Arquivo diário: terça-feira, dezembro 25, 2018

PRF

Na tarde desta terça-feira (25), um homem foi preso pela Polícia Rodoviária Federal em Macaíba. O homem que não teve sua identidade revelada, estava com 300 quilos de maconha em um veículo.  A PRF descobriu que o condutor estava com essa carga de drogas ao abrir o porta malas.

A prisão foi em flagrante e o condutor das drogas foi encaminhado para delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal.

Idosos na região central de Brasília.

Marcelo Camargo/Agência Brasil

Agência Brasil – Termina em 31 de dezembro o prazo para registro no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), obrigatório para idosos acima de 65 anos de idade e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Beneficiários que não renovarem seu registro até a data poderão ter o pagamento suspenso até regularização, que poderá ser feita conforme calendário estabelecido pelo governo federal, com regras que variam conforme o dia do aniversário do titular.

O benefício, no valor de um salário mínimo (R$ 954), é concedido a idosos acima de 65 anos de idade e pessoas com deficiência com renda familiar de até R$ 238,50.

Para se inscrever, os beneficiários do BPC devem procurar os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) ou a Secretaria de Assistência Social do município onde residem, apresentando o Cadastro de Pessoa Física (CPF), Registro Geral (RG) e um comprovante de residência. A inscrição também pode ser feita pelo responsável familiar, contanto que leve os documentos de todas as pessoas que moram com o beneficiário.

Caso não se inscreva no CadÚnico até o final deste ano, para evitar a suspensão do pagamento, o beneficiário deverá colocar sua situação em dia até o final do prazo do lote ao qual está vinculado. Nascidos nos primeiros três meses do ano, por exemplo, têm até 31 de março de 2019 para regularizar sua situação. Caso contrário, o benefício poderá ser interrompido a partir de abril.

O benefício poderá ser reativado assim que a inscrição for identificada, quando receberá o valor referente ao período de suspensão, de modo retroativo. Segundo portaria do Ministério do Desenvolvimento Social, beneficiários não inscritos no CadÚnico serão notificados sobre os prazos que devem seguir, através de comunicado emitido pela rede bancária ou por carta encaminhada pelos Correios, com aviso de recebimento (AR).

Para se inscrever, os beneficiários devem procurar os Centros de Referência de Assistência Social
Para se inscrever, os beneficiários devem procurar os Centros de Referência de Assistência Social – Arquivo/Cadastro Único

Por meio dos canais de atendimento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), como o telefone 135, o beneficiário poderá informar a realização de sua inscrição no CadÚnico ou o motivo pelo qual está impossibilitado de se inscrever.

Aqueles que não realizarem a inscrição no CadÚnico dentro do prazo estabelecido e não entrarem em contato com o INSS em até 30 dias após a data do bloqueio do benefício, terão que entrar com recurso nos canais de atendimento do INSS, para que o benefício não seja definitivamente cortado.

Além do valor em dinheiro viabilizado pelo BPC, outra vantagem trazida pelo CadÚnico é a possibilidade de adesão a outros programas sociais, como a Tarifa Social de Energia Elétrica e o Minha Casa, Minha Vida.

Por volta das 10h30 desta terça-feira (25), um homem foi assassinado a tiros no bairro Belo Horizonte em Mossoró. De acordo com informações do Mossoró Hoje, a vítima estava em um bar quando foi assassinado próximo da praça Vilma de Faria.

A Polícia Militar foi acionada, ao chegar no local  do crime constatou que o homem já estava morto, a Polícia Civil e o Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP) foram acionados para realizar a perícia e a remoção do corpo. Ainda é desconhecido o que tenha motivado o crime.

Resultado de imagem para policia civil rn

A Polícia Civil divulgou, neste último sábado (22), a designação para que a comissão de quatro delegados da DHPP, formada com o intuito de apurar homicídios de agentes de segurança, investigue o homicídio do soldado da Polícia Militar João Maria Figueiredo, morto nessa sexta-feira (21), na cidade de São Gonçalo do Amarante.

A comissão, que foi formada em maio de 2018, com o trabalho de três delegados, agora passa a contar com o acréscimo de mais um delegado.

Logo após o homicídio que vitimou o policial militar, os policiais civis da DHPP dirigiram-se até local do crime e realizaram as primeiras providências investigativas para elucidar o caso.

Comissão –  Foi instituída 17 de maio de 2018, com o intuito de investigar os homicídios, tentados e consumados, que foram praticados contra os agentes de segurança pública na região de Natal e da Grande Natal, cometidos desde janeiro de 2017.

A comissão investiga crimes cometidos em Natal e na Grande Natal, compreendendo os municípios de Ceará Mirim, Extremoz, Macaíba,Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e São José de Mipibu.

A governadora eleita Fátima Bezerra anunciou nesta segunda-feira, 24, o nome do Turismo no seu Governo: Ana Maria Costa, profissional com reconhecida atuação na área há pelo menos 18 anos, comandará a Secretaria de Turismo do RN (Setur).

Fátima ressaltou o importante papel que a atividade turística desempenha no Estado e disse que a indicação de Aninha Costa passa pela experiência e expertise no setor – ela foi o nome sugerido à governadora pelas entidades do trade turístico.

“O turismo gera emprego e renda e é um impulsionador do desenvolvimento do estado. Nosso estado é rico em belezas naturais e tem vocação turística, não só no quesito sol e mar, mas no turismo de aventura, religioso, eventos, gastronômico, cultural e ecológico. Precisamos fomentar o turismo com desenvolvimento sustentável e inclusão social”, observou.

Aninha Costa agradeceu a confiança da governadora e disse que fará uma gestão focada nas potencialidades do estado. “Vamos trabalhar com determinação, para que o Rio Grande do Norte tenha um turismo forte, com infraestrutura, qualificação de pessoal, conectividade aérea e equipamentos turísticos de excelência”, acrescentou.

Perfil

Ana Maria Costa é formada em Educação Física pela UFRN. Foi professora das redes Estadual e Municipal e há 18 anos atua na área de turismo receptivo, onde é diretora Comercial da Potiguar Turismo e Anauê Receptivo. De 2015 a 2017, Ana Costa foi diretora-presidente daEmpresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur).