Arquivo diário: terça-feira, julho 11, 2017

Uma loja de produtos eletrônicos foi assaltada na tarde de hoje (11) no centro de Macaíba. De acordo com a ConnectTV, três homens chegaram ao local e anunciaram o assalto, levando vários produtos. A Polícia Militar foi acionada e após ser informada que um dos suspeitos estava em uma oficina, a viatura foi até o local e prendeu o suspeito.

Os outros dois suspeitos ainda não foram encontrados.

Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil

Da Agência Brasil – Mesmo com os microfones desligados e as luzes do plenário apagadas, as senadoras de oposição que ocuparam a Mesa do Senado permanecem no local para tentar impedir a votação da reforma trabalhista. O presidente da Casa, Eunício Oliveira, foi impedido de presidir a sessão que iria analisar a proposta.

O protesto é feito pelas senadoras Gleisi Hoffmann (PT-PR), Fátima Bezerra (PT-RN), Ângela Portela (PT-ES), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), Lídice de Mata (PSB-BA), Regina Sousa (PT-PI) e Kátia Abreu (PMDB-TO).

A ocupação foi criticada por senadores governistas. “Isso é um verdadeiro vexame para o Senado, eu diria até uma vergonha. Nunca aconteceu isso aqui. Eu só posso dizer que estou chocado. Diante disso que aconteceu acho que o presidente está certo. O que nós queremos é votar, tudo se resolve aqui no voto e não dessa maneira”, disse o senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN).

Já o senador Jorge Viana (PT-AC) disse que o impasse se deve à forma com que o governo está conduzindo as reformas no Congresso. “É uma atitude de um grupo de senadoras. É isso que dá esse impasse que o Brasil está vivendo. É claro que não é bom, mas, por outro lado, como é que pode se fazer uma reforma trabalhista sem que o Senado possa alterar um inciso, um artigo de uma lei que é tão importante para todo mundo?”, avaliou.

Foto:Arquivo

O Governo do Estado.do Rio Grande do Norte, através do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), realiza na próxima segunda-feira (17) audiência pública para tratar das licitações para as linhas de transporte de passageiros no interior e na região metropolitana de Natal.

A audiência terá início  às 10 horas, no auditório da Escola de Governo, no Centro Administrativo.


Uma ação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte, por meio do Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco), e da Polícia Militar prendeu na manhã desta terça-feira (11) um dos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Estado. Iranilson dos Santos Silva, o Cicinho, foi preso por volta das 9h30 no bairro de Lagoa Nova, em Natal.

Cicinho fugiu do presídio estadual Rogério Coutinho Madruga, o Pavilhão 5 de Alcaçuz, em 14 de janeiro deste ano, durante as rebeliões que culminaram com a morte de 26 detentos. Ele era um dos criminosos mais procurados pelas forças de segurança pública do Rio Grande do Norte. Iranilson dos Santos Silva é considerado de altíssima periculosidade e já foi condenado a mais de 22 anos de prisão pela prática de vários crimes.

No momento da prisão, os policiais do Batalhão de Choque da PM constataram que Iranilson dos Santos Silva portava documento falso. O paradeiro dele chegou ao conhecimento do Gaeco por meio de denúncia anônima, repassada imediatamente aos policias do Batalhão de Choque, que efetuaram a prisão.

Iranilson dos Santos Silva será apresentado novamente ao sistema penitenciário, onde deve continuar o cumprimento da pena.

Caso saiba de alguma informação que possa levar à prisão de criminosos, colabore com as autoridades ligando para o telefone do Gaeco: (84) 3606-8082. A identidade do informante será preservada.

MP RN

A imagem pode conter: 4 pessoas, multidão e atividades ao ar livre

As inscrições presenciais para os atletas que comprovaram nascimento ou residência em Macaíba estão encerradas, mas as inscrições pela internet continuam até a próxima quarta-feira (12), informa assessoria de comunicação.

A Corrida será realizada no próximo domingo, 16 de julho, com percursosde cinco e dez quilômetros no Centro da cidade. A largada está prevista para as 16h, na Praça Paulo Holanda Paz, local também da chegada da corrida.

Acesse o site da prova e faça sua inscrição http://corridaaugustosevero.com.br/

 

Fotos: Léo Cabral

A porta-voz nacional da REDE Marina Silva, comentou na tarde desta segunda-feira o parecer favorável do relator da Comissão de Constituíção e Justiça (CCJ) da Câmara, o deputado Sergio Zveiter (PMDB/RJ), para que a denúncia do Ministério Público Federal seja recebida. Segundo Marina, apesar dos esforços do presidente em trocar votos por vantagens, os fatos falaram mais alto.

“O governo insiste na estratégia abusiva de trocar votos na CCJ por cargos e benesses, além da tentativa de desqualificação da acusação por meio do uso farto de adjetivações. Mas os fatos deixaram a própria defesa do presidente sem argumentos”, comentou Marina em sua página do Facebook logo após o anúncio do relator da CCJ.

Para Marina, é essencial que a sociedade siga vigilante acompanhando cada passo do processo. “No Brasil, não se pode criar o precedente de que existem pessoas que são grandes demais, poderosas demais, importantes demais para serem punidas”, afirmou.

Em seu parecer,  Zveiter entendeu haver elementos para a chamada “admissibilidade” da acusação formal da PGR (Procuradoria-Geral da República), segundo a qual o presidente cometeu crime de corrupção passiva.

“Por ora, o que temos são indícios de autoria que ao meu sentir, ensejam o deferimento da autorização”, afirmou Zveiter em seu voto.

Após a leitura do parecer, o advogado Antonio Claudio Mariz de Oliveira, responsável pela defesa de Temer, fez a sustentação oral para rebater a denúncia. Agora, a expectativa é que haja pedido de vista e, somente na quarta-feira (12), tenha início a fase de mais de 40 horas de debates de deputados a favor e contra a denúncia.

Rede Sustentabilidade

Foto: Assecom

Policiais do 11º Batalhão de Polícia Militar (11ºBPM) apreenderam, na madrugada dessa terça-feira (11), dinamites que teriam sido roubadas de uma pedreira em São Gonçalo do Amarante. Ao receber a informação do roubo, a PM foi ao local e visualizou três homens em um veículo. O trio desceu do carro e se evadindo pelo matagal.  No carro, foram encontrados documentos  e dinamites, além de um aparelho de celular. Diante do flagrante, uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope) foi acionada e o material apreendido.

Foto: Wallacy Medeiros / Agecom

O Instituto Metrópole Digital (IMD), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), abriu inscrições nesta segunda-feira, 10, para seleção de bolsista de apoio técnico e administrativo para atuar no polo Natal do IMD, com disponibilidade de uma vaga.

As inscrições continuam até o dia 14 de julho e os candidatos interessados devem estar regularmente matriculados nos cursos de graduação da UFRN, exceto Bacharelado em Tecnologia da Informação, Ciências da Computação e Engenharia de Software. Como critério, exige-se, ainda, que o candidato tenha conhecimentos na área administrativa e de coordenação/secretaria de cursos, assim como na área de informática, especialmente no que diz respeito à utilização do Pacote Microsoft Office.

A inscrição deve ser feita presencialmente, no IMD – recepção do prédio do CIVT/IMD, localizado na Av. Capitão Mor Gouveia, s/nº – com entrega de formulário devidamente preenchido, acompanhado dos seguintes documentos impressos: cópia do RG e CPF;  currículo;  comprovante de matrícula da UFRN; comprovante de inscrição no Cadastro Único da UFRN; e histórico acadêmico da graduação, até às 17h do dia 14 de julho. Para mais detalhes, acesse o edital no site do IMD.

Informações do Portal da UFRN

Assecom

O Governo do Estado, em conjunto com a prefeitura de Nísia Floresta, iniciou na Penitenciária  Estadual de Alcaçuz, um trabalho pioneiro no sistema prisional brasileiro:  distribuição de ivermectina, remédio usado para erradicação de escabiose entre os presos.

Acompanhado pelo secretário de Justiça e Cidadania, Mauro Albuquerque, a equipe de saúde da unidade, coordenada pelo médico Lionaldo Duarte, começou o tratamentos, neste primeiro momento aplicando a dose 1 em 370 apenados do Pavilhão 3.

Com apoio dos agentes penitenciários e da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP) uma equipe composta por três médicos, dois enfermeiros, um psicólogo, um assistente social, um dentista, um técnico em saúde bucal, um técnico em enfermagem e cinco alunos do 12º período do curso de medicina da UNP participaram da ação, fazendo avaliação preliminar dos presos, através de exame clinico, com informações documentadas em planilhas. Cada preso ingeriu dois comprimidos. Após sete dias será ministrada a segunda dose, com mais dois comprimidos. Com 30 dias a equipe volta a Alcaçuz para fazer uma nova verificação da aplicação, repetindo o questionário.

O objetivo é implementar um esquema terapêutico para livrar essa população carcerário dos riscos e consequências da escabiose, doença de pele que serve de porta de entrada para outras enfermidades, além de agir também de forma preventiva. “Fizemos tudo de maneira planejada para implementar um projeto modelo e evitar um dos piores surtos em presídios, que é o da escabiose, doença cujas complicações podem levar a morte. Com essa ação evitamos, ainda, a saída de presos para atendimento na rede pública”, comentou Thiago  Cabral, um dos médicos de Alcaçuz.

Na ocasião, a Sejuc também distribuiu kits de higiene pessoal doados por uma igreja e compostos de pasta, escova, barbeador e sabão, além de uma edição da Bíblia Sagrada para cada cela, das alas A e B do pavilhão. O titular da Sejuc comentou que o projeto integra as mudanças que vêm sendo implementadas para reestruturar o sistema prisional do RN.  “Com essa imunização estamos cuidado não só dos presos, mas também dos agentes penitenciários que lidam com eles diariamente”, ressaltou Ivo Freire, o diretor de Alcaçuz. A projeto contou ainda com o apoio (com parte do fornecimento da medicação) e acompanhamento da  secretária de saúde de Nísia Floresta, Lidiane Costa.