª Vara Cível de Macaíba.

A lista de aprovados será publicada no Diário da Justiça Eletrônico, no dia 23 de setembro.

Condições

A jornada de estágio é de seis horas diárias e 30 horas semanais e a jornada diária será exercida no período de expediente do TJRN.
O estagiário receberá mensalmente bolsa-auxílio, atualmente no valor de R$ 1.874 e receberá, ainda, auxílio-transporte, atualmente no valor de R$ 127,60 por mês.

O estágio terá duração máxima de um ano, prorrogável por mais um ano, desde que comprovado o vínculo com a entidade de ensino.

 

As potencialidades e a perspectiva de instalação do Parque Tecnológico Augusto Severo, na cidade de Macaíba, foram tema de reunião na manhã desta última segunda-feira, 19, em Brasília, entre o secretário-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério das Minas e Energia (MME), Hélvio Neves Guerra, o reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo, e a assessora especial para o Parque,  Ângela Maria Paiva Cruz.

Após a reunião, Daniel Diniz destacou que o projeto foi muito elogiado e foi um passo importante para o estabelecimento de parcerias por meio do Ministério. O reconhecimento da relevância do Parque pelo MME se dá também pelo fato de que uma das três vocações iniciais do parque é na área de energias renováveis. As outras duas são tecnologia da informação e reabilitação em saúde.

A assessora para o Parque explicou que a unidade deve ser constituída como uma tríplice hélice que envolve o governamental, o acadêmico e o setor produtivo. Essa tríplice hélice funcionará visando à transformação do conhecimento produzido por meio da pesquisa em produtos e processos novos para os cidadãos e as instituições”, colocou  Ângela Paiva.

A ex-reitora comparou a iniciativa a um parque industrial, este dedicado sobretudo a produzir bens, artefatos e equipamentos que a sociedade necessita nas suas diversas formas de organização, sem necessariamente estarem investindo na pesquisa, no desenvolvimento e na inovação (PDI) como forma de avançar na sua produção. “Assim, um parque científico tecnológico requer a presença e participação efetiva de empresas com essa visão e estratégia de investimento em PDI”, explicou.

Parque Tecnológico Augusto Severo

Previsto para funcionar em uma área da UFRN na cidade de Macaíba de 50 hectares, com a infraestrutura básica já instalada e uma área de 15 mil metros quadrados construída com design horizontal e interligado para melhor eficiência do uso do espaço, o parque deverá prover espaços para incubadoras, aceleradoras de empresas, salas em diversas formas de uso, amplo espaço para construção de unidades empresariais ou laboratoriais.

Policiais civis da Delegacia Municipal de Pedro Velho, em conjunto com policiais militares, prenderam, nesta terça-feira (20), Daniel Narciso do Santos, 19 anos, na cidade de Pedro Velho. Ele é suspeito de ser um dos autores do latrocínio praticado contra a professora Ana Télia. O crime ocorreu no dia 29 de julho deste ano, na zona rural do município.

Na ocasião do fato, a vítima estava em sua residência, quando três homens e um adolescente invadiram a casa. De acordo com as investigações, os homens começaram a recolher os objetos dos moradores e um deles apontou a arma de fogo, pedindo dinheiro. No momento da ação, a professora foi atingida por um disparo. O marido de Ana Télia também foi baleado, mas foi socorrido no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal.

Na última sexta-feira (16), policiais civis realizaram a prisão de Jonas Alves de Souza e a apreensão de um adolescente suspeitos de envolvimento na morte da professora. A Polícia Civil solicita a ajuda da população no envio de informações para localizar o quarto envolvido no crime, identificado como Willian de Moura Costa, conhecido como “Dinho”, 28 anos. Informações podem ser enviadas de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

PC/Assecom

Resultado de imagem para senadores do rn

Os senadores potiguares Zenaide Maia(Pros), Jean Paul Prates (PT) e Styvenson Valentim (Podemos) são contra a indicação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos segundo apurou o BG.

Da bancada potiguar não vai sair nenhum voto para Eduardo virar embaixador.