Arquivo diário: quarta-feira, maio 1, 2019

Na tarde desta quarta-feira (01), um homem ainda não identificado foi encontrado morto em uma estrada carroçável após ser levado por quatro homens. A vítima foi assassinado com tiros na cabeça e o fato aconteceu na região da comunidade de Lagoa do Lima, zona rural de Macaíba.

No final da tarde uma equipe do Itep juntamente com policiais civis foram ao local fazer a perícia e a remoção do corpo.

Nos próximos meses alguns institutos de pesquisa estarão nas ruas de Macaíba coletando informações que irão mostrar como está o cenário político para disputa do próximo ano, onde será avaliado popularidade e rejeição de nomes que poderão disputar a eleição para o Poder Executivo.

A primeira pesquisa deverá tá saindo agora no início do segundo semestre.

As pesquisas são para consumo interno.

Uma idosa de 65 anos foi morta na manhã desta quarta-feira (1º) na frente da casa onde morava, no conjunto Padre João Maria, em São Gonçalo do Amarante, cidade da Grande Natal. Oscarina Maria de Lucena Lima tinha 65 anos. Ela levou pelo menos três tiros na cabaça. Segundo a Polícia Civil, um dos 7 filhos dela seria o verdadeiro alvo dos assassinos.

Ao G1, o delegado Frank Albuquerque, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que há pistas dos criminosos, mas que não pode dar detalhes para não atrapalhar as investigações.

O inquérito será conduzido pela Delegacia de Polícia Civil de São Gonçalo do Amarante.

Informações do G1 RN

O canal um minuto e meio com você, do youtuber Juscio Marcelino, esteve presente na palestra da professora Cláudia Maria Costin realizada nesta última segunda-feira (29) no Pax Club, em Macaíba. Confira!

O Governo do Rio Grande do Norte já trabalha na confecção de uma folha extra para pagar o piso dos professores da rede estadual na próxima sexta-feira, dia 03 de maio. O pagamento deveria ter saído nesta sexta-feira (30), juntamente com a folha de abril. No entanto, como o projeto de lei complementar só foi aprovado na Assembleia Legislativa no dia 25, quando a folha já estava fechada, não houve tempo para implantar o reajuste do piso, que é de 4,17%.

A Secretária Estadual de Administração, Virgínia Ferreira, disse que os servidores estão trabalhando em regime de urgência. “Sabemos que a folha precisa ir para o Banco do Brasil com 48h de antecedência. Temos o feriado de 1º de maio, mas todas as medidas, no âmbito do Poder Executivo, estão sendo tomadas visando garantir o cumprimento do acordo com a categoria.”

O professor Getúlio Marques Ferreira, secretário estadual de Educação explicou que a folha suplementar dos professores da ativa virá com a diferença entre valor do novo piso e o do piso anterior, além da primeira parcela do retroativo, referente ao mês de janeiro. Para aposentados e pensionistas, a implantação do piso será feita na folha regular de maio. No caso deles, o retroativo começa a ser pago em junho.

Nesta terça-feira (30), véspera de feriado, o Governo concluiu o pagamento do restante da folha salarial de abril do funcionalismo estadual. Estão circulando mais R$ 142 milhões na economia do Estado. Com isso, o Governo cumpre o pagamento em dia de todo o primeiro quadrimestre da gestão, e segue com ações na obtenção de recursos extras para quitar o passivo deixado pela última gestão.

Resultado de imagem para natalia bonavides

A deputada federal Natália Bonavides (PT) emitiu nota sobre a situação da Venezuela:

O governo Trump, através do golpista e “auto proclamado” presidente (!) Juan Guaidó, tentou hoje novamente dar um golpe na Venezuela. É extremamente maléfico e perigoso legitimar tais interferências estrangeiras em nosso continente, notadamente para o nosso país, abundante em riquezas naturais que hoje estão em disputa, como o petróleo, e outras que serão foco de conflitos no futuro, como a água.

Nossa solidariedade ao povo venezuelano e nossas desculpas pelas posições do governo brasileiro, que, através do presidente, busca deixar em aberto a possibilidade de intervenção militar – opção essa rechaçada pelas próprias forças armadas brasileiras.

Maduro é o presidente que o povo da Venezuela elegeu, e só o povo venezuelano é quem tem a soberania para decidir seus rumos. Reforçamos os apelos internacionais para o fim do embargo econômico que vem castigando a população do país; e que a busca pela paz respeite a soberania popular e a autodeterminação dos povos.

O presidente Jair Bolsonaro fala à imprensa sobre a crise na Venezuela, após reunião no Ministério da Defesa.

Valter Campanato/Agência Brasil

Agência Brasil – O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (1º) que há uma preocupação do governo com o impacto da crise da Venezuela nos preços dos combustíveis. O país é um grande produtor de petróleo e sofre com sanções econômicas e embargos de diversos países, liderados pelos Estados Unidos, à commodity.

“Uma preocupação existe sim, com essa ação e com embargos, o preço do petróleo a princípio sobe. Temos que nos preparar, dada a política da Petrobras [de seguir os preços do mercado internacional] e de não intervenção de nossa parte [do governo], mas poderemos ter um problema sério dentro do Brasil como efeito colateral do que acontece lá”, disse o presidente.

De acordo com Bolsonaro, o governo está em atenção para “nos anteciparmos a problemas de fora que venham de forma grave para dentro do Brasil”. Ele se reuniu hoje com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, para avaliar a situação política no país vizinho e os reflexos no Brasil. O encontro, no Ministério da Defesa, em Brasília, contou ainda com a presença dos ministros das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, e com os comandantes das Forças Armadas.