Arquivo diário: sábado, dezembro 30, 2017

(Fernando Frazão/Agência Brasil)

A Força Nacional iniciou hoje (30) o patrulhamento em Macaíba. O efetivo policial está realizando rondas nas cidades da Região Metropolitana de Natal após o Governo do Estado solicitar apoio do Governo Federal para conter a onda de violência que vem tomando de conta do estado após os policiais decidir realização à Operação Segurança com Segurança, com objetivo de protestar contra o governo que não vem conseguindo pagar os salários em dia.

Além da Força Nacional, o Rio Grande do Norte recebeu mais de 2 mil soldados das Forças Armadas para patrulhar a Região Metropolitana e Mossoró. Em Macaíba o efetivo realizou hoje rondas por diversas ruas da zona urbana. Assim como em Natal, Macaíba também vem registrando ações da criminalidade, com diversos roubos de veículos.

O Governador Robinson Faria, assinou decreto nesta última  sexta-feira (29), transferindo o controle operacional dos Órgãos de Segurança Pública, para garantia da Lei e da Ordem no Estado do Rio Grande do Norte, para o General de Brigada Ridauto Lúcio Fernandes.

O General é a autoridade encarregada das operações das Forças Armadas na Região Metropolitana de Natal e em Mossoró, no período de 29 de dezembro de 2017 a 12 de janeiro de 2018.

Homens do Exército na comunidade do Mosquito, em Natal

José Aldenir / Agora Imagens

O início das atividades das tropas militares do Exército Brasileiro em Natal foi tenso. Na noite desta sexta-feira, 29, os combatentes praticamente foram recebidos com tiros na comunidade do Mosquito, na zona Norte da cidade. A ocorrência foi registrada por volta das 21h.

De acordo com informações apuradas pelo Portal Agora RN, as tropas militares já chegaram ao local em meio a um tiroteio envolvendo duas facções criminosas. Um arrastão era realizado no região da Av. Felizardo Moura e diversas pessoas abandonaram seus veículos.

Matéria na íntegra no Portal Agora RN

Conta de luz (Arquivo/Agência Brasil)

Arquivo/Agência Brasil

Agência Brasil – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou hoje (29) que a bandeira tarifária das contas de luz em janeiro será a verde, quando não há cobrança de taxa extra.

Em outubro e novembro, em razão dos baixos níveis dos reservatórios das hidrelétricas e da escassez de chuvas, a bandeira tarifária adotada pela Aneel foi a vermelha patamar 2, a mais cara do sistema, com cobrança adicional de R$ 5 para cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos.

Em dezembro, a agência reguladora baixou a bandeira vermelha para o patamar 1, quando são cobrados R$ 3 a cada 100 kWh. A taxa extra se deve ao acionamento das usinas térmicas, que tem um custo maior para a produção de energia.

No início de dezembro, a Aneel já havia sinalizado a possibilidade de cobrança da tarifa amarela em janeiro, quando o valor extra é de R$ 1 a cada 100 kWh. No entanto, segundo a agência, com a chegada do período de chuvas, houve um acréscimo no nível dos reservatórios, diminuindo a necessidade de acionamento das térmicas e possibilitando a adoção da bandeira verde.

“O acionamento dessa cor indica condições favoráveis de geração hidrelétrica no Sistema Interligado Nacional. Mesmo com a bandeira verde é importante manter as ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício de energia elétrica”, destacou a Annel em nota.

Um carro foi abandonado no bairro Auta de Souza, em Macaíba. De acordo com relatos de moradores pelas redes sociais, houve intensa troca de tiros dos bandidos com um grupo de homens que fazem a segurança do bairro.

O carro Logan,  cor prata, de placa OJS – 8777, consta com registro de roubo.  Segundo relatos de moradores, os ocupantes poderiam está em busca de vítimas.

Outra ocorrência

Ontem (28) um grupo de quatro homens tomou de assalto um Honda Civic, no Vilar. A vítima estava em frente a um Lava Jato, faltava 20 minutos para 22hs quando a vítima  foi surpreendido pelo grupo armado.