Arquivo diário: sexta-feira, novembro 3, 2017

Resultado de imagem para botijão

Agência Brasil – Os preços do gás de cozinha para uso residencial em botijões de até 13 kg (GLP P-13), vão aumentar em 4,5% nas refinarias, em média, a partir da 0h de domingo (5).

Segundo a companhia, a causa principal do reajuste é a “alta das cotações do produto nos mercados internacionais, influenciada pela conjuntura externa e pela proximidade do inverno no hemisfério norte”. Ainda conforme a companhia, a variação do câmbio também contribuiu para a necessidade do aumento.

A Petrobras informou que a elevação foi aplicada sobre os preços praticados nas refinarias sem incidência de tributos. Como a legislação brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, o preço para o consumidor dependerá de cada distribuidora e revendedora.

Pelos cálculos da companhia, se a alta for repassada integralmente aos preços finais, o preço do botijão de GLP P-13 pode ser reajustado, em média, em 2%, cerca de R$ 1,21 por botijão, caso sejam mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos.

De acordo com a Petrobras, o reajuste acompanha a política de preços divulgada no início de junho. O último aumento entrou em vigor no dia 11 de outubro deste ano. A alteração valerá a partir de domingo não se aplica ao gás liquefeito de petróleo (GLP) destinado a uso industrial e comercial.

Corpo carbonizado foi encontrado amarrado e de cabeça para baixo entre pilhas de materiais de concreto em Parnamirim, na Grande Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

(Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

Um corpo de uma mulher foi encontrado em Parnamirim. De acordo com o Portal G1 RN, o corpo estava carbonizado, com mãos e pés amarados, foi encontrado de cabeça para baixo. O local está várias  peças de concreto. Os moradores acionaram a Polícia Militar após encontrarem o corpo no local, na tarde de ontem (02).

 

COEPPIR/RN

Aconteceu nesta última terça-feira (31/10) a reunião da Comissão Organizadora da II Feira Étnica e Racial do Rio Grande do Norte com a presença do Eco Praça. A pauta da reunião foi a Virada Cultural que acontecerá esse ano.

“O dia 17/11 será histórico para esse Estado, pois vamos unir todos os povos tradicionais e o movimento negro em prol da igualdade racial e para a promoção da cultura de cada comunidade. O apoio do Instituto Ancestral (organizador do Eco Praça) vai ser essencial para isso”, afirmou a Coordenadora Mary Regina.

Sobre a II Feira Étnica e Racial do Rio Grande do Norte

A II Feira Étnica e Racial do Rio Grande do Norte acontecerá no dia 17/11 (sexta-feira) na Praça Cívica em Natal/RN das 16h às 03h. A feira trará 90 artesãos de comunidades tradicionais (indígenas, quilombolas, ciganos e matriz africana) e coletivos do movimento negro, além de apresentações culturais das comunidades e artistas negros.

Esse ano a Feira ocorrerá com o apoio do Mandato do Deputado Estadual Fernando Mineiro (PT), através da liberação de emenda parlamentar para a garantia da estrutura.